Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]



do fim de semana prolongado

por Maria Araújo, em 06.11.19

Começou na 5ª feira, no comboio Alfa.

Desta vez, o  meu lugar não era ao lado da minha sobrinha, que ocupa o lugar destinado a mães com bebés, e pessoas deficientes em  cadeira de rodas,

Enquanto não chegava a pessoa que iria ocupar esse lugar, sentei-me com o sobrinho neto no colo.

Um senhor, na casa dos 80, aproximou-se e perguntou se eram aqueles os nossos lugares,.

A minha sobrinha explicou que não, que o meu era o da frente e que se o número dele era a seu lado, se quisesse oferecia-lhe o lugar da janela, pois facilitava movimentar-se quando precisasse da minha ajuda.

Simpatica e humildemente, o senhor disse que não e que poderia trocar o lugar com o meu.

Nós aceitamos. Uma criança que não pára de brincar, não o incomodaria se trocássemos.

Sentou-se, então, no meu lugar, e sempre com gestos simpáticos, dizia olá ao menino, conversava connosco, até fez questão de oferecer das bananas que levava consigo, que tinha muitas e não as comia todas, acabamos por aceitar, o menino comeu uma.

Contou que nasceu aqui em Braga, que fora trabalhar para Lisboa era ainda muito jovem, que casou, que a esposa é de Vila Verde, que viera de propósito, como o faz todos os anos nesta altura, ao cemitério pôr flores na campa dos familiares.

Um senhor que faz  duas viagens no mesmo dia de 3h30 de viagem para prestar homenagem aos familiares defuntos é de louvar, comentara a minha sobrinha.

Na chegada, o senhor levantou-se, veio desejar-nos boa estada, despediu-se do menino e a minha sobrinha trocava comigo palavras de gratidão por encontrar uma pessoa tão simpática e humilde. 

A viagem correu bem, o menino não dormiu, fartou-se de brincar connosco, chegamos a Lisboa, pedimos um Uber e fomos para casa.

Mal o condutor pára o carro nos semáforos perto de casa, ouço a minha sobrinha dizer que alguém estava a fazer marcha atrás e ia bater no carro. Eu não percebi, o senhor  não podia avançar, o carro que queria sair estava em cima do passeio, até que o sinal  verde abriu, virou para a outra via, parou o carro e ouço a minha sobrinha dizer: "Eles estão a agredirem-se, eu não saio do carro, pode haver aqui rixa, eu tenho medo".

E foi então que vi três homens aos berros com o condutor que queria sair do estacionamento. Estávamos no meio da rua, o condutor Uber saiu do carro, ajudou a minha sobrinha a sair, estava ela com o bebé no colo, e ela só dizia " por favor chamem a polícia, isto é grave"

Saí do carro, puxei por ela e disse para ir para o passeio. E ela pedia para chamarem a polícia que eles estavam a agredir-se.

Queria sair dali o mais rápido possível, tirei as malas do carro, e reparei que dois dos homens estavam a desafiar-se, nariz com nariz, e insultavam-se.

De uma farmácia perto, e com a minha sobrinha a insistir que alguém  chamasse a polícia, vêm as pessoas à porta, o condutor Uber acalma-a, tiou o que faltava da nossa bagagem.

Alguém disse que já tinha chamado a polícia, o condutor Uber seguiu o seu caminho, e eis que vemos o condutor do carro fugir, ao mesmo tempo que os outros dois  o insultavam de filho da p*ta e chamavam-no de cobarde  por fugir deles.

O meu coração batia forte, fomos para casa assustadas, a minha sobrinha muito mais porque saíra do carro Uber do lado em que se dava a discussão.

O que foi que aconteceu?

O homem que fugiu estacionara o carro no lugar com placa,  com registo de matricula, de estacionamento para deficiente e como o proprietário vira o lugar ocupado, provocou a discussão. Juntou-se outro homem, insultavam-se e espalhavam murros pelo que infrigira o sinal,  foi quando ele se meteu no carro e tentou fugir mas como estava o carro Uber atrás não o fez e voltaram à discussão. Quando viu a oportunidade de se escapar, sem sequer obedecer ao sinal vermelho, ó rodas para que te quero, fugiu.

Pela primeira vez em Lisboa vi e assustei-me com este tipo de cena que poderia ter sido grave.

Estavamos cansadas da viagem, o menino adormeceu logo após tomar o leite, fomos dormir, também.

De manhã cedo fomos buscar o carro que alugáramos para esses dias, balcão cheio de turistas, saímos de Lisboa em direcção a Alcochete.

IMG_5550.JPG

O outlet estava a meio gás, a tempertura agradável,  não choveu, fomos às compras. Ela que procurava um bom agasalho não encontrou nada que gostasse, eu que não tinha intenção de gastar dinheiro em roupa, comprei um blusão ( tenho uma história para contar, no próximo post).

Comprámos artigos de maquilhagem, fomos conhecer o centro de Alcochete. 

Fomos procurar um dos restaurantes que o Robinson aconselhara, o que queríamos estava a fechar, procurámos este dos que me sugeriu. 

E almoçámos bem.

Um passeio pelo centro, verificámos que não faltam restaurantes e que as ementas são variadas e apetecíveis.

IMG_5553.JPG

IMG_5562.JPG

IMG_5566.JPG

IMG_5570.JPG

No regresso a Lisboa, e com ameaça de chuva,  a fila para entrar no Freeport era imensa, os carros estacionavam fora do parque, foi certeiro termos ido de manhã.

Pensamos ir ao El Corte Inglês ver umas roupas para o menino, esqueceramos que era feriado, fechava às 20:00, não deixaram entrar.

Cansadas que estávamos, fomos para casa.

No dia seguinte o destino era Évora, que eu não conhecia.

 

Cantinho da Casa

no fim de semana

por Maria Araújo, em 05.11.19

andei por Alcochete

IMG_5553.JPG

IMG_5555.JPG

 

Évora

IMG_5607.JPG

IMG_5625.JPG

 

 

Cantinho da Casa

outono de chuva

por Maria Araújo, em 30.10.19

Bebaixo de muita chuva, protegida por uma capa que comprei em SanXenxo há cerca de 25 anos, botas de pele até ao joelho, calças de malha dentro das botas, cumpri a missão de todos os anos, e porque amanhã o cemitério estará cheio de pessoas a fazerem o que eu fiz, hoje, sem ninguém, tinha a água por minha conta, lavei as campas dos meus familiares, pus as flores.

Apesar de a temperatura ambiente estar agradável, o frio que a capa provocava na nuca causava algum desconforto, fez-me falta um lenço para o agasalhar,nque eu pensara levar mas achara desnecessário ( por que diabo não escutei a voz do meu coração que me dizia para o levar?) .

Marcara cabeleireiro para amanhã, vou de mini-férias para a capital, nos planos está uma visita a Évora, que não conheço, cheguei a casa tomei um banho quente, lavei o cabelo, desmarquei o cabeleireiro, fui ao Porto, cheguei a casa às 21h.

Vou estar ausente da net e do blog para ler os textos do Desafio dos Pássaros, espero que este fim de semana prolongado seja em grande, apesar de se prever chuva para todo o país....Chuva bendita, que tanta falta faz.

Bom feriado.

 

 

 

 

Cantinho da Casa

dispensamos a praia

por Maria Araújo, em 21.04.19

mas fomos passear pelo pinhal e beira-mar.

IMG_20190420_155629.jpg

IMG_20190420_155738 (1).jpg

IMG_20190420_155804.jpg

IMG_20190420_160322.jpg

IMG_20190420_160450.jpg

IMG_20190420_161838.jpg

IMG_20190420_163932.jpg

 

 

 

Cantinho da Casa

mais uma vez

por Maria Araújo, em 18.01.19

estou de partida para Lisboa.

Se for exequível, os meus planos são: visitar o Museu da Ciência ( Pavihão do Conhecimento), no Sábado, e fazer o percurso do Passeio Verde, do Parque Eduardo VII ao  Miradouro de Monsanto,  no Domingo de manhã.

Vai uma música para este final de semana?

 

Cantinho da Casa

desabafos

por Maria Araújo, em 09.10.18

Há coisas que estão à frente dos nossos olhos e enquanto não temos certezas de nada, o nosso preocupado coração faz-nos entender que, aconteça o que acontecer, há muito amor para dar e receber.

Pena que as nossas cabeças sejam um marasmo de porquês.

Gostei do fim de semana em Lisboa, não gostei, de todo, de rever Cascais, mas valeu a pena visitar a Casa das Histórias de Paula Rego.

 

IMG_5168.JPG

IMG_5169.JPG

(nascer do sol,  rio Tejo do lado direito)

 

Cascais

IMG_5103.JPG

IMG_5106.JPG

 

adorei esta Vespa

IMG_5107.JPG

captura de ecrã (3).png

 

a menina distibuía convites para uma bebida num catamaran

IMG_5114.JPG

 

um mural especial

IMG_5117.JPG

 

 Casa das Histórias de Paula Rêgo

IMG_5119.JPG

 

 

 

 

 

 

Cantinho da Casa

planos para o fim de semana

por Maria Araújo, em 02.10.18

fa4e37d40bc6c672d8b5c23b58085e1e-754x394.jpg

 

voltar a Cascais depois de 30 anos sem a visitar.

 

Cantinho da Casa

sobre nada

por Maria Araújo, em 07.11.17

O fim de semana foi calmo, conheci o meu lindo sobrinho neto, fui ver a Exposição " Do Outro Lado do Espelho", na Gulbenkian, dei um salto à Área, nas Amoreiras, que fica a dez minutos da rua onde vive a minha sobinha, dormi muito mal, tinha o corpo dorido, domingo vinha no comboio e dizia a minha irmã que as minhas olheiras eram profundas ( e o meu cansaço é  mostrado por elas).

Mesmo assim, ontem fui ao ginásio. Depois da aula, tomei o café no bar e deixei-me estar na treta com uma senhora que faz as mesmas aulas e adora antigravity quanto eu.

À tarde, apeteceu-me fazer umas compras de meias, e ainda bem que fui, encontrei uma amiga que não via desde Junho, decidimos ser eu a marcar o jantar de Natal, caso contrário, com o trabalho, a filha, o namorado, o pai, as prioridades da vida, ela adia, não tem tempo para nada, não vai a lado nenhum. 

Deitei-me tarde, como sempre, mas muito cansada. De manhã acordei para marcar as minhas alulas no ginásio, voltei a adormecer, acordei às 10h30. " Que bom!", comentei.

Decidi ir à feira semanal, cheguei a casa às 13h25, fiz um arroz de grelos e petinga frita para o almoço.

A tarde seria para fazer a limpeza da cozinha e da marquise ( a empregada nunca a faz, nem lhe peço porque ela limpa-a mal) quando acabei esta tarefa, e contrariamente ao normal, só liguei o computador às 19h25.

Tenho um cesto de roupa para passar a ferro, mas não é hoje que o faço.

Tudo isto para dizer que não me lembrava de estar tão bem, fazer as coisas sem pressa, deixar o blog para segundo plano, por que desde que aqui fui, a minha vida está mais serena.

E hoje, depois da feira, onde comprei uma toalha de Natal gira, por 7,50 euros, apenas porque de um lado precisa de ser cosida, passei no Parque da Ponte de São João e tirei as fotos do meu outono. 

E é este o meu post sobre nada.

 

IMG_20171107_124502.jpg

IMG_20171107_124728.jpg

IMG_20171107_124744.jpg

 

 

Cantinho da Casa

sábado, da Kim

por Maria Araújo, em 02.10.16

 

IMG_20161001_162542[1].jpg

As minhas sobrinhas vieram passar o  fim de semana a Braga.

Se o tempo está bom, gostam de ir à praia passear a Kim, a cadelinha, que adora sair de casa, fica doida de tanta brincadeira.

O dia foi para ela.

Com intenção de caminharmos até à restinga de Ofir e regressarmos pela beira do rio, desistimos.

Estava muito vento, caminhamos um pouco pela beira-mar, subimos uma duna em direcção ao pinhal.

Os surfistas gozavam as ondas do mar.

O sofá ( lixo) continua à espera que o tirem dali.

 

IMG_20161001_162145 (1).jpg

IMG_20161001_161414[1] (1).jpg

IMG_20161001_163300[1].jpg

IMG_20161001_161359.jpg

 Aqui não se sentia o vento, desafiei-os a passearmos pelos caminhos do pinhal.

IMG_20161001_165444[1] (1).jpg

IMG_20161001_165136[1].jpg

 

IMG_20161001_164339[1].jpg

Encontramos o Bolinhas, um cão meigo, muito bem tratado. Aproximou-se da Kim, na boa.

O seu dono conout que o encontrara perto do pinhal, com frio e subnutrido. Levou-o para casa, cuidou dele. Levou-o ao veterinário, foi vacionado, desparasitado e esterilizado. E por lá ficou como companheiro do dia-a-a-dia,  na bomba de gasolina.

IMG_20161001_170150[1].jpg

IMG_20161001_170208[1] - Cópia.jpg

À noite, fui ver um pouco da Ibero Party. As temperaturas têm descido bastante à noite, sabe bem um agasalho. O centro da cidade estava animado, mas não fiquei muito tempo.

IMG_20161001_222956 - Cópia.jpg

Parece que esta semana vai subir a temperatura, a minha amiga Lia, que vive no Brasil e está em Portugal, vem passar uns dias a Braga.

Combinamos fazer este passeio.

 

Cantinho da Casa

escuta

por Maria Araújo, em 03.10.15

hoje a canção é esta.

 

 

 

Tu continuas à espera
Do melhor que já não vem
E a esperança foi encontrada
Antes de ti por alguém

...

 

Cantinho da Casa


foto do autor


desafio dos pássaros



o meu instagram


1º desafio de leitura - 2015 2º desafio de leitura - 2017 3º desafio de leitura - 2019

desafio




Arquivo

  1. 2019
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2018
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2017
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2016
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2015
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2014
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2013
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2012
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2011
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2010
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2009
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2008
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D


Encontros - eu fui

IMG_2230 (2).JPG MARCADOR