Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Cantinho da Casa

Cantinho da Casa

maquilhagem durante o treino

Maria Araújo, 05.05.16

Já há algum tempo que pensei escrever sobre as mulheres que vão para o ginásio treinar "carregadas" de maquilhagem

Se são as mulheres que vão treinar depois de um dia de trabalho, ainda se aceita, mas logo de manhã, vestidas e maquilhadas como se fossem para o trabalho e/ou uma festa, que as há, é inconcebível.

No anterior ginásio que frequentei, chegaram ao ponto de afixarem um aviso em que era proíbido fazer a aula de hidroginástica, ocupar a sauna, jacuzzi e banho turco, com maquilhagem.

Neste ginásio não tem nenhum aviso, presumo que confiam no bom senso das mulheres, que  entendam que há certas modalidades que não convém usá-la.

Gosto de ir ao ginásio de manhã, há menos afluência de sócios, não precisamos de controlar o tempo que estamos em algumas máquinas.

Ora, nos dias que temos de ir mais cedo meia hora para termos senhas para a aula, juntam-se as pessoas da hidroginástica e de pilates, as modalidades mais procuradas de manhã. Na fila de hidroginástica costuma estar uma mulher, nos seus 40tas, que sai de casa muito maquilhada: uma cor de base demasiado escura para a sua pele branca, baton vermelho muito carregado, máscara de pestanas. Pergunto-me muitas vezes "porquê?" se ela vai para a piscina.

Todas temos as nossas imperfeições de pele que gostamos de disfarçar e sendo o ginásio o lugar frequentado por muitos homens e mulheres, não gostamos de as mostrar, procuramos parecer bonitas e saudáveis.

Falo por mim que tenho olheiras e papos, aplico o creme de rosto e de olhos e um pouquinho de corretor de olhos, deixo a base e a máscara de lado. 

Há pouco, entrando no página do clube,  li este artigo sobre o uso de maquilhagem durante o treino, que passo a transcrever:

 

Três razões pelas quais o treino e a maquilhagem não combinam

malhar-maquiagem-academia-650x350.jpg

 

Claro que todos queremos estar bonitos em qualquer ocasião mas existem algumas razões pelas quais se deve evitar treinar com a cara coberta de maquilhagem. Tudo tem o seu lugar e se não vem treinar em saltos altos, para quê usar maquilhagem no ginásio?

 

De seguida damos-lhe três razões para vir treinar e deixar a maquilhagem em casa.

 

#1 A maquilhagem não resiste até ao final do treino

Se está realmente a planear uma sessão intensa de treino e divertir-se no ginásio, não pode estar preocupada se a base está a sair ou os olhos estão borrados. Se gosta de usar maquilhagem durante uma aula de Zumba, por exemplo, deve considerar uma base hidratante com um toque de cor. Este seria o menos prejudicial de todas as escolhas, desde que a remova antes da sua pele arrefecer para evitar que os poros fechem e absorvam a maquilhagem. Mesmo à prova de água, a maquilhagem não irá resistir se se limpar à toalha de vez em quando, por isso é mesmo melhor ir sem maquilhagem.

 

#2 Não é bom para quem quer ter uma pele limpa e suave

Suar é o ar condicionado natural do corpo, ajudando-o a arrefecer quando o exercício começa a sobreaquecê-lo. Se está a planear saltar, agachar, dançar e mover-se livremente não use maquilhagem. Aproveite a oportunidade para permitir aos poros dilatar sem "poluição" na superfície. Poros entupidos são maus para os seus planos de beleza - quando usa maquilhagem, estes absorvem-na e têm tendência para criar pontos negros e espinhas.

 

#3 Pode ser uma perda de tempo e dinheiro

Todas as manhãs passa alguns minutos (ou muitos) maquilhando-se com base, pó compacto, blush, delineador, sombra e batom. E depois enfrenta o dilema de ter que remover tudo e aplicá-lo novamente depois de ter concluído o seu treino.

Se treinar de manhã pode evitar isso, ao aplicar a maquilhagem apenas depois do treino. Se treina noutros momentos do dia, não há como dar a volta a isso exceto ter um conjunto de produtos básicos e simplificar rotinas. Se faz exercício mais tarde e vai para casa depois, talvez um creme hidratante ou um sérum sejam as melhores escolhas.
Deve remover a maquilhagem antes do treino com um desmaquilhante, de preferência livre de sulfato, para evitar a secura da pele e inflamação. Evite esfregar o rosto em toalhas ou roupas, passando apenas suavemente para remover a transpiração. Uma limpeza profunda a cada dois ou três meses, dependendo do seu tipo de pele, é uma maneira de manter a pele saudável e limpa.

 

Se quiser uma receita caseira, a que lhe apresentamos de seguida é uma máscara bastante natural, calmante e hidratante para o rosto:

 

703423-Máscara-de-pepino-para-o-rosto-4.jpg

 

• 1 pepino pequeno - descascado
• 1 colher de sopa de mel
• 2 colheres de sopa de iogurte natural,

Misture o pepino até fazer uma polpa, adicione o mel e o iogurte e misture bem. Coloque no frigorífico durante 30 minutos. Aplique com um pincel ou usar os dedos e deixe descansar por 10 minutos. Lave bem ao retirar.

 

Já que estamos na onda de comidas saudáveis para o verão que vem, aproveitem  as receitas, clicando aqui.

f52f60_banner_7_frutas_para_saladas.jpg_960x400_c_

 

 

 

 

 

 

o Halloween está a chegar

Maria Araújo, 19.10.15

 

0e04678c14d902e9ddf806fc78812249.jpg 

 

há alguns anos que não festejavamos o halloween.

umjantar, decoração à altura do mesmo, as máscaras usava quem queria(algumas delas muito interessantes), lembro-me de pintar o rosto uma vez e não ficou nada de especial porque não conhecia as técnicas de maquilhagem para que esta durasse algumas horas. 

este ano, decidiram comemorar o halloween num restaurante aqui em Braga, o que me agrada muito, pois já me custa sair da cidade à noite, pelo que, no último jantar de aniversário as colegas e as amigas convidaram-me para o evento (elas precisam muito disso, o trabalho tem sido demais e eu estou com elas em pensamento, alinho em quase tudo, desde que deixei de estar diariamente com elas).

acabei de receber um sms de uma delas a perguntar se vou e se levo fantasia. como não me disseram que teria de usar e/ou levar fantasia ou mascára e não sendo eu fã destas coisas, desta vez, pensei fazer uma maquilhagem gira.

tinha visto na web alguma coisa interessante, era ainda cedo para decidir. agora, no Pinterest, procurei, encontrei estas decorações lindas, e  achei as máscaras que gostei,  assim como um vídeo que mostra como fazer.

só falta experimentar...

d22907ecb4180391bd615f69a4b94fac.jpg

 (dispenso o piercing)

x1579.jpg

x1599.jpg

x1588.jpg

 

 há mais para ver aqui.

 

o vídeo:

 

a MAC é fixe

Maria Araújo, 23.07.15

 

no post de hoje que a MAC publicou, cliquei neste link de decoração e encontrei umas boas dicas para guardar os produtos de maquilhagem.

por que estes utensílios tenho-os eu, aproveito as dicas para organizar o armário da casa de banho

54fed474b532b-cos-22-storagehacks-de.jpg

os meus pinceis de maquilhagem estão à vista na casa de banho e num frasco como o da imagem, mas sem os grãos de café. uma excelente dica para que eles não fiquem caídos, cada um para seu lado. 

54fed476e7706-cos-18-storagehacks-de.jpg

 cuvetes para gelo (e tenho uma nova à espera de uso) para guardar as sombras

54fed477b05a0-cos-16-storagehacks-de.jpg

tupperwares para guardar discos de maquilhagem, cotonetes, algodão, mantém a gaveta ou cesto, no meu caso, organizado 

54fed47880c61-cos-08-storagehacks-de.jpg

adorei!

54fed473ecbb4-cos-03-storagehacks-de.jpg

finalmente, e porque quando se vai muma viagem tenta-se levar o minímo possível de tralha (é o meu caso) guardar os pinceis de maquilhagem numa caixa de óculos de sol é o ideal e não ocupa muito espaço.

 

MAC é fixe e partilha, com muito boa disposição, o que gosta e segue.

há mais para ver aqui.

 

A mulher que revolucionou a moda dos anos 60

Maria Araújo, 11.02.14

 

 

 

de nome Mary Quant, a criadora da minissaia, faz hoje 80 anos.

Tivesse eu fotos daquele mini vestido vermelho  (que usei num baile de finalistas) com mangas tufadas ou daquele vestido de verão de cornucópias em tons de rosa claro e cinza, que eu adorava, mostra-vos-ia como nesse tempo eu vestia bem, oh, se vestia (feita pela modista, mas bem confecionada).

Mas não eram as ridículas minissaias um palmo abaixo do rabiote, não. Eram pelo meio da coxa, bem mais elegantes e femininas.

Gosto de  saias curtas (agora uns centímetros acima do joelho, pois claro),não gosto de saias abaixo do joelho "tipo beata" (aquelas mulheres  sonsas que vão à igreja rezar e cá fora são umas pestes).

E usei (pouca) maquilhagem Mary Quant.

Jovem que eu era, segui esta moda que, felizmente,  os meus pais não se opuseram.

 

 

 

{#emotions_dlg.meeting}

 

 

 

"Figura emblemática do Swinging London, período de efervescência cultural na segunda metade dos anos 60, e audaz criadora da minissaia, a britânica Mary Quant (foto) celebra nesta terça-feira (11) seus 80 anos com um olhar entusiasmado sobre a moda atual "dedicada às pernas" e à condição feminina.

Ainda que confesse certa nostalgia "da efervescência e da inovação" da Londres dos anos 60, a criadora conhecida também pelo corte de cabelo bob considera que "hoje em dia é maravilhoso ser uma mulher". "As mulheres aproveitam mais do que nunca suas vidas", disse a mulher que revolucionou a moda feminina popularizando a minissaia, as meias coloridas e a maqulhiagem.

"Uma nova espécie de superwoman apareceu", diz com admiração em sua última autobiografia, publicada em 2012: "Evoluem como atletas, sentam-se como homens, com os joelhos separados. Seus filhos adotam os sobrenomes de suas mães. (...) Elas têm o controle".

Mary Quant é viúva, tem um filho, três netos e vive em Surrey (sudoeste de Londres). Em 2000, ela vendeu aos japoneses sua marca de cosméticos, identificada pelo logotipo em forma de flor. Sua estreia no mundo da moda foi compartilhada com o homem que seria mais tarde seu marido, Alexander Plunket Greene. O que atraiu a atenção primeiro foi o estilo excêntrico das roupas da jovem estudante que conheceu na faculdade de arte de Goldsmiths, em Londres.

Em 1955, o casal abriu junto com um amigo a primeira loja, chamada Bazaar, no bairro de Chelsea, em plena ebulição. A loja de roupas e acessórios, junto com um restaurante aberto no sótão, transformou-se em ponto de encontro de jovens e artistas. Atraiu também celebridades da época, como Brigitte Bardot, Audrey Hepburn, os Beatles e os Rolling Stones."