Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

cantinho da casa

cantinho da casa

e se amanhã vai chover

depois do ginásio, fui à praia: Apúlia, Ofir e Esposende.

Estava o sol quentinho, andei de camisola ,  apanhei umas conchas (quem me dera ver búzios como noutros tempos), tirei fotos aqui e acolá.

Almocei, em Esposende, filetes de pescada com molho de camarão. As opções eram, arroz e batatas fritas ou batata cozida com legumes.

A minha escolha foi para a batata cozida.

Os filetes  estavam excelentes.

Só usei azeite nos legumes, usei o molho de camarão para as batatas.

Pensei não comer sobremesa, mas tinha doces deliciosos;  leite creme que se estivesse torrado, comia; cheesecake de frutos vermelhos, e salada de frutas.

Optei pelo cheesecake de frutos vermelhos.

Foi a primeira vez que entrei neste restaurante, simples, sem mordomias, mas com um atendimento simpático.

IMG_20221207_180623.jpg

IMG_20221207_134653.jpg

Pedi o nome do restaurante, para que na próxima vez que voltar, e com a sobrinha, e o meu menino, quero a opinião dela.

Costumamos ir ao restaurante na mesma rua, cuja especialidade é churrasco, mas tem outros pratos.

A última vez que lá fomos, comemos feijoada à moda do Porto. Estava boa mas precisava de mais tripa, que adoro.

Era neste que tencionava almoçar, mas estava fechado.

O de hoje, convenceu-me.

Depois, fui dar uma volta e ver algumas lojas.

Fechadas à hora do almoço, num pequeno centro comercial, entrei numa loja que tem umas coisas interessantes, mas não comprei nada (também não preciso).

Entretanto, as outras lojas abriram. Por curiosidade, entrei numa de roupa. Uma mulher nos 40tas andava de um lado  para outro, olhou-me com um ar de que eu não seria a cliente indicada para as roupas que tem,  fui ver as camisolas penduradas nos cabides. E no momento que eu estava a ver  uma, como se ninguém lá estivesse, ela põe-se à minha frente a mexer nas roupas, eu tive que ir por trás dela e sair dali, porque perdera a vontade de ver mais nada .

Mesmo que gostasse de alguma peça, não iria comprar. Foi tão parva!

Entretanto, entrou uma jovem, que me cumprimenta, e diz a outra: "liga a televisão, senão nem sei o que parece...".

E eu saí da loja sem agradecer ou dar boa tarde.

Entrei no carro, fui até à praia.

Quem a viu e quem a vê!

A extensão de areal, entre o mar e as dunas, está reduzida a metade. E a acrescentar os pedregulhos que  inundam a praia desde há alguns anos, mais uns poucos de anos não há hipótese de  os banhistas estenderem as toalhas na areia.

Dirige-me a Cepães, uma das que eu mais gostava de frequentar com os meus sobrinhos, em setembro, antes de começarem as aulas.

O café restaurante e bar, junto à praia,  está aberto todo ano, tem uma esplanada que convida ao sol de inverno e a uma bebida.

No regresso, já perto das 16horas, passei num armazém de artigos de hotelaria, que tem loja aqui na cidade, e onde já fiz algumas compras, fui ver os serviços de jantar da Vista Alegre.

Comprei os presentes para a minha sobrinha e afilhada, e para o marido.

Acho que vão gostar.

A funcionária disse-me para aproveitar os saldos e comprar loiça, que neste mês  do natal  as vendas estão a correr bem,  mas  já foram avisados que em janeiro os preços vão subir muito e que quando as pessoas perceberem que já não aguentam esta pressão dos preços, vão ter de dizer "Chega!  É insustentável viver!"

De volta  a casa, vim pela estrada nacional, queria passar no Lidl em Gamil..

Os cereais de pequeno-almoço, que eu  gosto e não dispenso com o iogurte, estão 1€ mais caros, os lenços de papel, que custavam 1,20€ , entretanto subiram para 1,68€,  já custam 1,89€. A recarga do sabão líquido para as mãos, que não chegava a 1€, já vai com o segundo ou terceiro aumento.

Os iogurtes magros, que raramente compro nesta loja, também estão mais caros, comprei porque precisava.

Tenho usado champô sólido da Cien, que gosto, comprei também o condicionador sólido. A minha sobrinha usa e diz  que é bom. Tenho máscaras de cabelo, condicionador, mas as embalagens são grandes e para o ginásio os sólidos são mais práticos.

Então, e porque amanhã vem de novo a chuva, ficam as fotos destes dia quentinho e sereno deste passeio.

Cedovem, Apúlia 

IMG_20221207_121110.jpg

IMG_20221207_120348.jpg

IMG_20221207_121220.jpg

IMG_20221207_121228.jpg

Ofir

IMG_20221207_123301.jpg

Os geocilindros que foram cobertos de areia antes do verão,  com as chuvas e as tempestades do mar, já se vêem.

IMG_20221207_123435.jpg

IMG_20221207_123507.jpg

IMG_20221207_123555.jpg

Esposende

IMG_20221207_140138.jpg

IMG_20221207_140146.jpg

IMG_20221207_145202.jpg

IMG_20221207_145311.jpg

IMG_20221207_145616.jpg

IMG_20221207_150831.jpg

IMG_20221207_150620.jpg

IMG_20221207_151657.jpg

Cepães 

IMG_20221207_152555.jpg

IMG_20221207_152622.jpg

IMG_20221207_153446.jpg

IMG_20221207_153650.jpg

 

 

 

 

das férias

de apenas seis dias, gostei de tudo.

Alojadas em Lanzada, não fizemos praia nas que se estendiam para o lado direito e esquerdo do hotel, em frente ao mar, porque estão mais expostas ao vento.

IMG_20220816_192043.jpg

Tranquilidade, e muitos passeios pelas várias praias da Galiza, foi San Vicente do Mar a eleita.

IMG_20220822_142756.jpg

A minha amiga  N passara férias nesta praia, já lá vão 30 anos, desafiou-me para passarmos alguns dias, lá queria voltar ao lugar onde fora feliz, e onde tinha de ir à cabine telefónica, que existe ainda, para ligar aos pais a informar que estava bem... Outros tempos.

Metíamos pelos caminhos entre as casas e os pinheiros.

IMG_20220817_124413.jpg

E a paisagem era maravilhosa.

IMG_20220817_161825.jpg

IMG_20220817_161958.jpg

Pequenas praias que as rochas protegem do vento, sol quente, água fria mas ao mesmo tempo deliciosa porque se formavam pequenas lagoas onde as crianças estavam à vontade a tomar banho e a brincar. Óbvio que me banhei nelas.

De manhã, o público era maioritariamente com idade para cima dos 40  até aos 70, 80... que se reuniam naquele bocado de água que lhes dava até aos joelhos e cavaqueavam por ali até à hora do almoço.

Reunidas as tralhas, ficava a praia semi deserta.

IMG_20220819_154217.jpg

Por voltas das 16:00h mudava o público, vinham os casais com filhos pequenos.

IMG_20220822_142851.jpg

Às 17h00, juntavam-se os adolescentes.

Um grupo considerável concentrava-se no passadiço, alguns metiam-se debaixo dele, outros deitados na areia a conversar e com música a acompanhar.(Provavelmente encontravam-se todos os anos no verão naquela praia, como  na minha adolescência nos anos em que os meus pais alugavam casa por um mês, era o reencontro com os amigos que vinham de outras cidades): 

Depois, vinha outro grupo, mais pequeno, que ocupava sempre as mesmas rochas.  Estes também faziam o mesmo dos mais velhos que estavam de manhã na praia: juntavam-se no mar a conversar, tomavam banho, voltavam para as rochas. Alguns sacavam do cigarrro ( não faziam como os adultos que guardavam as pontas dos cigarros em garrafas de cerveja, mas depositavam-nas na areia). 

No meio destes, e porque a hora da sesta passara há muito, chegavam os pais de 40 e 50;  e os avós; e os grupos de jovens rapazes e raparigas de 30 que se deitavam na areia a conversar.

Era demais, e continuamente, os adultos, os jovens, e crianças que subiam os rochedos e sentavam-se  lá no alto a ver a paisagem ( que  tenho a certeza que seria fantástico).

A água era muito llimpa, não tinha a areia pó que há aqui no norte, mas abundavam as algas.

IMG_20220817_131017.jpg

Era um prazer tomar banho naquelas " lagoas".

IMG_20220817_130834.jpg

Passava das 20h00 quando o sol se punha por trás das árvores e uma parte da praia ficava à sombra, era então a hora de pegar nas coisas e regressar a casa.

Mas os jovens ficavam por lá.

Já passaram muitos anos que eu ficava na praia até depois das oito. Foi este o ano que voltou a acontecer.

Este lugar era especial.

IMG_20220822_143027.jpg

Regressávamos ao hotel, a cerca de 8 km, e do quarto em frente ao mar, tinhamos o maravilhoso pôr-do-sol para ver e fotografar.

IMG_20220816_211926.jpg

IMG_20220816_211906.jpg

 

 

uma manhã de vitamina D

finalmente, fui ver o mar.

Fomos a casa, depois um passeio com o cão pelo espaço que ele adora.

IMG_20220403_113943.jpg

Seguimos pelo pinhal em direcção à praia.

 Na praia viam-se famílias que passeavam os seus animais de estimação. Iam em fila. Nem sei se houve algum desfile de cães.😁

IMG_20220403_115135.jpg

Tivemos de esperar que saíssem do alcance do cão da minha sobrinha, que não pode ver outros da sua classe.

IMG_20220403_120041.jpg

IMG_20220403_120005.jpg

Fomos passear pela praia e sentamo-nos na areia a tomar a vitamina D.

IMG_20220403_123019.jpg

Infelizmente, o mar e o vento levaram muita areia que cobria os geocilindros. Está a descoberto.

Fiquei triste.

Conheço estas praias desde a infância, eram areais de fazer perder a vista.

IMG_20220403_115355.jpg

Mais uns anos, e tanto dinheiro que se gastou nestas praias do norte , e vamos ficar sem areal.

IMG_20220403_115557.jpg

IMG_20220403_115547.jpg

Hora de almoçar, deixamos o cão em casa, passamos no Hotel Axis.

Havia um almoço de motards, entraram no preciso momento que entramos para saber se o bar  servia sandes .

O simpático funcionário ligou para a cozinha a saber se era possível servir um hambúrguer e um prego.

Resposta positiva, fomos para o jardim.

IMG_20220403_134108.jpgl

Trouxe os dois panachês e uns aperitivos que nos souberam muito bem.

Depois de almoçarmos, fui pedir cafés.

Eram muitos os espanhóis terceira idade,  que certamente almoçaram no restaurante do hotel,  estavam a tomar " café solo" no bar.

Falavam muito alto, estava a ser complicado perceber o que queriam.

Pagamos. Edo jardim que dá acesso à praia, fomos espreitar o mar.

IMG_20220403_143019.jpg

Saímos do hotel, fomos buscar o Scott, e regressamos a casa.

 

está frio

E hoje já me passou pela cabeça sair da cidade e ir passar o fim de semana fora.

Até pensei meter-me no Alfa , sair em Aveiro e deixar-me ficar por lá.

A minha sobrinha, que está fora do país, diz-me que vá para a casa da praia sempre que eu quiser.

Mas não tenho a chave.

Amanhã, pego no carro e vou matar as saudades do mar.

e chegamos ao fim do Verão

e sendo este ano mais sereno, o que para mim foi muito bom, as duas semanas anteriores,de Setembro, contentou-nos com a temperatuta da água do mar excelente.

Obrigada,Setembro, por este sereno final de Verão, e porque  me fizeste tomar bons banhos de mar.

Agora, vem o Outono e os passeios à beira-mar, como sempre gostei e gosto.

IMG_20210905_150547.jpg

IMG_20210912_131042.jpg

IMG_20210912_152435.jpg

IMG_20210914_172153.jpg

Ofir, Setembro de 2021