Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]



Dia Mundial do Livro

por Maria Araújo, em 23.04.19

topo-mb.jpg

(imagem daqui)

Parece que foi ontem que o 1ºDesafio de "O Livro Secreto"    que a MJ lançou na blogosfera em 2015,  e que teve a adesão de muitas bloggers, e o entusiasmo foi tal que seguimos com o dobro de bloggers para o 2º Desafio, em 2017, passaram três anos e já em 2018 a responsabilidade de continuar o desafio foi entregue, e muito bem, à mulher que mais livros lê nesta blogosfera, a Magda do blog Stone Arts Books.

Estando o 2º Desafio prestes a chegar ao fim, foi perguntado aos elementos do grupo  se tinham interesse em continuar para o 3º Desafio. 

Confirmados os nomes dos livros que cada elemento do Grupo deseja partilhar ( e ao que parece há bons livros para ler),  foi desta forma que enviei hoje o 1º Livro Secreto do 3º Desafio de Leitura que, a continuar bem e de boa saúde, será até quando quisermos que dure.

Lá diz o ditado " ler é o melhor remédio" e sendo eu uma leitora de fases, além do livro que me acompanha nos meus momentos de relaxe,  " deixei-me de coisas e participei"  neste desafio que veio obrigar-me a ler, pelo menos,  um livro por mês.

20872017_ZvbYm.jpeg

 

 

Início

Autoria e outros dados (tags, etc)

2º desafio de leitura

por Maria Araújo, em 16.10.18

que nunca mais escrevi sobre ele, declaro que tenho lido livros muito bons.

E este, cujo título nos leva a pensar numa história de amor lamechas, pelo contrário, é diferente, imprevisível, é um romance de "vôos", dos passeios, às terça-feiras, para observação da fauna queniana, de uma paixão secreta, tudo contado com humor.

 

 

 transferir.jpg

 

IMG_20181016_225738.jpg

 

 

 

Início

Autoria e outros dados (tags, etc)

domingo em Lisboa

por Maria Araújo, em 10.06.18

Passei pela Feira do Livro, pouco vi, andei a passear o bebé.

1528640425959.jpg

 

Início

Autoria e outros dados (tags, etc)

estás no cabeleireiro

por Maria Araújo, em 26.05.18

tentas concentrar-te na leitura, uma cliente (nova no cabeleireiro) fala demais, tem um vozeirão que te incomoda.

Pousas o livro para conseguires arranjar concentração,  e ele cai ao chão...

Pegas nele, voltas à leitura, há um pequeno momento de silêncio.

O vozeirão volta, pegas no telemóvel e escreves este texto sem importância, mas que te faz arranjar coragem para voltares à leitura deste delicioso livro.

E o vozeirão continua...

IMG_20180526_091726.jpg

 

Início

Autoria e outros dados (tags, etc)

Delito de Opinião

por Maria Araújo, em 28.04.18

já chegou  ao meu cantinho.

IMG_20180428_103628.jpg

 

 

Início

Autoria e outros dados (tags, etc)

as minhas arrumações

por Maria Araújo, em 03.03.18

no escritório, continuaram hoje com a limpeza dos livros.

" Belezas de Portugal 1915", junto aos antigos dicionários, o livro que nunca lhe dera a atenção devida, ponho-o de lado para o ver com mais pormenor, continuei as minhas arrumações.

Um livro que abrange muitos temas do início século XX, não só do país, mas também da Europa e do mundo, consta  de relatos de factos históricos e religiosos, crónicas, poesia, contos, escritores, páginas de ilustrações católicas, estas com  fotografias de pessoas comuns, reis, rainhas, pinturas, guerra, arte, escultura, anedotas históricas, publicadas na Revista Literária de Informação Gráfica  da época.

Não me recordo de o meu pai ter contado se o comprara ou trouxera juntamente com a mesa antiga que herdara da mãe. A capa teria sido substituída, está como nova.

Passarei  a transcrever alguns textos que li, antigos mas interessantes, assim como fotografias de muitas aldeias e cidades de Portugal da época.

 

Anedotas Históricas - Ditos e Pensamentos

IMG_20180303_222806.jpg

 

Jefferson

 

Franklin, quer pela grandeza do seu talento, quer pela inteireza do seu carácter, representou, em França, os Estados Unidos  duma maneira brilhante. Sudeceu-lhe Jefferson .

Quando este eminente estadista chegou a Paris, o ministro francês  disse-lhe:, seguidamente a um afectuoso acolhimento:

- Vindes substituir Mr . Franklin...

Jefferson apressou-se em interromper:

- Franklin é insubstituível, eu apenas lhe sucedo.

Estas palavras grangearam-lhe a consideração pública  e acreditaram-no mais firmemente que todas as credenciais.

 

Thomas+Jefferson.jpg

 

 

 

 

 

 

 

Início

Autoria e outros dados (tags, etc)

Obrigada

por Maria Araújo, em 06.02.18

19179660_ZOJee.jpeg

 

à MJ pelo 1º desafio de leitura que lançou há dois anos," O Livro Secreto" que com sucesso e sem percalços de maior, e com novos leitores interessados, seguimos para a 2ª e longa edição.

No início de 2017, o número leitores duplicou, novos e bons livros viajam neste 2º desafio.

É com muito orgulho que faço parte deste 2º Grupo de leitores que se esforçam por cumprir a leitura do livro que chega às suas mãos, cada um com histórias que nos fazem rir, chorar, detestar, e que nos enchem a mente de conhecimento, de reflexões, de exemplos de vida.

Quero agradecer de forma especial a esta blogger, pela escolha do seu livro, cuja história me tocou de uma forma tão intensa, tão fundo no coração e na mente, tão cruel e verdadeira, tão cheia de luta e sofrimento, tão cheia de esperança.

Hoje, chorei. Chorei a cada queda, a cada viagem, a cada sofrimento, a cada vingança.

Hoje, chorei ao reencontro.

"A Outra Metade de Mim" é, sem duvida alguma, Brutalmente Belo, a frase de Publishers Weekly, que acompanha a capa deste livro da autora  Affinity Konar, publicação da Bertrand Editora.

Fevereiro, um novo mês, um novo livo, uma nova história.

Obrigada.

Início

Autoria e outros dados (tags, etc)

O Serviço dos Correios

por Maria Araújo, em 29.01.18

Acabei de ligar a televisão, passa na RTP1 o programa Pós e Contras, cujo tema trata do serviço dos CTT.

Foi o mote para publicar o post que tinha há algum tempo nos meus rascunhos, estava com dúvidas se havia de publicar.

Então é o seguinte: o 2º Desafio, Livro Secreto, da MJ, que começou há 1 ano, e durará outro, visto que o número de participantes duplicou, tem como via  de contacto o FB.

Fui fã desta rede social, há algum tempo que desisti dela, deixou de ter a importância que tinha, passei a ir com alguma frequência  e desde que este desafio começou, não só porque nos é enviado ( em privado) o nome e endereço para quem enviamos o livro que temos em mãos, mas também para comunicarmos  ao grupo o envio e recepção do livro do mês.

Ora no mês de Novembro passado, o livro que enviei não chegou ao destinatário. 

A MJ, contactou-me.

Fiquei preocupada, pensei que a mim nunca iria acontecer um extravio de livro. Tinha o registo de envio, fui aos CTT saber o que poderia ter acontecido, assunto que escrevi  neste post.

Cerca de três semanas depois, recebi a carta dos CTT que dizia o que eu não esperava, de todo. Explicava que há várias modalidades e entre elas o correio registado, que passo a citar:

" pelas suas características é alvo de um tratamento o qual é associado um número de objecto ( código de barras) que nos permite:

- a confirmação de entrada das correspondências na rede CTT;

- o controlo ao longo do seu percurso;

- a confirmação da data de entrega ou devolução.

No caso em apreço, não se tratando de correio registado não podemos proceder a averiguações mais detalhadas."

Pois bem, esta carta veio confirmar o que o funcionário me dissera " Se o livro fosse enviado por correio registado, a coisa era outra".

Parece-me que os CTT só se responsabilizam pelo correio extraviado se este for resgitado pelo que qualquer encomenda que não chegue ao destinatário estão-se a borrifar para o cliente, que confia e paga o serviço.

Eu aceito a resposta, até porque está de acordo com o texto que consta da reclamação, mas o que eu deveria ter escrito foi o que motivou o extravio, e o que de facto aconteceu ao balcão entre mim e a funcionária, que levaria  à abertura do envelope para verificação postal e não ter seguido viagem, que passo a explicar os factos desse dia de Novembro.

Fui atendida por uma senhora que costuma ser simpática, e já nos conhecemos do habitual correio de cartas e livros que envio, que repara no envelope almofadado, que não dos CTT, que entreguei, sugere que, para não pagar como encomenda, e sabendo ela que era um livro, não fosse aberto para verificação,  abrir o envelope.

Fiquei a olhar para ela, perguntei porquê, "para pagar menos", comentou.

Estava difícil a sua abertura, adverti que poderia rasgar, o melhor seria enviá-lo como entreguei.

Ela diz que consegue abri-lo, insiste mas rasgou um pedaço.

Volto a dizer que pago o que for preciso que não abra mais. Ela insiste que consegue, que não havia necessidade de pagar tanto dinheiro. E eu já estava na disposição de comprar um envelope CTT pois estava a ver a coisa mal parada.

Embora com um rasgão, dobra a parte aberta, faz um furo, pega num fio, passa à volta do envelope.

Mais uma vez perguntei se não haveria problema na verificação, respondeu-me que não ( já estava a ver a coisa passar na alfândega ou lá o que é isso, para verfificação, desta vez porque o envelope ia pior que quando entreguei), acabei por confiar: "eles sabem o que fazem", pensei eu.

Ora passados 20 dias, a MJ envia o e-mail a informar-me que o livro não chegara ao destino.

Costumo guardar os talões de envio, peguei nele, sem perda de tempo fui imediatamente, pelas 14h, aos CTT falar com a senhora, porque era mesmo com ela que queria falar da dita cena.

Tirei o ticket. Sorte minha, encontrei-a junto às caixas dos apartados. Vi que alguém a seguia, esperei um pouco.

Quando regressa, aproximo-me dela, mostro-lhe o talão e relembro o que se passara nesse dia.

A fulana olha para mim com ar de desprezo e diz-me: " A senhora acha que não tenho mais que fazer? São horas de ir para o balcão, tenho o meu trabalho por abrir". E vira-me as costas, deixa-me ali sem palavras.

Entretanto, o número do meu ticket já passara, fui tirar outro.

Ela vai para o balcão, esperei que ela me chamasse para me dizer qualquer coisa, como, tire um ticket e aguarde a sua vez, dirijo-me a ela e pergunto: " A senhora não vai atender-me? Tenho ticket"

Responde-me:" Qualquer um dos meus colegas sabe atendê-la".

Chega a minha vez, dirigi-me ao funcionário que estava mesmo ao lado dela.

Expliquei o que se passou com o livro, mas não entrei em pormenores do que foi feito ao envelope.

E foi quando ele me disse o acima citado : " Se o livro fosse enviado por correio registado, a coisa era outra".

Comentei que sempre enviara os livros em envelope almofadado e correio normal, nunc tivera nehum extravio e depois de mais algumas palavras que troquei com ele, e de maneira que ela escutasse, foi-me dado um impresso de reclamação.

Antes de sair, fiz-lhe um reparo " O talão de pagamento deveria ter o nome do funcionário para que em caso de alguma reclamação o pudessemos fazer directamente com ele".

Comentário dele: " Não sei para quê"

Resposta minha: " Mas sei eu."

Dois dias mais tarde, fui entregar a reclamação.

Foi ela que me atendeu. 
Educamente entreguei o impresso.

Perguntou-me pelo envelope, que não tinha, pediu-me que fosse à prateleira e tirasse um.

Quando o entreguei, ela dobra o impresso, mete-o no envelope e diz-me, educadamente, também: "Está fechado, fica entregue".

Perguntei: " Quando poderei ter uma resposta?"

"Não lhe posso dizer. Não é da competência dos CTT. Receberá por correio uma carta", respondeu.

E a carta chegou em Dezembro, com o acima citado.

Mas já aconteceu algo que me deixou desiludida com o desempenho destes serviços.

Há cerca de um ano e meio, fiz uma compra online, que seria enviado por CTT Correio Expresso.

A loja online ia dando informação do estado da encomenda, que demoraria cerca de um mês a chegar às minhas mãos.

Passado algum tempo entrei no site  fui ver a posição da encomenda, foi-me informado que estaria a chegar e dentro do prazo.

O tempo passou, a encomenda não vinha, entrei em contacto com o fornecedor, que me informou, no próprio site que iria pesquisar o que acontecera.

Uns dias mais tarde, recebi um contacto para enviar o NIB, os CTT não souberam dar resposta à situação, ia ser devolvido o dinheiro.

Tive a sorte de recuperar o dinheiro, estava a lidar com um fornecedor de produtos online fidedigno, mas os CTT perdeu muito da credibilidade que eu e todos nós tinhamos nos seus serviços.

Perdeu qualidade e seriedade.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Início

Autoria e outros dados (tags, etc)

coisas do meu dia

por Maria Araújo, em 06.01.18

O sol entra pelas janelas da sala.

Pensara dar um passeio de tarde, mas não me apetece. Apetece-me, sim, o sofá.

Vou continuar a leitura  do livro deste 2º Desafio.

 

Liv01270042_f.jpg

 

 

 

Início

Autoria e outros dados (tags, etc)

do Desafio de Leitura

por Maria Araújo, em 03.12.17

da MJ...

IMG_20171203_103221.jpg

a minha segunda leitura deste livro.

IMG_20171203_103351.jpg

Detalhes do quotidiano do século XXI.

 

 

 

Início

Autoria e outros dados (tags, etc)


foto do autor



o meu instagram


1º desafio de leitura - 2015 2º desafio de leitura - 2017 3º desafio de leitura - 2019

desafio


10 anos




Arquivo

  1. 2019
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2018
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2017
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2016
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2015
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2014
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2013
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2012
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2011
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2010
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2009
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2008
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D


Encontros - eu fui

IMG_2230 (2).JPG MARCADOR