Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

cantinho da casa

cantinho da casa

Da Vinci na Rádio Comercial

ia a caminho do ginásio, rádio sintonizado do RC, Vasco Palmeirim e Nuno Markl falavam do estranho nome da cantora, aquela rapariga que usava luvas pretas de renda e chapéu, Lei Or, do grupo dos anos 80, Da Vinci, das músicas que cantavam, entre elas, Lisboa Ano 10 Mil, Hiroshima Meu Amor e, sem dúvida, a música que os levou ao Festival da Eurovisão, "Conquistador".

Mas o que mais me fez rir foi quando repetem o refrão e pedem a quem os ouvia nos carros, que  aumentassem o volume do  som e cantarmos em conjunto.

Fechei os vidros do carro, para os acompanhar, e bem alto cantei o refrão ao mesmo tempo que me ria perdidamente.

Grandes locutores! Sempre bem dispostos, sempre prontos para a paródia!

Para quem quiser rir-se e ouvir a estória dos Da Vinci, vejam este  vídeo:

 

 

E se quiserem ver como foi no Festival  da Eurovisão de 1989, vá, escutem e cantem, bem alto, tá?

 

 

Já fui ao Brasil
Praia e Bissau
Angola Moçambique
Goa e Macau
Ai, fui até Timor
Já fui um conquistador

 

Garanto que nas festas do vinil que vou, quando me apetece, passa esta canção. Todos cantam, todos vibram, todos dançam.

Foi das canções mais festivaleiras que levamos à Eurovisão.

cheiros preferidos

 

ia no carro, ouvi na RC que é hoje o Dia Mundial dos Cheiros (há dias de tudo, caramba, ahah!), lembrei-me de vos deixar aqui os meus preferidos.

Então, cá em casa são: café, hummm!; chocolate quente / bolo de chocolate a sair do forno (apetece comê-lo quente), hummmmmm! cheiro a Natal.

Fora de casa:

na rua: passar perto da padaria e sentir o delicioso cheiro a pão quente; a castanhas assadas;  o cheiro dos livros antigos de uma livraria (há tão poucas, por cá);

na praia e no campo: mar com sabor a energia, calma, felicidade, liberdade; a erva fresca depois da chuva, num dia quente de verão; flores do campo nas tardes frescas de outono.

e muito mais...