Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Cantinho da Casa

Cantinho da Casa

seria bom ficar uma noite

Maria Araújo, 12.03.18

Fui levar a minha irmã ao hospital para ser operada às varizes, era a segunda da lista, tinha entrada marcada no hospital para as 13h.

Sou pontual, às 13h15 saía eu do hospital, ainda vim almoçar a Braga.

Embora tivesse sido operada há 6 anos, estava ansiosa. Um livro para se distrair, eis que uma hora depois de a deixar, recebo uma SMS a dizer que ainda não tinha entrado para a sala de cirurgias.

Claro que não, pois se tinha uma pessoa à frente, calculo que no mínimo duas horas seriam necessárias para  chegar a sua vez. 
A minha resposta foi " À hora que tiveres de sair, diz, nem que seja de noite".

Entretanto, as SMS entravam, quase desmaiou a meter o catéter, que tinha dores horríveis, que tiveram de metê-lo noutro sítio,  porque nunca mais chegava a sua vez. Acabei de receber nova SMS, são 17h, a dizer que ainda está na enfermaria que nem às 9h da noite sai do hospital.

Minha resposta: "O melhor será ficares a noite aí, descansas, e amanhã vou-te buscar. Mas se saíres de noite, amanhã não vais trabalhar".

Resposta: " Ok, farei o que os médicos me aconselharem".

Compreendo o seu desespero, sei o que é marcarem uma hora e estar impaciente à espera da sua vez.

Ainda bem que está atrasada porque se fosse a horas, é sua intenção ir trabalhar amanhã, teria de fazer 100km.

Ela põe a empresa em primeiro lugar e eu não aceito este sacríficio.

 

o pito

Maria Araújo, 12.01.18

Eu não costumo escrever posts jocosos, mas este anda-me entalado de me rir sempre que me lembro dele,  desde o fim de semana passado : "escrevo, não escrevo... é hoje!", pensei.

Meados do passado que uma amiga dizia-me que um dia que a mãe tivesse um pito bom convidava-nos ( eu e amigas) para um jantar.

Ria-me sempre que falava do pito, ela ria-se, também, eu não dava grande importância nem contava às outras amigas que ela tencionava fazer um jantar em sua casa.

Ora, em Setembro transacto, passei pelo trabalho dela, precisava que me esclarecesse um assunto, falou-me, de novo, no pito: "Ah, a minha mãe diz que o pito dela ainda não está crescido suficiente para fazer o arroz..."

Eu ri-me  e respondi que não tinha de se preocupar com isso, que o  jantar seria quando ela entendesse. 

Finais de Novembro, um sábado final de tarde, encontramos o casal com a família dele que também se cruzaram e por ali ficaram a conversar.

Fala-se de filhos, dos tempos que íamos para a night, os namorados que tivémos, do casamentos das amigas, o da minha irmã, os namoros dos filhos, enfim. O marido desliga-se da nossa conversa, virou-se para outro lado da conversa que decorria entre os outros familiares.

Cerca de uma hora depois de tanta treta, e quando estavamos a despedir-nos, diz ela: " A minha mãe diz que o pito dela está quase a atingir o peso ideal para fazermos o nosso jantar. Estai atentas que lá para Janeiro temos pito!"

Fartámo-nos de rir.

Nos 50 anos da nossa amiga Xana, confirmou que seria já este mês o nosso jantar.

Como em tempos fiquei sem o número dela e nunca tive o dele, Domingo, 10h, todas recebemos uma SMS. Não reconheci o número mas pelo texto, desatei a rir: " Bom dia. Jantar do pito sexta-feira, 12.  Beijinhos,  C e M"

Óbvio que respondi de imediato " Bom dia. Ahahaha! Se não se identificassem, não sabia de quem era o pito. Levo vinho. Beijinhos".

E amanhã quatro mulheres vão  sentar-se à roda da mesa, com o casal, mais as duas filhas,  para o jantar de arroz de pito.

E eu adoro demais arroz de pito. Mais do arroz que do pito.

 

Resultado de imagem para arroz pica no chao

 

outras galáxias

Maria Araújo, 06.11.17

Este post é dirigido o simpático blogger Andy Bloig, que nos dá o prazer de ler assuntos quase do outro mundo, nos seus posts "o mundo deve estar louco", lê os nossos textos e nunca nos deixa sem respostas aos comentários e, sobretudo, dá dicas  ás nossas dúvidas e opina os nossos comentários e/ou argumentos, respeitando quem está deste lado.

Ora hoje lembrei-me de si, Andy (que interesseira "meu").

Fazendo um carregamento de telemóvel, via banco online, não recebi a SMS da operadora a confirmar o carregamento.

Achei estranho, mas também há alturas que demora alguns minutos a recebê-la, esqueci quase de imediato.

Entretanto, faço umas chamadas e o telemóvel não dava sinal nenhum.

Fiz o contrário. Liguei do telefone fixo para o telemóvel. Sem sinal de chamada, uns segundos depois ouve-se a voz do gravador dizendo: " o número para o qual ligou não tem voice mail activo".

Entretanto, tento saber o saldo do telemóvel, marquei o número respectivo: zero sinal. Ou seja, o telemóvel está operacional em tudo: o wifi funciona, até que me embrei de fazer chamada pelo whatsapp, que funcionou.

Perguntei-me: "Será da operadora?". "Será que o Lisbon Web Summit está a dar que fazer às operadoras andam ocupadas noutras galáxias e, no meu caso, não me permite enviar/ receber chamadas e SMS?" "Ou será que o telemóvel, com 15 dias, pifou?"

Sendo Andy um querido (sabe tudo destas coisas de tecnologias, contas e muito mais), e antes de fazer qualquer outra coisa que seja, ir à loja apresentar reclamação, sei que vou ter a sua ajuda.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

depois da sms

Maria Araújo, 15.12.16

recebi um e-mail com as promoções online. Foi a primeira vez que recebi um e-mail a "convidar" às compras antecipadas às promoções na loja.

À meia-noite, lá estavam elas.

Comprei três peças. Ainda incluí um blusão de pele, 100 euros abaixo do valor real, mas pensando bem, uso pouco, tirei-o do cesto de compras.

Sem intenção de ir à loja, porque não gosto de confusão, veio a loja ao meu cantinho.

 

Sem Título.png

 

 

contaram-me um segredo

Maria Araújo, 14.12.16

Transcrevo textualmente uma sms que acabei de receber:

"Estimada cliente: Vamos contar-lhe um segredo, amanhã  15/12 começam as PROMOÇÕES. Encontre os melhores presentes de Natal com  descontos até 50%. Boas Festas!"

Ora, se é segredo é porque só eu a recebi. Então, e por que estou interessada em alguns artigos da marca, amanhã, quando chegar à loja sei que vou encontrar uma multidão de mulherio nas PROMOÇÕES supostamente confidenciais.

Bem gostaria, mas não me apanham lá.

Para assitir a uma feira, vou à semanal.