Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Cantinho da Casa

Cantinho da Casa

esperar a reparação de avaria elétrica até dez dias?

Maria Araújo, 31.10.16

Mais uma vez, a minha rua está completamente às escuras.

Do lado oposto, a rua da escola secundária está iluminada. Nunca há avaria  nos seus candeeiros.

Muitos dos alunos passam na minha rua.  E hoje, saíam da escola de telemóvel na mão para lhes iluminarem o caminho. 

As constantes avarias na iluminação desta rua vêm acontecendo há cerca de seis anos, mas nos últimos dois  anos é recorrente e nesta altura do ano.

Entre setembro e outubro já são quatro vezes que ligo para a EDP.

Enquanto as luzes  do café e do parque de estacionamento estiverem acesas, a coisa vai correndo bem. Fechados estes, fica breu.

Acabei de ligar para a EDP. Amanhã é feriado, não sei se têm piquetes, vou reclamar já, pensei. 

Depois de fornecer os dados e de a colaboradora ter dito que a minha informação ficou registada, que a reparação poderá levar até dez dias, que pode ser menos, e blá, blá, blá.

Indignada comentei que as avarias na rua eram frequentes e nunca da parte da EDP alguém  me dissera que poderia levar até dez dias a fazerem a reparação.

Aconteceu, sim, esperar dois dias, mas nunca fora informada do tempo de espera.

E ela insistia nisto, " ficou registada a sua informação, já foi enviada para os técnicos, pode levar dez dias".

E pronto, temos de esperar.

A minha rua está às escuras. Amanhã é feriado. Quarta-feira vou ligar de novo.

 

usqq-luz-niemeyer-00-jb.jpg

 

 

 

 

Sem luz

Maria Araújo, 19.12.14

 

Há dois dias que não há luz na minha rua, tem sido a luz de uma garagem de estacionamento público que ilumina somente o início da rua, até às 22 h, hora de encerramento.

Há uma escola primária que está fechada para férias, mas tem o jardim de infância, no recinto ao lado, que está a funcionar, que fecha por volta das 19h.

Há as finanças, há o registo predial, há os correios, há muitas pessoas que passam na rua, que são iluminadas pelos faróis dos carros que a descem, ou pela luz da garagem

Na quarta-feira passada, fui ao jantar de Natal da escola, cheguei a casa por volta das 2h, (felizmente não levei o carro) a colega que me trouxe, teve de parar o carro de frente para a minha porta de modo a que eu pudesse introduzir a chave na fechadura, abrir a porta e entrar.

Ontem, fim de tarde fui à janela espreitar a rua e estava novamente às escuras.

Pensei que alguém tivesse ligado à EDP, mas pelo que me percebi, não. Por que razão?

Há pouco, cheguei a casa da minha caminhada, peguei no telefone fixo e liguei para as avarias.

E como sempre, a conversa gravada:

(...)

- Se é avaria em casa, marque x; se é avaria na rua, marque y ( e eu marquei)

- Se a avaria na rua é só de um candeeiro marque x, se for metade da rua, y, se for a rua inteira, marque z (marquei z).

- A chamada vai ser atendida por um colaborador.

Atende-me a colaboradora, faz umas perguntas pessoais (nome e morada) pede que explique o que se passa.

Pede-me um ponto de referência da rua.

Dou-lhe três (a rua x, a escola secundária e as finanças).

Pergunta-me se pode ficar com o contacto móvel no caso de necessitarem de algum esclarecimento.

Ok, tudo feito.

Agradece a comunicação ( quando alguém comunica a avaria e se outro alguém faz o mesmo, informam-nos, daí ter percebido que nenhum morador fez a comunicação. Estão à espera que a EDP descubra?)

Falta saber se vêm resolver a avaria. Estamos em fim-de-semana, esta rua é de passagem para o centro e passam aqui muitos jovens da noite.

Se com a iluminação que há na rua, que não é demais, por vezes, tenho receio, imagine-se sem ela.