Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

cantinho da casa

cantinho da casa

Ter | 29.05.18

domingo pelo Porto

Maria Araújo
Festa de aniversário no Porto, eu e minha irmã  não queríamos levar carro, não era possível irmos de boleia, as cadeiras dos meninos nos bancos dos carros grandes não havia espaço para duas pessoas, dei a ideia de viajarmos de comboio, no regresso casa havia boleia. Viajávamos as duas quando a minha irmã me pergunta se tenho batom com cor ( que não uso), esquecera-se de trazer, teria de comprar um, estavamos com tempo, passaríamos num centro comercial, chegaríamos à festa (...)
Sab | 05.09.15

cestos Kasa

Maria Araújo
    estou cansada de ver as caixas dos sapatos nas prateleiras do armário que tenho só para calçado. estes dias, fiz uma experiência com um dos cestos, em castanho, que tenho na cozinha. na mouche!  estes cestos dão para guardar no mínimo 3 pares de sapatos e para as botas de cano alto, que brevemente sairão das caixas. c (...)
Seg | 19.01.15

Espaço

Maria Araújo
Por que raio as pessoas gostam de fazer ginástica umas em cima das outras, quando há espaço suficiente para "se estenderem" e não perturbarem as outras? Na aula de Pliates, a mulher que estava um pouco mais atrás de mim, quase tocava com a perna direita e cima do meu rosto. E não se desviou um centímetro para poder fazer o exercício mais à vontade (...)
Qua | 14.01.15

Cantos

Maria Araújo
que me apaixonam,(por vezes, apetece-me mandar pela janela o que tenho cá em casa e, sem gastar muito dinheiro,  renovar, mas teria de começar por fazer obras ... e tenho espaço para isto).   (imagens,  "House of Turquoise (...)
Sab | 25.05.13

Donas do espaço

Maria Araújo
E no ginásio, depois de uma aula de esforço, vou ao cacifo buscar os produtos para o banho e observo que há uma mulher que ocupa o meu com as suas coisas, vê que quero abrir a porta, não faz um movimentozinho para desviar o que lhe pertence, e dá-se ao luxo de estender as pernas para o lado da minha portita, para aplicar o creme de corpo? Passo-me. "Mázinha", peço licença, atravesso os meus braços à frente do seu nariz, abro o cadeado, tiro as minhas coisas, fecho a porta e (...)