Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]



a minha gata põe-me doida

por Maria Araújo, em 31.01.19

Este inverno, a Kat não tem ido para o meu quarto deitar-se sossegada num dos cantos da cama.

Ontem, entrou, não saiu, percebi que, quando desligasse a luz, saltaria para a cama e lá ficaria a dormir.

E assim aconteceu.

Por volta das 6h30, acordei com o miado forte, a dar-me sinal de que queria alguma coisa.

"Shiu! Calou!", respondi eu.

Mas ela continuava.

Fome não era, deixara o suficiente para a noite e o dia de hoje.

Com o pretexto de ir à casa de banho ( quem toma chá à noite, acorda a qualquer hora para fazer o xi-xi)  levantei-me, ela solta novo e alto miado, fui ao quarto da varanda, puxei o estore, abri a porta, ela saiu, foi arejar.

Voltei para a cama.  Mas o sono não quis nada comigo.

Seriam 7h00, a danada volta aos miados estrondosos capazes de acordarem os vizinhos.

E eu, quietinha, debaixo dos lençóis e do edredom, mandava-a calar.

Depois, ouvia-a correr pela casa, parava à entrada do quarto, porta aberta, que ela poderia saber fechar ( era bom, não era?!) olhava para mim e miava.

"Cala-te, Kat. O que queres?", perguntava eu baixinho de modo que ninguém me ouvisse. E voltava a esconder-me debaixo do edredom.

Às tantas, já perto da 9h00 e quando, finalmente, o sono estava a chegar, ela salta para a cama, deita-se num canto e ficou.

Eu adormecei, também, mas por pouco tempo.

Hora de me levantar, estore para cima, puxei o edredom para o fundo da cama, que a cobriu. Eunca mais ninguém a ouviu.

Fui às compras, apanhei uma molha da muita chuva que tem caído neste dia, cheguei a casa por volta das 13h00. Fiz o almoço, preparei uma coisas para o jantar da mana mais nova ( hoje é o seu aniversário).

Há pouco, lembrei-me que a cama estava por fazer, a Kat não dera mais sinal de si, estava ainda na preguiça do quentinho da cama.

Entrei no quarto, levantei o edredom, lá estava ela a dormir.

Peguei nela e resmunguei: " Sua preguiçosa, que me acordaste cedo, não me deixaste dormir, vingas-te de mim ficando na cama até esta hora?! "

E dei-lhe uns beijinhos no pêlo, pousei-a no chão e tratei de arrumar o quarto ( eu não gosto de deixar a cama  por fazer tantas horas).

E voltou aos miados.

Não sei o que ela quer. Deixa-me doida e preocupada.

13997879_usuKc.jpeg

(foto de 2012)

 

 

Início

Autoria e outros dados (tags, etc)

o meu sono

por Maria Araújo, em 27.07.17

Há dias que a Kat me tira do sério.

Já estava a habituar-me ao sossego da manhã, de dormir tranquila, mesmo que ela entrasse no quarto, se deitasse aos pés da cama, que logo a seguir saía e dormia onde entendesse.

O que acontece é que há cerca de dez dias, às 6h, entra no quarto, passeia em cima das minhas pernas, e com as patas e a boca agarra e morde-me os pés. 

Não me deixa dormir.

Ralho, ela foge, tento adormecer, ela regressa ao quarto , volta ao mesmo.

Levanto-me, abro o estore da varanda, lá vai ela... E volta à cama, aos meus pés.

O meu sono vai-se.

Agitada que anda, deixa-me stressada.

À noite, caio de sono mal me sento no sofá.

Durante o dia, ela vai para o cesto e fica horas na preguiça e a dormir.

Hoje,  às 6h30 era o texas. Ela a brincar com os meus pés. Mal eu dizia: "Kat!", ela fugia. Mas voltava.

São 9h, ando aqui desde as 7h. 

Não gosto de andar na net de manhã.

Mas é ela que me faz estar aqui. Sem sono, o que fazer ?

E hoje, o dia de ginásio é à tarde.

13006518_hFweL.jpeg

 

 

 

 

 

Início

Autoria e outros dados (tags, etc)

entramos na hora de verão

por Maria Araújo, em 25.03.17

Sem Título.png

 

Esta noite vamos dormir menos uma hora, mas compensamos porque é domingo, levantamo-nos mais tarde um pouco, tudo se resolve.

Será que vai resolver-se com a minha gata?

É que desde que amanhece mais cedo, a gajita acorda-me às 6h porque quer comer.

E eu resmungo com ela, digo-lhe: "não é hora, tem calma Kat", e ela salta para cima da cama, passa a pata pelo cabelo, ou sinto os bigodes que cheira a minha testa.

"Pára, Kat!"

E ela salta e foge do quarto. E é isto mais de meia hora. 

Por vezes ela acalma e volta mais tarde ou insiste até que me levante.

Eu volto ao sono. Ou não.

Com a mudança da hora, já estou a vê-la chatear-me a paciência para lhe dar de comer por volta das 5:30., lá mais para a frente, quando o sol nascer às 6h. 

Ela desperta com os primeiros raios de luz. 

Estou feita!

Mas não cedo. 

 

Sem Título.png

(quando ela espera que eu vá dormir)

Início

Autoria e outros dados (tags, etc)

agitação

por Maria Araújo, em 09.12.16

Ontem, a Kat voltou para cima do armário e deixou-se ficar.

Tentei tirá-la de lá. Teimosa, como todos os felinos que não gostam de fazer o que lhe mandamos, não saía.
Peguei numa cadeira, no cesto onde ela dorme durante o dia, mas as minhas tácticas não funcionaram.

Enquanto passava a ferro, de quando em vez, ouvia-a miar. Mas não fui atendê-la.

Por volta da meia noite e meia, desliguei o ferro, tomei o chá, ia tratar de mim antes de me deitar.

Fiz várias tentativas de a tirar de cima do armário mas ela retraía-se.

Por volta da 1 hora fui deitar-me.  Não conseguia adormecer sabendo-a no cimo do armário, poderia miar durante a noite e teria de a " resgatar".

Não estava tranqulia, levantei-me por volta da 1:20h, voltei à cozinha.

E lá estava ela super tranquila. Não saltava, não se mexia para vir para o chão.

Com a certeza de que não conseguiria adormecer sem a tirar de lá, lembrei-me de pegar no saco da ração.

E era vê-la a mexer-se de um lado para o outro do armário. 

De repente, saltou para cima do frigorífico, que está a uma distância razoável e mais baixo. E aqui ficou com medo de saltar. 

Não sei o que lhe deu.  Como o prazer de ter uns grãos de ração e comê-los era demais, acabou por saltar para cima da coluna do aparelho de rádio que tenho na marquise. Mais uma vez,  miou ou com medo de saltar para o chão. E está farta de fazer estas manobras.

Mas gulosa que é por comida, saltou.

Eu fui para a cama mais tranquila.

Mas não consegui adormecer, mexia-me demais na cama.

Veio-me à mente que com os meus malabarismos para a tirar de cima do armário, não tomara o meio comprimido indutor do sono (tomo há muitos anos). Mas a preguiça de voltar a sair da cama era grande e como quase tinha a certeza de que o tomara, não saí.

Acabei por adormecer, mas tarde.

Às 7 horas, em ponto, estava ela a acordar-me para lhe dar a ração.

Voltei para a cama, acordei com o despertador. Tinha duas aulas no ginásio. Sentia-me um pouco cansada mas não gosto de faltar ao ginásio quando marco as aulas,

Há pouco, olhei para a mesa da cozinha e vejo o meio comprimido.

Afinal não o tomara. A agitação foi minha.
E tudo por causa da gata.

IMG_20161129_152814.jpg

 

 

 

 

 

Início

Autoria e outros dados (tags, etc)

há dez anos que ela

por Maria Araújo, em 25.09.16

faz parte da família, nunca a vimos sem comer e apática, como neste fim de semana.

Há 36 horas que não come, a Kat não reage a nada.

Só quer este cantinho do sofá.

IMG_20160925_123238.jpg

 

 

Início

Autoria e outros dados (tags, etc)

Tags:

a Kat agradece

por Maria Araújo, em 09.09.16

 

transferir.png

 

objectivo alcançado, vender todos os livros " Histórias Com Gato Dentro" do Clube de Gatos do Sapo, os meus parabéns  vão em especial para a Marta pelo carinho e empenho que dedicou às histórias e à feitura dos livros, para as bloggers que deram o seu apoio à Marta no Aqui Há Gato, em Lisboa, Mula, Sofia, Ana  e deixaram registadas as mensagens dos seus felinos, a Fénix, o Indy e a Maria, o Puma, a Amora e a Becas, e do Pulga, no livro da Kat.

Embora se fizesse de esquisita para a fotografia, lá me fez o favor.

E agradece: "Obrigada, Clube de Gatos do Sapo".

 

19895211_hacIm.jpeg

 

 ( o livro e a Kat)

 

 

Início

Autoria e outros dados (tags, etc)

a fotografia do FB

por Maria Araújo, em 22.05.16

que mais gosto e numa moldura.

63395b9b8fa2a1581483580315bb0f92.jpg

 Linda, a minha gata, Kat, quando foi adoptada, em 2010.

 

Início

Autoria e outros dados (tags, etc)

Está frio e a minha gata

por Maria Araújo, em 22.11.15

 

images.jpg

 

acordou-me manhã cedo, queria comer. 

Se encher o prato com ração, ela come tudo, de uma vez só.Não sabe gerir a comida, dou-lhe ração duas vezes por dia.

Então resmungo com ela: "Não, Kat. Ainda é cedo. Espera!", ela mandava uns miaus de mimo... "Já vou, Kat!"

A porta do quarto estava fechada, senão empurrava-a e entrava e eu não quero que ela se habitue a dormir no quarto. Miava baixinho, até que por volta das 8:15h fui dar-lhe de comer.

Voltei para a cama, desta vez encostei a porta, ela costuma dormitar no cesto (forrado com uma mante Ikea) .

Enganei-me. Uns dez minutos depois, sinto a porta ser empurrada. Ela salta para a cama, senta-se em cima das minhas pernas. Nunca faz isto quando estou a dormir. Se estiver sentada no sofá, aí sim, gosta e eu não me importo.

Convicta de que ela iria sair de cima das minhas pernas e deitar-se aos pés da cama, não. Continuou.  Não me mexi até que fui movendo as pernas devagar para ela sair de cima. Nada!

Fui dormitando.Por volta das 10 horas, saiu do quarto. E eu fiquei a dormir até às 11h.

Arrefeceu muito, os animais procuram o quentinho do corpo dos donos e ficam consolados a dormitar.

Sabe-me bem pegar nela e aconchegá-la a mim, mas ela detesta que eu faça isso.Não é quando eu quero, é quando ela quer.

 

 

 

 

Início

Autoria e outros dados (tags, etc)

A minha gata também faz isto!

por Maria Araújo, em 10.10.15

 

 

12079054_889800891089132_1720828163375778010_n.png

 

 

Início

Autoria e outros dados (tags, etc)

a minha gata é danada

por Maria Araújo, em 12.09.15

DSC08526.JPG

depois de pôr a ração no prato dela, preparo o meu pequeno almoço, sento-me sossegada a comer.

quando ela já está satisfeita, ou não, esfomeada que é, aborda-me lançando as garras e fura-me a t-shirt do pijama.

fico danada! é a segunda t-shirt que ela fura.

ela gosta de me provocar e chamar a atenção, brinco com ela.

mas de vez em quando, deparo-me com arranhões nas pernas.

não sei se é cobiça pelo que como e quer que lhe dê mais comida, dá-lhe na tola estas reacções.

é danada!

 

 

 

Início

Autoria e outros dados (tags, etc)

Tags:


foto do autor


desafio dos pássaros



o meu instagram


1º desafio de leitura - 2015 2º desafio de leitura - 2017 3º desafio de leitura - 2019

desafio




Arquivo

  1. 2019
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2018
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2017
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2016
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2015
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2014
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2013
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2012
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2011
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2010
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2009
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2008
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D


Encontros - eu fui

IMG_2230 (2).JPG MARCADOR