Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Cantinho da Casa

Cantinho da Casa

as botas de cano alto

Maria Araújo, 28.10.19

Há anos, talvez 9, que não comprava botas de cano alto.

Todas em pele, tenho dois pares preto, umas cinza, e umas de camurça bege ( velhinhas que estão, mas foram as que mais usei) estão para as curvas dos passeios da cidade, precisava de um par castanho.

Não sei o que se passava com a moda do calçado nas épocas transactas que não encontrava o que queria. Os botins chegaram em força, de vários modelos e cores, e comprei vários pares, o facto é que as de cano alta não havia na cor.

Este ano vieram as de cowboy, vieram , também, as de cano alto.

No site da MD tinha visto umas que gostei, mas na loja não gostei de mais.

Um dia da semana passada, encontrei o que queria na sapataria onde tenho comprado os botins, que diga-se, têm boa qualidade e o preço é acessível.

Indecisa por dois modelos: um tinha várias fivelas ( adoro estes detalhes no calçado) mas eram muito douradas, optei pelo outro modelo, com um elástico do lado ( este detalhe deixou-me indecisa). Trouxe estas, podendo trocar, caso decida, pelas outras. O único senão nas botas de cano alto é que raramente as encontro justas às pernas, e as minhas são magras. 

Estão na caixa, quero exerimentá-las com saias e vestidos, mas ainda não me apeteceu.

Num mês comprei um par de botins, uma carteira, e as botas de cano alto...Tudo pelo preço de um par de botas MD.

IMG_5533.jpg

 

 

comprei mais um par

Maria Araújo, 07.12.17

Havia escrito que nunca comprara calçado nesta sapataria.

Num dos dias que por lá passei, atrevi-me a entrar e dar uma olhada às botas. Comprei estas  , super confortáveis.

Ontem, na minha ida à farmácia, passei em frente e reparei no cartaz que indicava 30% de desconto em alguns modelos.

Dei uma volta às prateleiras. Nas caixas que se amontoam, os meus olhos foram para um modelo com atacadores que sempre gostei e tive, em tempos, e que rompi até perceber que eram o seu fim.

Adorei vê-las no meu pé.

Tinha outro modelo da mesma cor que gostei, mas o trabalho que dava calçá-las, ficaram de lado.

Impressionante como esta sapataria tem-me conquistado.

Ano passado comprei estas que gozam do mesmo conforto.

Costumo comprar bom calçado, mas estas não ficam a dever nada aos pares que tenho.

E trouxe-as.

Hoje, calcei-as.

Amei!

Sem Título.png

 

 

os botins

Maria Araújo, 21.11.16

A colecção de calçado deste outono-inverno é predominante  botas em camurça ou croute, de cano alto e acima do joelho, ou botins.

Procuro umas de cano alto, camel ou castanho,  salto até 5 cm, com uma fivela, um fecho como adorno. Nada mais simples.

Encontrei um par na Aldo, mas não gostei muito da fivela redonda, e são muito caras.

aldo.png

 

 

Ontem, passei na sapataria habitual, tinham chegado dois modelos na cor pretendida. Mas tinha uma chapa pequena dourada no tacão e berloques de mais a adorná-las.

Calcei, andei, imaginei tirar a chapinha e os berloques que, a ser mal feito, poderia estragar as botas. Desisti.

Ia na direcção do hipermercado, entrei numa sapataria que nunca entrara.

Dei uma volta pelas prateleiras. Não faltavam botas e botins na cor pretendida, mas em camurça. Até que vi um par em pele,  muito simples, com um pequeno fecho do lado de fora, de adorno. Mas muito altas.

Ando à procura há um mês, está difíci de encontrar, desisti.

Dei mais uma volta e os meus olhos foram para uns botins em croute, super simples e giros.

Calcei-os. Confortáveis e elegantes para usar com saias e vestidos.

Comprei  (modelo da imagem).

Usei-os hoje, fiquei satisfeita com o look.

14956445_1112229405551973_1264760643094173906_n.jp

 

Não me admiro nada um dias destes passar numa  sapataria qualquer e encontrar o que pretendia.