Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Cantinho da Casa

Cantinho da Casa

os hospitais privados e os EPI

Maria Araújo, 04.06.20

thank-you-doctors-and-nurses-vector-id1211428516-8

neste post,escrevi sobre o valor adicional que vou pagar, que acho exagerado, na minha próxima consulta de higiene oral.

a este respeito, amanhã,vou acompanhar uma amiga ao hospital privado, tem exames para fazer, enquanto esperasse por ela, pensei ir a uma consulta de medicina geral e trazer a medicação habitual ( tiróide e colesterol) assim como exame de sangue, que teria de fazer em Abril passado mas o confinamento alterou-nos a vida, queria novas prescrições.

a minha amiga tinha contado que os utentes queixavam-se da taxa adicional que os hospitais estão a cobrar, que um senhor protestara ao balcão, pois  tinha feito vários exames e por cada um deles pagava esse adicional, já pagara mais por este do que pelos exames.

então, marquei, via APP, a minha consulta de medicina geral.

recebi uma SMS que confirmava a consulta, e mais isto:
" preocupados  com a sua segurança, existe agora um adicional associado a protecção COVID-19.  Para mais informações..."

no dia seguinte, recebi uma SMS que  diz: " teleconsultaTrofa Saúde. Dados para pagamento ENT: xxxxx,REF:  xxxxxxxx, VAL: 8,99 "

primeiro: não é uma teleconsulta, é presencial, no valor de 3,99€;

segundo: como vou pagar mais 5€ de taxa ( “especificidade dos EPI [Equipamentos de Protecção Individual]) se eu vou entrar no hospital com a minha máscara, não vou fazer qualquer tipo de exame, nem sequer sou auscultada, a médica  apenas regista no pc a medicação necessária, imprime, entrega-a e saio do gabinete, porque razão vou pagar mais um adicional de uma coisa que deve ser o hospital a suportar? 

1€ ou 2€  eu entendia, mas pagar pelos  EPI um valor superior à consulta, é uma afronta para os utentes.

e na APP cancelei a consulta.

amanhã, passo na Unidade Familiar do Centro de Saúde e marco uma consulta para a minha médica de família.

 

 

 

 

 

Quem espera desespera

Maria Araújo, 10.12.14

Quando combinas a hora da fisioterapia para todas as sessões (quase sempre à mesma hora), e pensas que se vais mais cedo alguns minutos por que entras por ordem de chegada, e /ou  alguém pode faltar, e/ou atrasar-se, entras logo que chegas (acontece algumas vezes), pelo contrário, esperas meia hora ( que desespero!), atrasam-se os tratamentos, perdes uma tarde, tudo por que na clínica  o número de utentes baixou (dizem?!), despediram pessoal e os poucos que ficaram trabalham a dobrar e têm de se virar com os utentes que são obrigados a esperar e adiar os seus planos para o dia.

Chegas a casa e pensas: "que fiz eu hoje de tarde? Nada!" E as decorações de Natal e as prendas para embrulhar ainda por fazer (e à noite não apetece).