Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

cantinho da casa

cantinho da casa

Qui | 07.12.17

comprei mais um par

Maria Araújo
Havia escrito que nunca comprara calçado nesta sapataria. Num dos dias que por lá passei, atrevi-me a entrar e dar uma olhada às botas. Comprei estas  , super confortáveis. Ontem, na minha ida à farmácia, passei em frente e reparei no cartaz que indicava 30% de desconto em alguns modelos. Dei uma volta às prateleiras. Nas caixas que se amontoam, (...)
Ter | 31.10.17

do meu dia

Maria Araújo
Tenho andado muito calma nas tarefas do meu dia-a-dia, faço as coisas com tempo, ou se deixo algo por fazer não fico stressada, desligo o computador para que não me distraia a ler blogs ( a minha perdição) e me esqueça do que ficou em suspenso, enfim, gosto deste momento que passo e espero continuar por muito mais tempo. Ontem de manhã, depois do ginásio, fui à florista comprar um ramo, pequeno e simples, para a campa dos meus pais e irmã mais velha. Seguiria de imediato para o (...)
Qua | 03.08.16

decididamente desisti

Maria Araújo
de procurar os vestidos, optei por comprar umas sandálias de salto baixo (já não consigo calçar saltos altos) e de cor neutra para usar com os vestidos que tenho, alguns com mais de 4 anos, eheheheh! Não perdi tempo, entrei na sapataria onde pensei encontrar o salto desejado, e achei o par que me satisfaz os desejos.    
Qui | 27.11.14

Uma dica...

Maria Araújo
E quando vemos um par de sapatos lindos de morrer,entramos na sapataria, calçamos, vemos ao espelho, miramos, remiramos, parece que está tudo bem, pagamos  e vimos felizes da vida por que trazemos um dos objectos de desejo que as mulheres adoram (eu não sou excepção)? E quando saímos à rua e após alguns metros percorridos temos a sensação de (...)
Sex | 26.09.14

Calçado intemporal

Maria Araújo
Enquanto eu seguia a moda, minha irmã mais velha não queria saber dela, da moda, e sempre calçou o que era o seu conforto. E tinha-os bem elegantes, apesar de eu lhe dizer que não se usavam. Um calçado  intemporal que hoje invade as montras das lojas por onde passamos e que eu sempre gostei. No ano passado,  esqueci a minha altura e apaixonada que fiquei, comprei estes que fazem a delícia dos meus (...)