Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

cantinho da casa

cantinho da casa

o calor arrasa-me

só na praia , e de manhã, ou na piscina, à tarde, no meio do pinhal, está-se bem.

Este fim de semana assim foi.

IMG_20220730_165837.jpg

IMG_20220730_165911.jpg

IMG_20220730_222410.jpg

IMG_20220731_085453.jpg

IMG_20220731_141452.jpg

IMG_20220731_141536.jpg

IMG_20220731_085736.jpg

IMG_20220731_162757.jpg

Entretanto, já marquei seis dias de férias,  na Galiza,  a poucos quilómetros de Sanxenxo, num hotel junto à praia.  

De lá, podemos fazer a costa como quisermos.

Não foi fácil arranjar um hotel com tudo o que desejamos. Mas conseguimos.

 

 

 

 

o auto-bronzeador para quem vai poucas vezes à praia.

Sempre tive dificuldade em ter as pernas bronzeadas.

Se em jovem ficava bronzeada com pouco esforço, com o tempo e sem grande exposição ao sol porque respeito o meu corpo e não tenho paciência para estar horas deitada fora do guarda-sol, as pernas demoravam a ficar como eu gosto, com ou sem protector solar.

Há muitos anos, experimentei um auto-bronzeador, na altura ainda era novidade, mas fiquei decepcionada quando reparei nos meus joelhos que estavam manchados.

E deixei de usar.

Uns anos mais tarde, voltei a usar, mas aplicava com cuidado, até que deixei por completo.

Ora, estamos no verão, tenho vestidos para vestir e não tenho ido com regularidade à praia, não gosto de me ver com as pernas brancas, ando sempre de calças.

Este ano, procurei vestidos curtos de  tecido de algodão, mas não foi fácil encontrar, predomina o linho e não me apetece usar linho.

Um dia, numa loja pequena mas cheia de roupa, vi na montra um vestido que gostei.

Entrei.

O problema é que são tamanho único, logo era impossível  comprar, teria de mandar arranjar.

Mesmo assim, voltei à loja uns dias depois, e a jovem funcionária foi buscar um vestido azul que me disse ser um modelo mais cintado, que certamente  iria servir.

E vesti-o.

E adorei.

O modelo também. Mas queria com manga curta.

Como era muito comprido, lembrei-me de o mandar cortar e do tecido que saía faria umas mangas.

E se o pensei, trouxe-o ,experimentei em casa com uma t-shirt, também azul, e gostei de ver. Ficava interessante com a manga. Fui a uma costureira, vesti-o, disse o que queria e assim seria feito.

Dois dias depois, passei de novo na loja com a minha irmã, tinha chegado a versão verde do mesmo vestido.

E comprei. Nem precisei de o vestir.

Fui levá-lo directamente à costureira para fazer o mesmo.

Vestidos prontos.

Pernas brancas,  precisava de as pôr bronzeadas. Tendo a experiência negativa de há anos, quando fui fazer esta massagem, perguntei à Paula se conhecia algum produto que não deixasse manchas.

Ela não estava a par disso, aconselhou-me a falar com uma amiga nossa, sabia que ela usava uma marca de supermercado e que estava satisfeita com o produto e cor do bronzeado.

Enviei uma mensagem whatsapp, a nossa amiga enviou-me uma foto.

A semana passada, passei na loja e trouxe. 4,50 €, foi quanto paguei.

Para o aplicar, primeiro usei um esfoliante, depois o creme hidratante e no final o auto-bronzeador.

Não aplico todos os dias. Para já, fiz duas aplicações, gostei do resultado.Não há manchas nas pernas.

E desta forma, já usei os meus vestidos.

Os vestidos, que podem ser usados com ou sem cinto:

IMG_20220716_193406.jpg

O auto-bronzeador da marca MERCADONA

IMG_20220715_204721.jpg

 

 

decidi que

não ligo a televisão à hora das notícias nesta altura em que o país arde.

Era eu jovem, já se viam os incêndio que queimavam florestas por todos os lados, sobretudo na Península Ibérica.

Cada ano que passa mais se agrava este escaldar de notícias sobre os incêndios.

E como o Verão significa calor e floresta queimada, não quero ver a desgraça das nossas árvores a arderem.

"Matou-se" o pinhal de Leiria, inundou-se o solo de eucaliptal, é neste tempo quente que se apagam os incêndios com a pouca água dos rios que muita falta nos faz .

Esquecemos num ápice a catástrofe que foi o ano de 2017.

Mario Quintana escreveu, 

"Nesses tempos de céus e cinzas e chumbos, nós precisamos de árvores desesperadamente verdes"

 

 

 

 

08:30h

Saí de casa.

A temperatura estaria nos 28°.

A noite foi muito mal dormida, deitei-me cedo, o cansaço de o sono não vir levou-me  a ligar a luz para ver as horas. Pensando que já estaria a começar a manhã, o relógio marcava 03:45h.

Normalmente, acordo por volta das 06:00h, tomo o comprimido da tiróide. Mas eu devia ter adormecido por volta das 05:00h, porque quando acordei, antes do despertador, fiquei na dúvida se tinha tomado o comprimido, não me lembrava.

Preferi não o tomar.

E foi quando saí de casa para levar o sobrinho neto ao colégio, e com as janelas do carro abertas, o calor, àquela hora, já era intenso.

Nestes dias quentes, prefiro fazer as compras de manhã.

Uma amiga faz anos amanhã, andei pelas lojas perto de casa, mas não comprei nada,porque na  Zara, só vi farrapos. 

Na Tiffosi, vi umas blusas giras, mas são todas curtas, ela não veste.

Na Parfois, também vi uma blusa com um padrão que sei que ia gostar, mas era muito transparente, obrigava-a a vestir um top por baixo.

Bijuteria tem muita, sobretudo brincos, que ela gosta, mas estou farta de lhe dar brincos.

E eu gosto de lhe oferecer algo pessoal.

Já não aguentava o calor, vim para casa decidida a pesquisar nas lojas online.

Se vir alguma coisa que seja do gosto dela, vou à loja comprar.

Em princípio, hoje já não saio de casa.

 

 

 

 

 

Dou&me mal com o calor

clima tropical?

Esteve muito calor por cá.

Agora, está a chover e a trovejar, mas a temperatura continua alta.

Nas traseiras da minha casa chove bastante, na frente chove  menos.

Para Este, caiu granizo.

Estamos vivendo um verão tropical.

E a minha gata meteu-se dentro do armário da cozinha, chamo por ela,  que mia baixinho.

 

 

 

o maior dia do ano

é já hoje às 10h14.

As temperaturas não são as de Verão, nesta sua chegada, mas hão-de vir.

Espero que não sejam tórridas, não só porque não aguento temperaturas superiores a 30°, mas também, infelizmente, porque significam incêndios.

Depois, começa de novo a diminuir, minuto a minuto, a hora do pôr -do-sol, que eu gosto de mais de ver e fotografar.

Sexta-feira é feriado de São João e, que me lembre, é a primeira vez que vou sair da cidade para umas mini-férias de Verão.

E um dia de cada vez, o tempo passa a correr, mais um verão, ainda com COVID, mas cheio de concertos, porque as gentes precisam.

Por falar em concertos, gostava de ir ao Rock in Rio ver Duran Duran, mas faz-me confusão sentir a multidão atrás de mim, e ficar lá atrás, no fim da cambada, também não tem piada.

A brincar a brincar,  gosto da onda de concertos, gostava mesmo de lá ir, mas também não me dei ao trabalho, atempadamente, de ver o cartaz, nem de comprar o bilhete.

Se passar na SIC Radical, vejo, tal como vi MUSE,  Ivete Sangalo e um pouco The Black Eyed Peas.

E com tudo isto, bem-vindo Verão 2022.

IMG_20220620_211239.jpg

 

 

 

 

 

10 de Junho é...

42444_65763_38420.webp

Tendo ontem visto os ensaios, e como seria de prever, hoje a zona em que vivo, a poucos metros da Avenida da Liberdade, estava repleta de pessoas, poucas usavam máscara, e eu não queria ajuntamentos, não tinha ideia  de ver a cerimónia.

IMG_20220610_095003.jpg

Ontem pelas 23h00 ainda tivémos dez minutos de fogo de artifício no Monte Picoto, que desisti de ir ver, da rua, e vi de casa. 

1654880181281.jpg

De manhã, liguei o televisor, vi a chegada do PR e ouvi o Hino Nacional, que muito me orgulha, desliguei-o, e fui dar um passeio pelo Centro Histórico, com menos pessoas.

Atravessava a rua, passou um, dois, helicópteros, mesmo no "meu" espaço de céu azul.

Parei à sombra e esperei pelos aviões. Eu sou apaixonada por aviões, desde criança. Sempre que vou a Lisboa, passam por cima da casa da minha sobrinha, fico fascinada vê-los descer, ou subir, depende dos ventos,ou quando um aborta o vôo, que já vi.

IMG_0015.JPG

IMG_0014.JPG

Adiante. Eu queria tentar apanhar os caças, mas à velocidade que passam era difícil o click do telemóvel.

Mas consegui apanhar a ponta do nariz de um, e a parte de trás dos quatro. 

caça.jpg

O passeio foi pequeno, e quando descia a Avenida, vejo três jovens que davam água aos transeuntes,  comentei com eles que faltava o copo, ao que eles responderam que acabaram, só enchiam as garrafas.

eles.jpg

Mais abaixo reparei que o arsenal bélico subia a avenida, passava junto ao túnel e seguia em direcção à Rua do Raio.

Os soldados, nas suas viaturas, diziam adeus às pessoas. E deixei-me ficar a fotografar.

1654879407268.jpg

E sem ter visto as cerimónias, vi tudo o que tinha a ver sem me meter em confusões.

A tarde tem sido em casa a ver a RTP1.

O calor é muito, não suporto andar na rua neste dias de multidão.

E é esta a minha reportagem.

A próxima festa é o São João, que já decora as artérias da cidade.

IMG_20220609_123809.jpg

 

 

 

calor anormal

O sobrinho neto está na hidroginástica, vim para o carro, que está à sombra, leio um livro enquanto espero que a aula acabe.

Trago um casaco de malha, tive que o tirar, não o aguentava vestido.

É que o fim de tarde fica fresco.

Que tempo tão incerto.

IMG_20211026_170842.jpg

 

 

 

 

o verão chega já amanhã

estes finais de dia tenho sentido frio nos pés, ando pela casa de meias grossas calçadas.

apesar de não me dar bem com o calor, é preciso que venha com temperaturas quentes, mas não escaldantes.

comprei um vestido comprido, com o tempo que tem estado, não há  coragem para o vestir.

também comprei nos saldos ( 10% ) as sandálias que gosto, cujo modelo e marca tenho dois pares, um demasiado alto, deixei de usar, o outro mais baixo e confortável, estão na caixa conforme saíram da sapataria.

então, as compras de vestuário de verão deste ano, reduziram-se a um par de calças, um vestido e um par de sandálias.

e quero fazer alguma praia, durante a semana, para o lugar do costume, longe da multidão. 

com o número de infectados Covid 19 a aumentar, não tenho expectativas de ir de férias, ou à praia, durante o mês de Agosto.