Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]



o conforto está na cor

por Maria Araújo, em 04.02.19

e nos detalhes, qualquer que seja o cantinho da casa.

1 (5).jpg

2 (1).jpg

2 (4).jpg

2 (3).jpg

1.jpg

1 (2).jpg

2 (2).jpg

2.jpg

3.jpg

1 (3).jpg

3 (3).jpg

1 (1).jpg

imagens que trouxe daqui.

Início

Autoria e outros dados (tags, etc)

peças decorativas

por Maria Araújo, em 27.11.18

que vejo nos sites de decoração, os bancos dão um toque interessante em qualquer espaço de uma casa, sobretudo no quarto e como mesa de cabeceira. 

1 (2).jpg

2.jpg

4.jpg

10.jpg

Quando mandei fazer as duas mesas de cabeceira para o meu quarto, devia ter pensado que ficaria mais barato usar os bancos Ikea da minha cozinha.

Ficam tão giros!

3 (1).jpg

27.jpg

3.jpg

3 (4).jpg

3 (5).jpg

1 (1).jpg

 

Início

Autoria e outros dados (tags, etc)

fim de semana na praia

por Maria Araújo, em 21.07.18

com a chave de casa da praia da minha sobrinha, vamos aproveitar o fim de semana, faça sol ou nevoeiro,  para relaxar, ler, passear, e usufruir da  piscina  se estiver vento na praia.

A Sofia, que não gosta de praia mas adora piscina, também vai.

As temperaturas não são altas, mas as ideais para mim.

captura de ecrã.png

 

Início

Autoria e outros dados (tags, etc)

avarias

por Maria Araújo, em 07.02.18

O aspirador cá de casa andava a fazer um ruído ensurdecedor, mas aspirava.

Sempre que aspiro tenho o cuidado, antes e depois, de ver se o saco tem lixo. E normalmente tem, porque a empregada não se dá ao trabalho de o tirar e despejar o cotão no saco do lixo.

Ora a semana passada, enquanto o meu amigo fazia um corte no móvel para que encaixasse na bancada da casa de banho, eu aspirava o serrim que fazia no chão.

Quando ouviu aquele ruído estrondoso, advertiu-me que seria pó no filtro.

Mostrei-lho, porque eu também tenho o cuidado de o retirar e limpar. 

Ao sábado costumo aspirar o colchão, aspiro, também o quarto e o hall. E reparei que o cotão ficava retido na escova. 

O aspirador trabalha mas não aspira.

Pensei levá-lo à assitência técnica da loja onde comprei, mas sinto que a reparação ficará cara, prefiro comprar um novo. Hoje, fazem-se aparelhos para 5 , no máximo 10 anos, acho que o meu já vai em 6.

A empregada esteve cá, disse-lhe o que se passava, quis experimentar, verificou que não apanha o pó, desistiu, optou pela mopa.

Também na semana passada, fiquei sem estendal.

MULIG Estendal 4 níveis int/ext IKEA Pode utilizar-se tanto no interior como no exterior. Pés reguláveis; mantém-se estável em pavimentos irregulares.

Num dos dias de ginásio em que cheguei a casa e vejo a roupa caída no chão, pensando que a gata fizera das suas, não, estava partido, nada havia a fazer.

Hoje, fui ver estendais no Continente e Espaço Casa, e aspiradores na Worten.

Numa das idas ao Ikea, vi um estendal que me pareceu acomodar mais roupa que os estendais de abrir.

Não comprei nada, tenho de pensar bem no que quero, sobretudo o aspirador.

Vou ver noutras lojas, quero um aspirador o mais possível silencioso e que não seja caro. Os preços assustaram-me, embora  há anos tivesse comprado um Phillips que me custou 125 euros e não tinha grande desempenho.

Desde este, já vou no 3º aspirador.

Espero que em gastos para a casa, fique por aqui.

É que dizem que quando avaria uma coisa, vêm outras a seguir.

 

 

 

Início

Autoria e outros dados (tags, etc)

um pequeno caso sério

por Maria Araújo, em 08.01.18

que me irrita de verdade são os tupperwares que guardamos nos nossos armários da cozinha.

À medida que não os usamos vamos encaixando-os uns nos outros. Contudo, quando precisamos de um temos de os tirar todos, quer seja o grande que está no fundo, quer seja um médio, que anda lá pelo meio, e aqui é que o diabo torce o rabo, tiramos os pequenos para chegarmos aos médios, ora cai um, depois aquele não dá, muda-se, volta-se a encaixar tudo de novo, é um desespero, na minha opinião.

Depois, há as tampas que ocupam espaço e se os nossos armários, como os meus, que não são xpto e não têm aqueles organizadores ou estantes giratórias de arrumação, há que arranjar uma solução prática e que não estorve os outros utensílios de cozinha.

No meu caso, meti-os em cestos e acomodei-as em prateleiras mesmo à mão para não ter de os tirar dos armários.

Ora, eu não gosto de ter tupperwares de mais nem de menos, tenho-os de todos os tamanhos, mas sou sincera, detesto-os pelo trabalho que dão em os arrumar.

Quando a Sofia almoçava cá em casa, e sobrava comida, levava-a para casa nos ditos cujos. Trazia na mochila, se fosse pequeno, e quando lhe apetecia vir carregada. Ou então, quando ia a casa dela, trazia-os eu.

Esta treta toda porque li neste blog uma história muito engraçada sobre este utensílio de muito uso nas casas portuguesas, porém capaz de pôr os nossos nervos em franja, como os desta que escreve este post que confessa ter-se habituado à ideia de que o que vai não tem retorno..

Há anos que no Natal  a história repete-se. Os tupperwares com as sobras que vão para casa dos sobrinhos ficam lá para sempre. Se não ficam, certamente que os levam para casa das mães que, por sua vez, dizem que não lhes pertencem mas não sabem de quem são ... e ficam a encher os seus armários.

Este Natal, só um sobrinho levou as sobras. Com elas foram os melhores tupperwares e os que mais uso lhes dou. 

Pensei, então, comprar novos para os substituir.

Os sobrinhos nem sempre vêm a casa, gostam demais do Porto, mesmo assim achei por bem esperar algum tempo.

Deu-se o caso de este fim de semana entrar no FB para saber se havia alguma novidade disto, estava ele, o meu sobrinho, online. 

Se por um lado queria falar-lhe dos ditos, por outro, e os rapazes não lhes dão a mínima importância e esquecem-se do que é de quem, não queria ser chata.

Escrevo, não escrevo... Escrevi.

E tive a resposta:

 

Sem Título.png

 Afinal, também para eles, ter tupperwares em casa, é um pequeno caso sério.

 

Resultado de imagem para tuperwares gif

 

 

 

 

Início

Autoria e outros dados (tags, etc)

pequenos serviços

por Maria Araújo, em 05.09.17

O roupeiro do meu quarto tinha umas prateleiras que  não eram nada práticas. Não estavam à vista, a roupa era guardada em caixas ou cestos que por sua vez arrumava nestas.  As écharpes e a roupa que uso em casa ficavam também acomodadas e acumuladas, tiravam espaço para pendurar a roupa do dia-a-dia e de cada estação. E eu gosto de usar cabides para tudo: camisas, casacos de malha, blusas.

Os casacos de inverno, os blusões, as malas, são guardados num grande armário numa divisão que já foi um quarto e que eu chamo de closet, embora pouco tenha a ver com o closet que desejaria. E se um dia tivesse dinheiro para as obras que gostaria de fazer, deitava parte da parede abaixo e tinha acesso  ao meu quarto. Faria uma suite bem fixe.

Ora neste roupeiro do meu quarto, na prateleira que fica por cima das gavetas, as camisolas de inverno acumulavam-se (bem arrumadas), e as t-shirts interiores eram de mais, não gostava deste sistema de arrumação

Há 15 anos que fora feito, andei de volta do carpinteiro para reparar o que estava mal, mas ele nunca apareceu e eu desisti.

Quando soube que o meu colega faz estes trabalhos ( é recente este seu novo 2º emprego/hobby)  e já combinara com ele depois das férias vir cá a casa ver o que eu queria, confirmou o que eu chamava de carpinteiro trolha: as portas abanavam ( quantas vezes pensei que um dia uma caíria em cima de mim) e as prateleiras não eram funcionais.

Hoje veio cá fazer o serviço. 

O roupeiro ganhou espaço, está pronto a receber mais arrumos.

Falta, agora, comprar papel para forrá-lo e pôr tudo no lugar. 

O electricista que ficou de me ligar para confirmar o dia para mudar os disjuntores e de trazer um catálogo para escolher interruptores para toda a casa,  e que eu decidi substituir, nunca mais deu sinal de si.

E eu também  decidi não lhe ligar nunca mais.

Falei ao meu colega no assunto.

Comprou os materiais que precisava, trouxe interruptores num tom neutro e substituiu-os.

Mais umas pequenas reparações, foram 4 horas de trabalho.

Não me interessa o quanto vou pagar nem ele apresentou contas porque  há mais para fazer. 

Mas estou contente com o trabalho. 

De tarde fiz uma limpeza geral à casa, serviço que a minha empregada não faz nem fará nunca.

Sem Título.png

 

Início

Autoria e outros dados (tags, etc)

a leitura real EDP

por Maria Araújo, em 23.08.17

 

 

application initializing

 

Todos os meses faço a leitura de eletricidade cá de casa, entre os dias 7 e 10 de cada mês, e envio para aqui.

No passado mês de Novembro de  2016, o contador  bi-horário foi substituído, passei a registar três leituras em vez de duas. 

Desde então as minhas idas à EDP foram frequentes, porque a página de leituras não fora alterada, não conseguia registar as três novas.

Depois de  várias tentativas na loja e online para conseguir enviá-las, só em Abril ficou resolvido o problema através do meu registo online, que antes, também, não conseguira entrar (após um e-mail a pôr o problema, o assunto resolveu-se).

Foi sol de pouca dura, porque nos meses seguintes fornecia as minhas leituras mas na factura  vinha a leitura estimada ( da EDP. Em Julho correu bem, estavam correctas.

Este mês, registei a leitura do contador, atempadamente, no dia 7, para que a EDP não facturasse por estimativa.

Contudo, consultando a minha página de cliente EDP,  verifiquei que as datas das leituras estimadas dos últimos dois meses são de cinco dias  após as minhas, e aquelas eram as que vinham nas facturas.

Achei estranho. Se tinha o cuidado de as dar dentro do prazo, porque diabo as minhas não eram as facturadas? Não fui reclamar, aguardei a factura de Agosto.

Recebo-as por via electrónica, entre os dias 16 e18, não recebera aindaa do mês, passei ontem, dia 22, na EDP. 

A factura estava para ser enviada, desta vez, mais tarde uns dias.

Quando expus a questão das leituras que dou atempadamente e a EDP considerar as estimadas, a funcionária, depois de consultar o computador, elucidou-me desta forma:

" No caso do seu contador, a leitura passou a ser automática, isto é, a senhora deu as suas leituras no dia x, e fez bem, mas a EDP fez o registo automático no dia y ( os tais 5 dias após o meu registo) e este é que conta. Não sei se me faço entender. A partir de agora, não precisa de registar na página as leituras do seu contador porque este fá-lo automaticamente no dia 12. E o envio da factura passa a ser também mais tarde."

Toma, Maria! Se não fosses reclamar ficavas todo o tempo sem saber o porquê de a factura trazer a leitura estimada, que é agora a leitura real!

A minha resposta foi esta: "Entendi, sim. Mas a EDP devia informar os clientes desta alteração. E pode ter a certeza que todos os meses, no dia 12, vou ler o meu contador. Se houver disparidade, garanto que venho reclamar."

Hoje, recebi a factura.

Cá está ela, a minha leitura:

 

Sem Título.png3 (2).png

 

e a leitura real, automática/EDP

 

Sem Título.png

 

Início

Autoria e outros dados (tags, etc)

a carta verde

por Maria Araújo, em 17.05.17

 

carta_verde-300x129.jpg

 

Maio, o mês de pagar o seguro do carro e da casa, é costume receber o aviso de pagamento com um mês de antecedência ( o último foi com dois meses ).

Passou Abril, entramos em Maio e o aviso não chegava ( nem chegou) . Ainda pensei que viesse por correio.

Os dias passam, no dia 28 tenho de substituir o selo no carro, no dia três, enviei um e-mail ao agente cobrador.

Resposta:  zero!

Passou mais uma semana, nem e-mail, nem por CTT, nem o agente deu notícias. Liguei para este no dia oito.

"Ah, eu li o teu e-mail e na mesma altura reencaminhei para a seguradora, deves estar a receber."

Passaram estes dias e nada.

Ontem, borrifei-me no agente ( amigo meu) liguei para a seguradora.

"Contactou o agente?" perguntou a senhora.

Expliquei tim tim por tim tim  o que se passava, que estamos no limite e preciso de ter a carta verde.

Uns minutos depois, dá-me a entidade, a referência e o valor para efectuar o pagamento no multibanco. Após efectuar isto, enviam a carta verde.

Se for como há dois anos que nunca mais chegava,  tive de ligar ao agente e deslocar-me lá para a receber. Quinze dias depois do prazo limite recebi a da companhia. Fiquei com duas.

Hoje fiz o pagamento do seguro do carro, porque o da casa nem vê-lo.

Aguardo até terça-feira. Se nada chegar por CTT, lá vou ter de ir, mais uma vez, ao cobrador para emitir uma carta verde.

Quanta eficiência!

 

 

 

 

 

 

Início

Autoria e outros dados (tags, etc)

coisas do meu dia

por Maria Araújo, em 28.04.17

Não estou habituada a ficar em casa o dia todo e andar as manhãs pela internet.

Com o pintor a pintar, a casa está uma desordem, não dá para fazer nada,  há que matar o tempo pondo a leitura dos blogs em dia.

A sala fica pronta hoje, talvez seja possível, para o final do dia, limpá-la e pôr os móveis nos seus lugares.

Escolhi a cor branco céu para a sala.

Estou a gostar.

IMG_2079-tile.jpg

E nestas andanças pelas leituras dos blogs do Sapo, encontrei este desafio e que vou participar ( vejam ali, na barra lateral).

 

 

 

 

Início

Autoria e outros dados (tags, etc)

pinturas em casa

por Maria Araújo, em 27.04.17

Durante três dias vou ter o pintor em casa a  pintar a sala de jantar e os tectos da cozinha e marquise.

Tarefa a pôr em prática, já:

tirar louças do armário, tirar quadros das paredes da sala de estar, os cortinados, o sofá, os móveis e levar tudo para o escritório, que é grande, ficam bem arrumados. 

Odeio ter tudo fora do lugar, mas está na hora de um ar novo e fresco a estas divisões.

1950s-paint-ad-couple-painting-their-house_thumb2.

 

Início

Autoria e outros dados (tags, etc)


foto do autor



2º desafio de leitura:

desafio

o meu instagram




10 anos


Encontros - eu fui

IMG_2230 (2).JPG MARCADOR



Arquivo

  1. 2019
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2018
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2017
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2016
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2015
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2014
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2013
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2012
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2011
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2010
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2009
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2008
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D