Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

cantinho da casa

cantinho da casa

Sex | 13.11.20

dia 13, sexta-feira

Maria Araújo
em Apúlia, antes do confinamento do fim de semana, um dia de praia sereno, com as temperatura da água e do ar agradáveis.  E de repente, veio uma onda mais forte, se não estivesse atenta, levava-me as sapatilhas...levou a mensagem. Fui buscar o carro ao centro, passei pelos restaurantes de Cedóvem, àquela hora chegavam clientes para almoçar. Almocei na esplanada de um restaurante, apenas eu. Comi bem, estava saboroso,não ia deixar ficar mais de metade da dose, trouxe o (...)
Seg | 21.09.20

depois de Chaves,Amarante

Maria Araújo
Ainda sobre as mini férias em Chaves, e porque decidimos passar por Amarante, saímos de Vila Real... pouco faltava para metermos pelo Alto Douro Vinhateiro, mas não havíamos planeado  ficar mais de dois dias fora de casa,ficará para uma próxima  saída, de preferência sem COVID. Chegamos a Amarante,carro estacionado, surge-nos a Igreja de São Gonçalo. Nãofaltavam turistas, portugueses e (...)
Sab | 29.08.20

passeio por Chaves # 1

Maria Araújo
Há algum tempo que pensara visitar Chaves. Tenho lido alguns roteiros sobre esta cidade que não visitava há quase 30 anos, e dar um passeio pelos jardins do Vidago Palace Hotel, em Vidago. Não podia ir mais de três dias, não queria deixar a gata muito tempo sozinha, tenho a família fora, ninguém para cuidar dela, então desafiei a minha amiga N,que  manifestara interesse em ir comigo para onde quer que fosse, assim como ela precisava muito de sair e distrair-se, tratei de fazer a (...)
Dom | 28.04.19

do fim de semana # 1

Maria Araújo
Sábado, pela primeira vez,  fomos à actividade "Sessões Pais & Bebé" nesta biblioteca, assistir ao conto " A Carochinha e o João Ratão",  para crianças dos 12 aos 36 meses de idade. Além da história,  pretendia-se que as crianças tomassem  contacto  sensorial com os objectos que faziam parte da história. A história demorou o tempo suficiente para as crianças a ouvirem, a maioria portou-se muito bem (...)
Dom | 15.07.18

pensamos no tempo, na cidade

Maria Araújo
e nem sempre é o tempo que faz na praia. Fizesse sol, nevoeiro, chuva ou vento,  combinara passar o dia na casa de praia com a minha sobrinha e filhotes. Na cidade o tempo estava um pouco encoberto e com algum vento, convidei a minha irmã para vir comigo. Auto-estrada fora,  a sobrinha tinha ido almoçar com uns amigos, tinhamos a chave da casa, fomos para a piscina. O tempo convidava à praia, a piscina é para os dias de vento,  no momento que saímos de casa, chegam eles. Os (...)
Qua | 14.03.18

queríamos a chuva

Maria Araújo
Em Novembro passara na ponte sobre o rio Cávado, o caudal metia dó, era escassa água que no verão delicia os habitantes da zona. Ontem, passei lá. As águas do rio corriam em quantidade e força em direcção à foz, não se via o arvoredo e a terra seca do verão passado.  Hoje, a trovoada tem andado por aqui, a chuva é abundante, o granizo bate nas vidraças das janelas. Já não podemos queixar-nos que a água não chega para as pastagens, a agricultura, subir o caudal dos rios. (...)
Qui | 25.01.18

Portugal recomenda-se?!

Maria Araújo
Quando hoje de manhã vejo as notícias no telemóvel e este vídeo  que me chamou a atenção, comentei apenas isto: " Inacreditável! Será que estou a ver bem?! No Verão mataram a floresta, estão agora a matar o rio?"     A tristeza deste país está no assassinato da nossa natureza e fauna. A saga dura há anos. Vamo acabar com isto?    
Ter | 18.04.17

um almoço em Ponte de Lima

Maria Araújo
Do grupo do ano passado cinco pessoas não puderam ir ao almoço. Fomos nove, em dois carros. O restaurante fica a curta distância da saída da auto-estrada. Um restaurante modesto,  o átrio com belas flores, o interior bem arranjado. As entradas vieram para a mesa: favas estufadas, pataniscas, chouriços grelhados e broa. Vinho tinto maduro. O arroz de sarrabulho veio no tacho, os rojões em travessas regionais. Estava bom. Comemos bem. Para sobremesa pedimos, pudim à Abade de (...)
Dom | 20.11.16

Lisboa é...

Maria Araújo
muito mais interessante nesta época do ano. Menos turistas, anda-se melhor nos transportes e nas ruas. Pena que há muitas obras e atrasa os transporte. Receei não chegar a Santa Apolónia a horas de apanhar o Alfa para Braga. Fui ver a loja COS com uma linha intemporal, linda, com peças que são o meu estilo, fiquei encantada com a colecção. Mas são peças caras, porém, de boa qualidade.  (...)