Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]



hora de inverno?

por Maria Araújo, em 30.10.16

não existe para a minha gata, Kat.

Hoje, às 5:30 h já estava a chatear- me para levantar- me e dar- lhe de comer.

A hora mudou, acordou-me uma hora mais cedo, o que já esperava.

Não me levantei. E ela miava baixinho, passava as patas no meu cabelo. E eu dizia-lhe: " não ,Kat, não é hora".

Às 6:45 h, fui dar-lhe de comer.

Depois de comer, ela sossega e vai dormir. Eu é que não adormeço.

Supostamente, hoje, dormimos mais uma hora.

Eu não! Não consegui adormercer.

Os animais educam-se. Mais dois dias e ela volta ao ritmo.

 

IMG_20161027_235232.jpg

 

 

Início

Autoria e outros dados (tags, etc)

o ginásio

por Maria Araújo, em 20.07.15

 

12-gisele-bundchen.jpg

imagem web

 

embora o horário de verão tenha menos aulas, hoje, manhã cedo, fui a pilates e antigravity, o que nunca cnsegui coordenar no "ex ginásio" porque as que existem, eu não pratico.

quarta-feira vou a mais duas aulas, pilates e hidroginástica, e quinta-feira vou à avaliação física.

a aula de pilates é ligeiramente diferente da que estava habituada, tem muito mais energia, não há momentos "mortos", todos os movimentos são encadeados, tem música ambiente (sempre estranhei e cheguei a comentar o facto de o professor do outro ginásio nunca a pôr), a professora tem uma voz doce, um ar fantasticamente fresco, elegante e é das poucas mulheres que vi que o loiríssimo cabelo fica-lhe lindamente...talvez por que este sobressaia no tom moreno da pele. nas próximas estações, verei se este tom é de origem ou de verão.

estou toda partida das duas aulas, mas caramba, estes músculos são esticados ao máximo que posso dar.

esta mudança de ginásio tem um inconveniente; tenho de levar o carro. cerca de 50 minutos deve ser o tempo que me leva a ir a pé...mais 20 minutos que habitualmente.

mas que estou satisfeita com o espaço e o ambiente, estou.

 

 

Início

Autoria e outros dados (tags, etc)

Dia do Trabalho

por Maria Araújo, em 01.05.15

 

1º de Maio

diario.png

que já o foi, noutros tempos e, como dizia a minha irmã mais nova, hoje, no ginásio: "Liguei para cá para saber se estavam abertos. Atenderam, vim. Lamentável estar tudo aberto. Neste dia ninguém devia trabalhar, nem mesmo o ginásio."

E eu comentara que no tempo que eu trabalhava na empresa da família, este dia era sagrado.

Havia a manifestação do 1º de Maio, todos tinham oportunidade de mostrar a sua indignação face aos patrões, aos salários e, principalmente, porque queriam festejá-lo.

Com a chegada dos centros comerciais e hipermercados, tudo mudou.

dia.png

E, segundo a minhã irmã, aquele supermercado do costume pôs, neste 1º dia de Maio, muitos produtos a 50%.

Foi ver umas coisas, levou uns quantos encontrões, liga ao namorado que estava noutro sector e disse "vamos sair daqui".

E assim é o Dia do Trabalho e do Trabalhador dos tempos que correm.

Sem Título.png

 

 

 

 

 

Início

Autoria e outros dados (tags, etc)

Oh, tão fofinho!

por Maria Araújo, em 26.09.14

quando entramos na página de blogs do SAPO, fazemos o login e vemos um avatar tão fofinho!

 

Início

Autoria e outros dados (tags, etc)

876 - Mudança

por Maria Araújo, em 08.01.11

Andei três dias a tentar colocar uma imagem junto ao nome deste blog.

Procurei, guardei, alterei, fiz tudo.

Guardava e quando espreitava a página do blog, a imagem não aparecia.
Procurei ajuda no Sapo. Não consegui o que pretendia.
As tentativas esgotavam-se.

Ontem, depois de gastas umas horas , perdi a paciência. Desliguei o pc e fui dormir.

Estive "por um fio" para mudar de servidor.

Hoje, decidi procurar um template que fosse fresco e me desse alguma energia.

Gostei muito do Banda Desenhada, mas optei por este (ainda hei-de aprender a fazer o template personalizado).

A imagem que gostaria de ter colocado no anterior template está agora na barra lateral. (Eu romântica e sonhadora abranjo tudo o que está ao meu alcance, sem os pés assentes na terra, eheheheheheh! A minha gatinha, de costas  para mim, talvez zangada por eu não lhe lambuzar o paladar com a cobiça que  tem pela comida).

Dizem que quando mudamos o visual, queremos mudar de vida. Será que é verdade?

(I think so).

 

 

       

 

 

 

Início

Autoria e outros dados (tags, etc)

Fonte de juventude da/para a mulher

por Maria Araújo, em 03.08.09

 

 

Recebi o e-mail de uma amiga , Emília, uma portuguesa a viver há muitos anos no Brasil.

Uma senhora de 60 anos, muito fresca, irradiando alegria e boa disposição, gostaria de viver em Portugal, que adora.

Tendo eu um contacto para ver apartamentos e se possível, arranjar  um emprego para complemento da sua reforma, vou ajudar a minha amiga nesta mudança.

 

 

E-MAIL

 

Para quem não conhece, Lya Luft é uma escritora brasileira, professora e tradutora. Após um evento sobre o dia da mulher, ela fez o comentário abaixo:
 "Mês passado participei de um evento sobre o Dia da Mulher. Era um bate-papo com uma platéia composta de umas 250 mulheres de todas as raças, credos e idades. E por falar em idade, lá pelas tantas, fui questionada sobre a minha e, como não me envergonho dela, respondi. Foi um momento inesquecível... A platéia inteira fez um 'oooohh' de descrédito. Aí fiquei pensando: 'pô, estou neste auditório há quase uma hora exibindo minha inteligência, e a única coisa que provocou uma reação calorosa da mulherada foi o fato de eu não aparentar a idade que tenho? Onde é que nós estamos?'
 Onde não sei, mas estamos correndo atrás de algo caquético chamado 'juventude eterna'. Estão todos em busca da reversão do tempo.
 Acho ótimo, porque decrepitude também não é meu sonho de consumo, mas cirurgias estéticas não dão conta desse assunto sozinhas. Há um outro truque que faz com que continuemos a ser chamadas de senhoritas mesmo em idade avançada.
 A fonte da juventude chama-se "mudança".
 De fato, quem é escravo da repetição está condenado a virar cadáver antes da hora. A única maneira de ser idoso sem envelhecer é não se opor a novos comportamentos, é ter disposição para guinadas. Eu pretendo morrer jovem aos 120 anos. Mudança, o que vem a ser tal coisa?
 Minha mãe recentemente mudou do apartamento enorme em que morou a vida toda para um bem menorzinho. Teve que vender e doar mais da metade dos móveis e tranqueiras, que havia guardado e, mesmo tendo feito isso com certa dor, ao conquistar uma vida mais compacta e simplificada, rejuvenesceu.
 Uma amiga casada há 38 anos cansou das galinhagens do marido e o mandou passear, sem temer ficar sozinha aos 65 anos. Rejuvenesceu.
 Uma outra cansou da pauleira urbana e trocou um baita emprego por um não tão bom, só que em Florianópolis, onde ela vai à praia sempre que tem sol. Rejuvenesceu.
 Toda mudança cobra um alto preço emocional. Antes de se tomar uma decisão difícil, e durante a tomada, chora-se muito, os questionamentos são inúmeros, a vida se desestabiliza. Mas então chega o depois, a coisa feita, e aí a recompensa fica escancarada na face.
 Mudanças fazem milagres por nossos olhos, e é no olhar que se percebe a tal juventude eterna. Um olhar opaco pode ser puxado e repuxado por um cirurgião a ponto de as rugas sumirem, só que continuará opaco porque não existe plástica que resgate seu brilho. Quem dá brilho ao olhar é a vida que a gente optou por levar.
 Olhe-se no espelho...
 Lya Luft
 
 

Início

Autoria e outros dados (tags, etc)

Bob Dylan

por Maria Araújo, em 30.07.09

 

 

Blowin' In The Wind

Quantas estradas precisará um homem andar
Antes que possam chamá-lo de um homem?
Sim e quantos mares precisará uma
pomba branca sobrevoar
Antes que ela possa dormir na areia?
Sim e quantas vezes precisará
balas de canhão voar
Até serem para sempre abandonadas?
A resposta meu amigo está soprando no vento
A resposta está soprando no vento

Quantos anos pode existir uma montanha
Antes que ela seja lavada pelo mar?
Sim e quantos anos podem algumas pessoas existir
Até que sejam permitidas a serem livres?
Sim e quantas vezes pode um homem virar sua cabeça
E fingir que ele simplesmente não vê?
A resposta meu amigo está soprando no vento
A resposta está soprando no vento

Quantas vezes precisará um homem olhar para cima
Até poder ver o céu?
Sim e quantos ouvidos precisará um homem ter
Até que ele possa ouvir o povo chorar?
Sim e quantas mortes custará até que ele saiba
Que gente demais já morreu?
A resposta meu amigo está soprando no vento
A resposta está soprando no vento

.

1962, tempos de mudança, conflitos, racismo nos EUA,guerra no Vietname,  revolta dos estudantes em França, o eclodir de novas gerações, "hippies", drogas, o cinema francês de Godard, Truffaut as músicas dos Beatles...

Bob Dylan foi um dos cantores que gostei de ouvir e cantar.Esta letra foi uma das que me marcou.

Hoje, porque recebi um e-mail que falava deste cantor, lembrei-me de procurar a letra da canção.

47 anos depois o que é que mudou?

 

A resposta está soprando no vento...

 

Tem o homem vontade de mudar?

 

 

 

 

Início

Autoria e outros dados (tags, etc)


foto do autor



o meu instagram


1º desafio de leitura - 2015 2º desafio de leitura - 2017 3º desafio de leitura - 2019

desafio


10 anos




Arquivo

  1. 2019
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2018
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2017
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2016
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2015
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2014
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2013
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2012
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2011
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2010
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2009
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2008
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D


Encontros - eu fui

IMG_2230 (2).JPG MARCADOR