Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Cantinho da Casa

Cantinho da Casa

casas velhas

Maria Araújo, 11.02.20

O crédito para compra de casa e o crédito ao consumo voltaram a aumentar. Vê-se nos carros que andam nas nossas cidades.

Estas duas casas da minha cidade estão a ser completamente remodeladas em apartamentos de luxo que ficam a escassos metros do centro da cidade.  

Soube que um dos apartamentos foi vendido por 800 mil euros.

Os salários nesta cidade não são altos, mal dão para pagar uma renda de 500 euros.

Fico feliz ver as casas antigas e do centro histórico em reconstrução, dá um ar bonito e moderno ao centro, mas  comprar ou alugar um apartamento destes não é para qualquer pessoa.

2020-02-11 (3).png

casas novas

IMG_20200212_152113.jpg

 

 

 

não há nada!

Maria Araújo, 13.08.18

e1ea6a78f8b752e6b2703c52f9b49c18-754x394.jpg

( imagem daqui)

 

A minha sobrinha ( e afilhada)  comprou uma casa na praia, passamos uns fins de semana muito agradáveis.

Entretanto, acabadas as férias dela e dos filhos, pensou alugar a casa. Uma amiga falou-lhe que conhecia alguém que procurava casa para férias.

E a casa foi alugada por três semanas.

As minhas sobrinhas, irmãs, e a minha irmã, estão de férias,  o tempo vai melhorar esta semana, lembrei-me de  nos juntarmos para descansarmos uns dias na praia.
Sem nada lhes dizer, decidi procurar casas, visto que, em setembro, teremos casa para os fins de semana ( se não for alugada).

Há casas giríssimas e perto do mar, os preços  são diversos, alguns mais acessíveis às nossas carteiras, mas não há nada para as datas que quero.

Há anos que não alugamos casa na praia, sempre ouvimos dizer que são muito caras, mas nunca tivemos a curiosidade de consultar os preços.

Ontem, vendo alguns sites, encontrei uma casa a 100m da praia, condomínio fechado, e com um valor diário muito acessível e disponível para os dias que desejavamos.

Enviei um e-mail.

Recebi, hoje, a resposta: a casa não está disponível para o mês de agosto..

Respondi que o calendário do site onde encontrei a casa tinha os dias disponíveis, daí o meu interesse.

Entretanto, tenho procurado outras possibilidades, mais longe 500 a 1000 m do mar, e não há nada!

Num futuro próximo, e por que gostamos muito das praia do norte, vou procurar atempadamente. Do que vi, há imóveis modernos e bem decorados, com preços acessíveis.

Dividido este por 4 ou 5, não custa nada.

 

que friooo!

Maria Araújo, 22.03.18

 

 

Manhã em casa a tratar das minhas tarefas pessoais, à quinta-feira não costumo ir ao ginásio, fazer compras no mercado ficará para quinta-feira de Páscoa, depois do almoço fui dar uma volta pelo centro, há algum tempo que não passava por lá. 

Tirava umas fotografias às decorações da Semana Santa, alguém mete-se comigo, não dei conversa, até que me pergunta se não o conheço. E foi então que reparei quem era o senhor.

Era o pai da minha amiga M.  E ficamos uns bons minutos na praça em frente às duas grandes e belas igrejas, a conversar sobre as casas abandonadas, o centro comercial, uma construção dos anos 80, uma aberração do ex-presidente da Câmara, e muitos outros edifícios ao abandono dos quais já muito se falou, nos projectos,  alguns pendentes porque são propriedade da igreja, ficam assim "chutados" para canto. 

É que "o velho hospital de Braga está em obras,  será um hotel de luxo",  diz o pai da minha amiga e "a Câmara devia obrigar os donos destas casas da Rua de São Bentinho a arranjarem as fachadas nem que por dentro estivessem a cair, mas o exterior devia ser preservado, quiçá a Irmandade de Santa Cruz as comprar e aumentar ao lar de idosos.

E nesta treta toda, ele, o pai da M, que tem tido alguns  problemas de saúde, diz-me: "está muito frio, é hora de regressar a casa".

E com este frio bem gelado, com vontade de tomar o meu chá quentinho e as cookies que a minha amiga ofereceu, ainda fui comprar umas coisas giras para fazer umas decorações de Páscoa.