Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Cantinho da Casa

Cantinho da Casa

E as dores continuam

Maria Araújo, 12.12.14

 

mais fisioterapia, medicação, de vez em quando sai-me um "ai" esteja a andar, esteja sentada.

Só deitada me sinto bem.

Diz a fisioterapeuta: " vamos devagar, evite esforços, é o segundo tratamento" (lombar).

E eu respondo: "eu sou paciente, mas tenho tanto que fazer!"

Nunca, em quinze anos que vou à clínica, fiz tantos tratamentos como este ano.

Espero recuperar até quarta-feira. Tenho a ceia de natal com os meus ex-colegas e amigos da escola.

E o natal é sempre cá em casa, preciso de estar em forma para a festa da família.

Partida

Maria Araújo, 09.09.14

As aulas de hidroginástica têm agora quase o triplo dos horários.

Pudera! O ginásio que a minha irmã frequentava fechou para obras. Vai passar a low cost.

Deixou de haver piscina, logo os "fãs" de hidro e natação deixaram o ginásio.

E para onde foram, a sua maioria?

Para o ginásio que frequento, desde sempre.

Hoje decidi, pela primeira vez,  ir à aula das 12h30. A professora é a mesma que dá bodybalance à sexta-feira.

E foi demais!
Se na Zumba e no BodyBalance ela dá tudo de si e puxa pelos alunos, na hidro não fica nada atrás.

Adorei a aula.

E congratulei-a pelo seu desempenho e o resultado do meu esforço é que estou moída.

Logo ao final da tarde vou fazer uma avaliação física, lá no ginásio.

Porquê? Com a idade perde-se massa muscular e quero trabalhar os braços e as pernas.

Coisa leve, pois não gosto de muitos pesos.

E assim, previno a velhice, como costumo dizer.

 

 

 

 

Bummm! Conseguiu!

Maria Araújo, 30.07.14
quando veste um número e quer vestir outro mais pequeno, a solução está encontrada.
 

 
 

O professor

Maria Araújo, 08.03.14
 
 
que hoje substituiu o meu professor de hidro, é meu primo em 2º grau.

Costuma puxar muito por nós, imprime muita energia á aula, exige esforço.

E hoje, deu-lhe para "meter-se" comigo.

Bem alto dizia:"vá lá, és capaz, já falta pouco, tu consegues", e eu ria-me e "puxava"mais por mim até que num dos exercícios  que tinhamos de levar os pesos às pontas dos pés, diz-me:"vá, mais, com umas pernas tão boas, és capaz de mais...".

E eu alinhava no que ele pedia. As senhoras riam-se e olhavam para mim.

Não estamos habituadas a este tipo de aulas (o nosso professor é mais "soft").No final da aula, algumas senhoras comentava"este professor  é exigente".

Eu gosto destas aulas em que temos de mostrar energia e resistência.

Desta forma, comecei o dia da Mulher com muita genica.

E a propósito de"ser capaz", vejam como o nosso poder é intenso e forte...um vídeo "roubado" da Lolita...