Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Cantinho da Casa

Cantinho da Casa

uma prescrição

Maria Araújo, 21.02.17

Sem Título.png

 

Fui à consulta de ortopedia para que o médico me desse conhecimento do relatório da ressonância magnética que fiz ao joelho.

Tinha comigo o exame e o relatório, que li ontem, que não me deixou preocupada.

Além de um quisto de Baker, tenho uma redução da cartilagem.  Nada mais que seja motivo de algum tratamento.

Aconselhou-me a caminhar mas sem o exagero dos muitos quilómetro que fiz aqui

Mais importante para mim é continuar a minha actividade no ginásio, que há mais de 25 anos não dispenso.

Para prevenir as dores e ajudar a reconstruir a cartilagem e tratar a artrite, receitou-me Glucosamina, em comprimidos, para tomar durante 4 meses (o tempo não perdoa).

 

"Glucosamina é uma substância pertencente ao grupo dos medicamentos para o tratamento da artrose, apresentando efeitos favoráveis na cartilagem visto ser um dos constituintes necessários para a sua regeneração, para além do fato de ter a capacidade de poder estimular as células formadoras da cartilagem.

Deste modo, contribui para o abrandamento e eventual paragem do processo degenerativo da cartilagem articular que caracteriza a artrose."

 

Costumo comprar toda a medicação e outro produtos na mesma farmácia.

Hoje, foi excepção. Entrei na primeira farmácia que passei, perto de casa.

Trouxe a medicação.

Passei pelo supermercado.

Quando cheguei a casa e vejo a receita, reparo que em encargos diz: " Esta prescrição custa-lhe, no máximo, 3,61 €, a não ser que opte por um medicamento mais caro".

Eu paguei 6,23 € por cada caixa.

É normal na "minha " farmácia perguntarem-me se quero o medicamento prescrito ou um mais barato, ou informarem-me que não têm o prescrito, se pode ser substituído por outro. 

Nesta, não me foi dito nada.

Vou lá passar, ainda hoje.

Quero saber por que razão me venderam um medicamento com outro nome e mais caro.

Tenho direito a uma  explicação.

 

 

 

a classe de uma moda exuberante

Maria Araújo, 04.11.16

Há algum tempo, numa das acidentais pesquisas nesta blogosfera, encontrei um site de  fotografias de moda de senhoras de idade avançada que  vestem de uma forma exuberante mas com elegância.

Ontem, tinha a fotografia de uma senhora vestida de vermelho (que eu adoro e não prescindo, nunca, de ter várias peças de roupa desta cor) que completa  com acessórios em preto, Chanel.

Não queria deixar de publicar a fotografia da senhora que segundo o  advanced style, faleceu.

Sem Título.png

 

Vista-se mal e notarão o vestido. Vista-se bem e notarão a mulher.

Coco Chanel