Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

cantinho da casa

cantinho da casa

uma aventura no estádio

Fomos ver o SCB que jogava com Union Berlin.

Decidimos ir de autocarro, mas quando vi o horário, achei que íamos chegar em cima da hora, tendo em vista o trânsito para lá.

Um autocarro que vai directo ao estádio nunca devia sair da cidade 45 minutos antes do jogo,mas pelo menos uma hora.

Quando chegamos e depois de passarmos os telemóveis para a leitura dos bilhetes, dirigimo-nos para as escadas  que, supostamente, davam para o nosso sector.

De repente, vimos um elevador, estava um casal para entrar, fomos na sua direção convictas de que iríamos chegar lá.

Entrou um grupo "VIP", um dos homens cumprimenta, muito sorridente, a minha amiga, ela retribuiu sem se lembrar quem era.

Mas o elevador ia até ao 2° piso.

A menina que estava naquele andar disse que estávamos enganadas, mas abriu uma das portas que dá acesso ao corredor e disse que subissemos as escadas até ao topo.

Mas o topo não nos levava a lado nenhum porque não tinha saída.

Entretanto, desciam outras pessoas que também não sabiam para onde ir.

Descemos de novo, o jogo tinha começado e nós não encontramos a saída. Voltamos ao elevador, estava lá outra menina, muito gira e elegante, que explicou-nos como fazer.

Mas lembrou-se de ver se a porta que dava acesso ao corredor estava aberta, e por sorte estava, disse-nos como fazer.

Subimos, subimos, até que chegamos lá.

A minha amiga transpirava de tanto subir.  Dizia que tinha ginástica para um mês ( ela não frequenta o ginásio nem é fã de exercício fazer exercício físico). Ora, quando perguntamos se era ali o nosso sector, sim,era, mas não daquele lado, mas do lado esquerdo e para cortar caminho tínhamos de atravessar pelas filas onde se sentava o público e eu não queria, de modo algum, descer aqueles degraus pequenos e andar à procura da filaedos lugares.

Estavam três agentes da polícia , veio mais um stweard, e depois de explicarmos tudo, e eu com aquele ar de brincadeira disse que há alguns anos que não íamos ao estádio, disseram eles: " sentem-se aqui que de certeza não vem ninguém e no intervalo procurem os vossos lugares."

Estávamos no topo do estádio, muito bem protegidas. Atrás pelos agentes, e encostadas à parede por onde não passava vento e frio ( levamos kispos e não foram precisos, estava uma temperatura agradável).

E com isto tinham passado cerca de 20 minutos.

Veio o intervalo, ela queria fumar um cigarro ( incrível num estádio não haver um recipiente para pôr as pontas dos cigarros), perguntei a uma segurança, ela disse que não há. Mas tem uma banca em inox, perguntei se a torneira funcionava, porque apagava o cigarro na água. A resposta foi afirmativa, fui verificar, e foi quando vi um copo de plástico com alguma água onde os fumadores deixam as beatas (não gosto desta palavra). E assim a minha amiga fumou o cigarro, porque se não houvesse nada para colocar, ela prescindia desse prazer para não atirar o cigarro para o chão.

No intervalo, não fomos procurar os nossos lugares.

Voltamos aos que tinhamos ocupado,  num deles sentava-se um senhor idoso.

Sentamo-nos na fila à frente, começou a segunda parte com o hino do SCB,toda a gente eufórica,  ganhamos o jogo. Foi lindo. Ver um jogo de futebol na televisão não tem piada, vê-lo no estádio, independentemente de se ganhar ou perder, aprecia-se melhor a táctica de jogo e é excitante.

Acabado o jogo, e porque a descer todos os santos ajudam, voltamos à saída para apanharmos o autocarro.

Num dos andares, ouvimos uma voz feminina dizer "Ó setôra, que bom vê-la! Que saudades! Porque foi embora?"

A minha amiga explicou o porquê de ter saído, comentei eu que a culpa foi do Ministro, elas despedem-se, a jovem abraçou a minha amiga, e ao mesmo tempo que seguia na direcção oposta, disse:"Gosto muito de si, setôra"

( imagine-se a cara de babada da minha amiga, e feliz com o elogio).

Láfora o trânsito era intenso, estavam dois autocarros apinhados de pessoas, andavam a passo de caracol, percebemos de imediato que não teríamos hipótese de entrar porque o motorista não ia abrir-nos a porta.

Decidimos ir de táxi.

O primeiro da fila de três, era o que devíamos entrar, mas vimos um homem no passeio junto ao carro, perguntamos se podia levar-nos.

E respondeu ele: " Está lá o miúdo".

Eu ri-me e disse à minha amiga que se estava lá um miúdo é porque esperava alguém, então teríamos de entrar no segundo táxi.

Perguntamos se podíamos entrar, respondeu o mesmo homem:"Não, têm de ir para esse táxi, está lá o miúdo, é ele que as vai levar".

Desatamos a rir. O miúdo?!

Quando abrimos a porta, estava um jovem que imediatamente nos disse para entrar.

A partir desse momento iniciamos uma conversa sobre o futebol, que ele comentou ter visto no telemóvel, de ir ver o jogo da Selecção (cá em Braga), que já tem bilhete ( nós não), e com uns modos educados e uma conversa fluída, até que a minha amiga perguntou-lhe de onde era.

De Bragança, veio estudar para a UM, está no curso de Mecânica, gosta da cidade, embora conheça pouco, gosta das pessoas.

Quando saímos do carro,demos uma gorgeta pela simpatia, desejamos sucesso para os estudos e parabenizámo-lo pela educação que tem.

Já depois de ele arrancar, comentou a minha amiga: " Ele é muito novo, deve ter 18 anos."

Deduzimos que, enquanto não começam as aulas deve ter este emprego, vai ganhando uns trocos.

 E rimo-nos quando comentamos que o outro táxista sabia o que estava a dizer com,  "Tem um miúdo lá dentro".

Cheguei a casa, o cansaço era tal, tomei um duche, sentei-me no sofá, e adormeci.

Foi uma aventura esta ida ao estádio.

O bichinho entrou. Se tivermos oportunidade de ir ver um jogo que nos entusiasme, voltaremos, mas  acho que nos vamos perder outra vez.

 

 

 

 

Liga Europa

Tenho andado muito ocupada e cansada porque acordo cedo e o sono não volta 

Às vezes, fecho os olhos na fisioterapia, mas faço um esforço para não dormir.

Ando confusa e vejo tudo a aumentar, assustei-me com os preços da areia para  para a minha gata.

Uma amiga voltou à escola do quadro a que pertence, um amigo oferrceu-lhe dois bilhetes para o jogo da Liga Europa, de hoje em Braga.

Há anos que não subimos as escadas do estádio.

Já lhe disse que cada lanço de escadas, descansamos cinco minutos.

É que, entretanto, estamos mais velhas.

Então, logo, vou ao futebol.

IMG_20220915_133324.jpg

 

Liga Europa

Vim dar um passeio pelo centro da cidade.

Há dois anos, vínhamos de Lisboa, de comboio , eram muitos os adeptos do Rangers Football Club, que transportavam grades de cerveja, fizeram demasiado ruído, em Coimbra, alguns deles foram postos fora do comboio. 

Amanhã, o Sporting Clube de Braga vai jogar com a mesma equipa para a Liga Europa.

Hoje a cidade está repleta de escoceses.

Muitos jovens, demasiado jovens, que bebem cerveja, cantam, dançam, e desfrutam deste sol que também está a saber-me muito bem.

A bandeira da Ucrânia está lá, por cima da Igreja da Lapa, e as decorações da Páscoa.

No meio de tanta gente, sem máscara, só mesmo os bracarenses, como eu,  se cuidam.

Há festa na cidade.

IMG_20220406_161008.jpg

IMG_20220406_161945.jpg

IMG_20220406_162047.jpg

IMG_20220406_163531.jpg

IMG_20220406_163535.jpg

 

 

a Liga Europa

não sei se o jogo foi transmitido em algum canal de televisão.

há bastante tempo que não quero ver futebol,sobretudo pelos comentadores que tudo sabem, falam e gritam nas televisões.

o Carlos Carvalhal não está a fazer nada,este ano, no SCB.

e não acredito que em Braga recupere o que perdeu hoje.

acho que já devia ter ido à vida

Sem Título.jpg

 

 

a Liga não tem três clubes

quando na passada segunda-feira li que a SIC acabou com os comentadores que representam os clubes de futebol, e no dia seguinte a TVI fez o mesmo, sorri  e comentei: " finalmente! há muito tempo que metia nojo".

a Liga não tem três clubes.  

foram anos demais a ouvir berros, discussões de nada, e sempre dos mesmos clubes.

“Vamos ter um modelo diferente à segunda-feira e outro ao domingo, ainda estamos a reorganizar as grelhas”

espero que quem comentar seja imparcial e não siga as mesmas pegadas dos anteriores.

a liga

ontem,ao telefone com uma amiga, conversamos sobre o vírus, o tele trabalho, as notícias.

e sobre estas, confirmamos que já não conseguíamos ouvir a toda a hora, em todos os canais o tema covid-19. comentou que vira um programa com os comentadores de futebol e o que antes a irritava, foi um alívio ouvi-los. 

os jogos da Liga vão voltar, a luta pelo primeiro lugar está aí, assim como o terceiro e quarto lugares.

estava a dar uma olhada às notícias, deixei-me ficar a ver e ouvir sobre o regresso do futebol, agora com os estádios vazios.

Sem Título.jpg

passavam as imagens dos treinos em grupo, primeiro falou-se do FCP, a seguir do SLB e quando esperava que falassem do SCB, em terceiro lugar na classificação, não, falou-se do SCP.

não consigo perceber isto.

bem, foi um desabafo,até porque deixei de dar importância ao futebol!

mas irrita-me

 

futebol parado

ontem em conversa com a minha amiga N, falavamos de futebol,soube que um jovem do SCB vai para o Barcelona.

de repente diz-me que ele é meu vizinho.

como assim,meu vizinho?

pensei que era  adulto,casado e pai de filhos. afinal é o jovem que costumo ver a dar uns chutos na bola, agora que estamos todos em confinamento, no pequeno quintal da sua casa.

transferir.jpg

 

uma semana inteira

que se repete nas semanas que aí vêm.

Começou este mês a época de futebol, procuro nos canais algo que me convide a sentar-me no sofá e ver um programa que agrade, o que encontro?!

Nos dias anteriores ao "clássico", nos canais  do costume : SIC Notícias,  RPT1, RTP3, TVI24, CMTV, Sport TV, Porto Canal, o destaque  do discurso dos comentadores que berram todos ao mesmo tempo, era para o Benfica: comentava-se o jogo, os jogadores, a táctica, os jogos ganhos na época passada, a era Bruno Lage...

Mas no sábado passado o Benfica perdeu o jogo com o FCP, e como se as grandes equipas não pudessem perder,  ou neste caso os egos benfiquistas sofreram uma decepção, a discussão prolongou-se em todos os canais durante pelo menos quatro dias.

Ontem, passava nos ditos  canais, lá estava o destaque dos programas focados no Benfica, aquisição, venda, sei lá,  de  jogadores, até que num deles os comentários eram sobre o SCP.

Hoje, tivemos  play off dos jogos da Liga Europa, o Sporting Clube de  Braga e o Vitória de Guimarães estão na fase de grupos, lembrei-me de ver o que se passava... e de novo Benfica é o protagonista.

Amanhã vem mais, e já estou a ver o discurso para o jogo de domingo: o Braga recebe o Benfica, está visto que depois de um jogo como o de hoje dificilmente a equipa bracarense conseguirá pontos, vai haver acesa discussão já amanhã e nos mesmo canais.

Não há paciência. 

Escapa o Culta e Adulta, RTP2.