Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]



os nossos Atletas nos Jogos Olímpicos

por Maria Araújo, em 05.08.16

 

DSC01668.JPG

 

O Euro ainda está no espírito cá de casa, está a fazer um mês que sofremos e vibrámos com a nossa Seleção e com os Atletas que, nesse dia e durante "dourado"   e glorioso mês de julho nos fizeram ter mais orgulho no nosso país e acreditar que, com esforço e confiança, podemos ser tão bons quantos os outros desportistas dos vários cantos do mundo.

Findo o Euro, foram guardados o cachecol e o lenço (usava-o no pulso sempre que a seleção jogava) mas deixei a bandeira na varanda. Tinha comentado com os amigos e família que ficaria lá enquanto tivéssemos Atletas no decorrer dos Jogos Olímpicos.

A empregada achou estranho não a ter tirado, comentei: " fica aí, temos os Jogos Olímpicos no Rio de Janeiro que, e com muito orgulho,  vai ser em Portugês, a nossa língua vai ser ouvida em todo o mundo, tirarei de lá quando os Jogos acabarem".

Desde que o Euro acabou que no quarteirão  não se vêem bandeiras nas varandas e/ou janelas. Nas ruas por onde passo, vou vendo uma ou outra esquecida, ou deixada lá com a mesma intenção: os nossos Atletas estão nos Jogos Olímpicos ( e já temos um ganho no jogo de futebol de ontem) merecem tanto ou mais apoio quanto a Seleção, pelo que fica ali, e muito bem, até ao final das Olímpiadas, em português.

 

Cantinho da Casa

"Ó professor..."

por Maria Araújo, em 27.01.15

sem nome.png

Terça-feira, o dia que não costumo ir ao ginásio.

Ficar em casa é para me perder aqui no computador e nem sempre tenho paciência para isto, além de que me canso.

Hoje de tarde, decidi ir à aula de Zumba.

Quando a música/dança acaba, o professor explica os passos da música que vem a seguir. Numa delas, diz uma senhora, assídua em todas as modalidades: "Ó  professor, essa música não. Ninguém gosta dela. É muito movimentada, barulhenta, não ponha essa música."

O professor justificava que nem todas as pessoas gostam de música latina, outras de hip hop, por isso seria normal muitas outras não gostarem da dita.

A senhora, que tem um vozeirão que mexe o ginásio, insistia para não pôr a música.

De repente, uma jovem que eu nunca vira por lá, diz : "Professor, ponha essa música. É ela que me faz vir".

Eu desato a rir, como todas as que ouviram e comenta a senhora  do vozeirão: " a língua portuguesa é que nos leva a estas malícias. A moça disse isto com naturalidade" e  diz ao professor "pronto professor, ponha lá a música que faz vir esta menina".

Não era ainda a vez da dita música. Depois de duas coreografias, lá veio ela... É, de facto, barulhenta, movimentada, tem muitos saltos, mas é DEMAIS!

 

Cantinho da Casa

745 - E-mail...

por Maria Araújo, em 13.09.10

Enquanto aguardo uma renunião com os Encarregados de Educação:

 

 

SERA QUE O "SIGNIFICA DIZER" QUE MUITOS DOS NOSSOS INTELECTUAIS E RESPONSAVEIS USAM COM FREQUENCIA ESTA NO MESMO GRUPO DAS TAUTOLOGIAS?

No meu tempo isto chamava-se PLEONASMO

NOTE QUE ISTO FOI  ESCRITO POR ALGUÉM BRASILEIRO, TÁ?... MAS ESTÁ CORRECTO. (EU NÃO ADERI AO ACORDO ORTOGRÁFICO).

 

APRENDA O CORRETO:

 

E a gente pensa que repete corretamente os ' ditos populares'

Dicas do Prof. Pasquale:

 

No popular se diz: 'Esse menino não pára quieto, parece que tem bichocarpinteiro' "Minha grande dúvida na infância... Mas que bicho é esse que é carpinteiro, um bicho pode ser carpinteiro???"

Correto: 'Esse menino não pára quieto, parece que tem bicho no corpo inteiro' "Tá aí a resposta para meu dilema de infância!"  EU

NÃO SABIA. E VOCÊ?

 

Batatinha quando nasce, esparrama pelo chão.'

Enquanto o correto é: ' Batatinha quando nasce, espalha a rama pelo chão.' "Se a batata é uma raiz, ou seja, nasce enterrada, como ela se esparrama pelo chão se ela está embaixo dele?"

 

'Cor de burro quando foge.'

O correto é: 'Corro de burro quando foge!'"Esse foi o pior de todos!

Burro muda de cor quando foge??? Qual cor ele fica??? Porque ele muda de cor???" 

 

Outro que no popular todo mundo erra:'Quem tem boca vai a Roma.'

"Bom, esse eu entendia, de um modo errado, mas entendia! Pensava que quem sabia se comunicar ia a qualquer lugar!"  O correto é: 'Quem tem boca vaia Roma.' (isso mesmo, do verbo vaiar).

 

Outro que todo mundo diz errado,

'Cuspido e escarrado' - quando alguém quer dizer que é muito parecido com outra pessoa.

O correto é: 'Esculpido em Carrara.' (Carrara é um tipo de mármore)

 

Mais um famoso.... 'Quem não tem cão, caça com gato.' "Entendia também, errado, mas entendia! Se não tem o cão para ajudar na caça o gato ajuda! Tudo bem que o gato só faz o que quer, mas vai que o bicho tá de bom humor!"

O correto é:'Quem não tem cão, caça como gato.... ou seja, sozinho!'

 

  Vai dizer que você falava corretamente algum desses?????

 

As armadilhas da língua.  

 

Tautologia é o termo usado para definir um dos vícios de linguagem. Consiste na repetição de uma idéia, de maneira viciada, com palavras diferentes, mas com o mesmo sentido. O exemplo clássico é o famoso 'subir para cima' ou o 'descer para baixo'. Mas há outros, como você pode ver na lista a seguir:

- elo de ligação

- acabamento final

- certeza absoluta

- quantia exata

- nos dias 8, 9 e 10, inclusive

- juntamente com

- expressamente proibido

- em duas metades iguais

- sintomas indicativos

- há anos atrás

- vereador da cidade

- outra alternativa

- detalhes minuciosos

- a razão é porque

- anexo junto à carta

- de sua livre escolha

- superávit positivo

- todos foram unânimes

- conviver junto

- fato real

- encarar de frente

- multidão de pessoas

- amanhecer o dia

- criação nova

- retornar de novo

- empréstimo temporário

- surpresa inesperada

- escolha opcional

- planejar antecipadamente

- abertura inaugural

- continua a permanecer

- a última versão definitiva

- possivelmente poderá ocorrer

- comparecer em pessoa

- gritar bem alto

- propriedade característica

- demasiadamenteexcessivo

- a seu critério pessoal

- exceder em muito .

 

Note que todas essas repetições são dispensáveis.

Por exemplo, 'surpresa inesperada'. Existe alguma surpresa esperada?  Claro que não.

Gostou?

Para os amigos amantes da língua portuguesa

 

 

 

 

 

Cantinho da Casa


foto do autor



desafio dos pássaros


o meu instagram


1º desafio de leitura - 2015 2º desafio de leitura - 2017 3º desafio de leitura - 2019

desafio




Arquivo

  1. 2020
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2019
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2018
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2017
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2016
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2015
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2014
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2013
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2012
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2011
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2010
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2009
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D
  157. 2008
  158. J
  159. F
  160. M
  161. A
  162. M
  163. J
  164. J
  165. A
  166. S
  167. O
  168. N
  169. D

Encontros - eu fui

IMG_2230 (2).JPG MARCADOR