Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]



Conheci

por Maria Araújo, em 15.07.13

a "ponta" de Ofir (restinga do rio Cávado).

De miúda que conheço as praias do norte e nunca tinha ido àquela península. Quando estava do outro lado, em Esposende, sempre tivera imensa curiosidade em ver o lado de lá.

Estacionei o carro em Ofir e atrevi-me,  estradita adiante,  muito bem conservada e protegida, matar a minha sede de ver o outro lado.

Não imaginava que por lá as  vivendas existiam.

Andei uns quantos metros, talvez 1 a 1,5km, não imagino, parei, tirei fotos, escutei os pássaros, enfim, um pedaço de caminho agradabilíssimo e feito "all alone" (nestas alturas faz-nos falta ter uma companhia que nos abrace e, cumplicemente,  escute os mesmos sons...).

Adoro estes momentos.

Fiquei extasiada com as dunas, os passadiços muito bem conservados, a beleza daquele pedaço de praia que poucos usufruem.

Passadiço afora, fui à parte mais alta, onde via um casal que observava qualquer coisa.

Aproximei-me também, e fiquei lá, nesse ponto alto a captar mais fotos, aquelas que jamais pensava que iria captar, mas agora, deste lado, em frente a Esposende.

Depois, dirigi-me à praia. Belíssima, extensa, única.

Poucas são as pessoas que a frequentam, mas com Ofir do meu lado esquerdo, os casais vinham de lá,  junto ao mar, que é calmo, delicioso.

Andei pelo mar, banhei-me, o sol estava semi encoberto, mas quentinho, aprazível.

Deixei-me desfrutar de tudo o que a minha vista alcançava.

Mais tarde, meti pela praia e para Ofir.

O sol espreitava por entre as nuvens cinzentas, aquecia a alma...E fui dormitando.

Por volta das 14:30h, a temperatura estava mais fresca, decidi regressar a casa, mas antes, fui tomar o café na esplanada do café do costume.

Vou voltar àquele pedaço de praia, com certeza, quando os outros estiverem lotados.

Uma manhã inesquecível.

As fotos.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Início

Autoria e outros dados (tags, etc)

Há caminhos

por Maria Araújo, em 11.11.12

"O desânimo é como um nevoeiro cerrado que parece que não vai levantar. Debaixo do nevoeiro todo o cuidado é pouco: devagar, atento a todos os sinais, sem inovações, mas, sobretudo, com a certeza de que, mais cedo ou mais tarde, vai levantar. Isto não é só paciência: é fé, é convicção de que a luz acaba sempre por vencer as trevas."


 in " Não há solucões, há, caminhos", P. Vasco Pinto Magalhães

 

 

 

 

 

Nesta notícia, pode haver um caminho.

O meu irmão mais novo trabalha numa destas empresas: exigentes, conceituadas, organizadas.

Início

Autoria e outros dados (tags, etc)


foto do autor



o meu instagram


1º desafio de leitura - 2015 2º desafio de leitura - 2017 3º desafio de leitura - 2019

desafio


10 anos


Mais comentados



Arquivo

  1. 2019
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2018
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2017
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2016
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2015
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2014
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2013
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2012
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2011
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2010
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2009
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2008
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D


Encontros - eu fui

IMG_2230 (2).JPG MARCADOR