Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

cantinho da casa

cantinho da casa

Ter | 28.09.21

fui à feira semanal

Maria Araújo
já não ia  há cerca de três meses, queria comprar malhas polares para combinarem com as calças que comprei numa loja, no centro comercial, e embora tivesse iguais às calças, não havia o tamanho S, pelo que pensei na feira, compraria mais baratas, também. Até porque estas peças são para andar em casa já que não as uso para ir ao ginásio. E fiz boas compras. Sem contar,na mesma tenda,  comprei um camisolão vermelho( adoro a cor) para vestir com calças e por cima dos (...)
Seg | 19.07.21

uma bomba de valor sentimental

Maria Araújo
Irmão mais novo de férias, mais para norte deste norte onde vivo, foi  a uma feira de velharias em Caminha ( são boas feiras, comento sempre que tenho de lá ir num dia de Verão...mas nunca vou), estava ele feliz e orgulhoso com uma compra que fez. As fotografias que enviou para o grupo do whatsapp dos irmãos e sobrinhos, deixaram-me surpresa. Viu uma bomba de pé que o pôs ansioso e emocionado. Perguntou ao vendedor quanto queria por ela. O senhor ficou estupefacto por ver alguém (...)
Ter | 29.09.20

fui às compras

Maria Araújo
fui ao braga parque, entrei em algumas lojas para ver as novidades, só vi farrapos.  não entrei nesta loja,nem nesta, que chegou a ter escrito na etiqueta  "orgulhosamente fabricado em Portugal", nesta só nos saldos, e porque os preços não me agradam, sendo grande parte das peças fabricadas na China, ou (...)
Ter | 02.06.20

o regresso

Maria Araújo
ontem, não tive tempo para blog, não li/vi notícias, foi um dia ocupado. o sobrinho neto regressou à creche, soube que ficou bem ( ele gosta de conviver, é uma criança feliz), fui de manhã fazer umas compras à Sephora, a loja de rua e do centro comercial só abriram ontem,  entrei, estava o alarme de uma das portas avariado o ruído incomodava, uma senhora via um batom, a colaboradora perguntava à colega que me atendia como fazer para a senhora o experimentar. não é fácil (...)
Qui | 09.08.18

lixo, muito lixo

Maria Araújo
Durante muitos anos,  a feira municipal, que se realiza à terça-feria, ocupava o recinto daquele que foi o Parque de Exposições, que após grandes obras de reestruturação, passou, desde Abril deste ano, a ser o Fórum de Braga, pelo que aquela passou a ter lugar na estrada, cortada ao trânsito neste dia, junto ao monte Picoto. Acabada a feira, quem por lá andasse, via o lixo de papel e sacos de plástico que jaziam no chão. Aberta a estrada, e enquanto os funcionários da (...)
Sab | 12.05.18

perdi a cabeça!

Maria Araújo
  Mais uma edição da Agro de Braga, em anos transactos, nas primeiras edições, durava cerca de quinze dias, passando para uma semana, ficou-se de há longos anos pelos quatro dias. Uma feira que atrai pessoas de todo o norte, tem muita oferta, há muito para ver e consolar os estômagos de coisas tão boas (mas que fazem mal se for um hábito), como os enchidos. Este ano, temos um Forum novo, mais espaçoso e apelativo, os forasteiros enchem o espaço e os bracarenses  aproveitam (...)
Ter | 07.11.17

sobre nada

Maria Araújo
O fim de semana foi calmo, conheci o meu lindo sobrinho neto, fui ver a Exposição " Do Outro Lado do Espelho", na Gulbenkian, dei um salto à Área, nas Amoreiras, que fica a dez minutos da rua onde vive a minha sobinha, dormi muito mal, tinha o corpo dorido, domingo vinha no comboio e dizia a minha irmã que as minhas olheiras eram profundas ( e o meu cansaço é  mostrado por elas). Mesmo assim, ontem fui ao ginásio. Depois da aula, tomei o café no bar e deixei-me estar na treta com (...)
Ter | 12.09.17

coisas do meu dia

Maria Araújo
a Sofia tem tido aulas de condução às 8h, passa aqui em casa, no final. Hoje, decidimos ir à feira semanal que, por alguns meses, passou para o Parque da Ponte enquanto o Parque de Exposições estiver em obras. Em frente ao velhinho Estádio 1º de Maio, numa bancada de cuecas de senhora e homem, espreitamos ( não sei porquê, mas não consigo comprar cuecas na feira, nem "feira" da Primark) e eis que, de repente, o feirante pega numa de senhora e esticando-as em forma de fisga, diz: Cue (...)
Sab | 02.09.17

comprei búzios

Maria Araújo
  e conchas, e um escorpião, e uma casca de coco, e um colar, na feira da Noite Branca.   Segundo a senhora actualmente, estas peças estão proíbidas de sair do país. Tem-nas porque trouxe há muitos anos de Moçambique, o seu país de origem.   Quando perguntei o que era a peça castanha, respondeu-me que era um coco. A  parte periférica é rugosa. Então usavam um pano para puxar lustro ao chão,  punham esta casca por cima e com as mãos faziam força para que o chão (...)
Ter | 17.11.15

Fui à feira

Maria Araújo
procurar os guardanapos brancos. Tenho uma quantidade imensa mas de outras cores e todos os anos gostamos de pôr na mesa de Natal, os brancos. Ao longo dos anos foram-se rompendo, alguns desapareceram e tenho poucos. No verão do ano passado, falei com uma senhora que vende têxteis e fiz a encomenda. Quando fui buscá-los, ela não estava.Passei várias vezes para os trazer, mas não a encontrei. Hoje, lembrei-me de lá voltar e, finalmente, encontrei-a. No grande saco só tinha três (...)