Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]



o corpo é que paga

por Maria Araújo, em 04.10.18

 

bola-de-pilates-acte-sports-com-bomba-de-ar-75cm-i

 

 

Este mês de Outubro,  as aulas de Pilates aumentaram  no ginásio e agora, também, com a modalidade de novos aparelhos, como a bola suíça ou de Pilates.

Sempre desejei experimentar a bola ( tenho uma que me ofereceram, mas preciso de a encher), fui à primeira aula na terça-feira. 

Completamente diferente, já fiquei fã

Três, quatro dias por semana, tenho ido ao final da tarde ao Porto.

Ontem, decidi que iria à aula se acordasse, não liguei  o despertador.

Ando extremamente cansada, não durmo horas suficientes. E quando acordo cedo e o sono não quer vir, levanto-me e vou ao ginásio.

Ora, hoje, às 7h já estava acordada. Tentei adormecer, mas  nada.

Fui fazer a aula.

Vim a casa deixar o carro, fui a pé à estação de comboios (vinte minutos) comprar o bilhete para a minha viagem a Lisboa da  próxima semana.

Almocei tarde. Durante o almoço os meus olhos queriam descanso.

Mas não há tempo.

Tenho a tarde com compromissos e depois destes, fazer a mala para o fim de semana em Lisboa

Sabe bem o exercício fisico, saio bem do ginásio,  mas com as noites de pouco dormir, o  meu corpo é que paga.

 

Cantinho da Casa

fazer uma aula de Pilates

por Maria Araújo, em 14.09.15

depositphotos_28575419-Pilates-class---color-vecto

 

com o esparguete que usamos nas aulas de hidroginástica, era inimaginável.

mas aconteceu hoje.

demais!

fico na expectativa do dia em que a bola entre em ação.

sempre na vanguarda, o HP.

 

 

 

 

 ThumbLoja.jpg

 

Cantinho da Casa

Fome de bola

por Maria Araújo, em 06.06.15

 

 

 

cartoon2.jpg

 

Quando leio e ouço das dificuldades dos portugueses mas vejo os estádios cheios, penso nisto: "A fome de bola é maior que a fome de alimentos!".

E este cartoon, na minha opinião, simboliza isso.

 

Cantinho da Casa

YES!

por Maria Araújo, em 12.01.15

Estava no café com uma amiga que já não via há um ano, sentei-me em frente ao televisor para  deitar os olhos à cerimónia enquanto conversavamos e quando tal: "foi o Cristiano!"

A minha amiga virou-se para trás,  as pessoas aproximaram-se do televisor, e não falamos mais até acabar.

E uma lagrimita  percorreu o meu rosto sobretudo porque CR falou em português.

Parabéns CR.

(quem sabe a minha ida à catedral onde jogas veio trazer-te mais força, trabalho e ambição, ahahahah!)

E a imagem cartoon  do Sapo para te congratular.

724WYAZS.jpg

 

Cantinho da Casa

já vai para a universidade

por Maria Araújo, em 07.06.14

parece que foi há dois ou três anos que o Diogo andava no primeiro ciclo na escola mesmo em frente a minha casa, a escola que o pai frequentou.

e quando na hora do almoço jogava a bola com os colegas, eu atravessava a rua e chamava-o para vir almoçar, ou quando ele não me ouvia e eu pedia autorização  à funcionária  para o ir buscar ao campo de jogos, chamava-o, ele virava-se para mim e dizia "já vou tia L".

os segundo e terceiro ciclos foram numa escola em Ruilhe, foram cinco anos que não andou por aqui.

acabados estes, veio para a escola secundária nas traseiras da minha casa, a escola que frequentei.

foram  três anos aqui por casa, a almoçar.

almoçava sozinho ou com a Sofia, quando eu não vinha almoçar a casa, duas ou três vezes na semana, comigo, também.

este foi o ano que eu cozinhei para eles e almoçavamos juntos. tivemos conversas saudáveis e divertidas.

o Diogo vai entrar para a universidade.

o Diogo não almoça mais cá em casa.

o Diogo está hoje no jantar e baile de finalistas.

pedi-lhe que viesse cá a casa antes de ir para a festa.

e veio.

o Diogo nasceu "ontem" e já vai para a universidade.

o tempo passa...

 

 

(coincidência, no canto inferior direito uma foto minha com o Diogo, teria ele 5 anos)

 

Cantinho da Casa

saúde e bem-estar

por Maria Araújo, em 03.06.14

estamos na estação dos frutos vermelhos e dos legumes, preparar batidos simples e saudáveis está na moda. 

nunca os fiz, mas com a quantidade de legumes que trago daqui, tenho de aproveitar.

fazê-los não custa, só não incluo o pepino e a couve.

nem pensar!

o pepino, substituo pela curgete. a couve, dispenso-a.

 

 

 

 

nas aulas de Pilates, com o estúdio cheio de pessoas, não é possivel utilizar a  bola. e sempre pensei comprar uma.

imagino uma boa sensação de leveza, de bem-estar.

uma decisão a tomar, aqui.

 

 

 

Cantinho da Casa

Um excelente post, desta quadripolar que tive o prazer de conhecer aqui.

Uma homenagem ao Rodrigo, às crianças do IPO e a gratidão à família CR.

Nada do que vemos e criticamos corresponde ao que estas pessoas são.

Aqui, neste texto:

 

{#emotions_dlg.meeting}

 

"Aquela lei dos seis graus de separação sempre me pareceu uma coisa meio irreal até ao dia que em que eu e as meninas do "Todos por Um", num chat frenético, a organizarmos o evento íamos anunciando umas às outras as generosas ofertas que nos iam chegando via email dos respectivos blogs e páginas de facebook. De repente, recebi um email da Isa que é uma das quadripolares mais antigas deste estaminé e que, por razões que agora não interessam nada, me veio provar que aquela história dos seis graus de separação tem mesmo algum fundamento. Dizia-me a Isa que a Kátia havia falado com o irmão e ele prontificara-se para oferecer para a causa do Rodrigo uma camisola autografada e umas chuteiras. Não percebi à primeira quem era a Cátia e o irmão até que se fez luz: o Cristiano Ronaldo queria juntar-se à causa do Rodrigo. Oh my God!

Fiquei sensibilizada quando, no dia do evento, a Isa me trouxe a camisola autografada, muito bem dobradinha e as chuteiras coloridas rabiscadas pelo melhor jogador do Mundo e eu nem era especialmente fã do jogador.
A atitude atruísta e abnegada, a atenção de ter enviado em correio expresso a camisola e as chuteiras para a irmã que, por sua vez, teve o cuidado de entregar a camisola usada limpinha e passada, as chuteiras tão coloridas como as cores que gostaríamos de ver recuperar nos olhos, no sorriso e no coração do Rodrigo que morreu, um mês e meio depois, antes do Ebay nos autorizar o leilão online dos objectos, cujas receitas reverteriam para a procura da sua cura.
O Rodrigo morreu em Junho e coube-me a mim perguntar que destino queria o Cristiano Ronaldo dar à sua camisola e chuteiras, se queria que as devolvêssemos para as poder direccionar para outra causa. Nesta altura, eu já gostava do Ronaldo, da Kátia e da D. Dolores, que tão bem soube educar os seus filhos sensíveis ao Mundo e empáticos com a dor dos outros. Nesta altura o Ronaldo já não era o miúdo peneirento que eu tinha cristalizado na minha memória, a Kátia não era a ideia que as revistas queriam vender-me e a D. Dolores era mais, muito mais, do que aquilo que os outros a resumem. Eu tinha, agora, possibilidade de avaliar, formular juízos de valor, ter impressões próprias desta família de acordo com a minha experiência pessoal e cagando-me na ideia que as revistas querem induzir, dos estereótipos que as imagens a vulso no ecran da televisão teimam em alimentar. O Cristiano Ronaldo estava ali, a três graus de separação de mim. E eu estava rendida.
Quando percebi que era nossa tarefa agora, reencaminhar os presentes do Rodrigo para que todos os Rodrigos pudessem ser seus donos, a minha garganta atou-se com um nó mudo e os meus olhos encheram-se de lágrimas.
E no dia em que subi as escadas do IPO e cheguei à ala pediátrica, entregando a camisola e as chuteiras autografadas para serem expostas ali, partilhadas com todos os que vingariam a morte do Rodrigo, os que venceriam a puta da doença, no dia em que vi no olhar da senhora desta imagem esta expressão de gratidão, neste dia, fiquei fã do Cristiano Ronaldo e família para sempre.
Por isso, hoje, creio que a Bola de Ouro é um bocadinho do Rodrigo e de todos os Rodrigos, também. Obrigada, família Aveiro. Obrigada."

Cantinho da Casa

Bola de ouro

por Maria Araújo, em 13.01.14

Para os craques deste ano, CR, Messi e  Ribéry.

Espero que venha para cá. O meu feeling diz que vai para Ribéry, não pelos golos, que são poucos ainda, mas pelo que já foi ganho...

Oxalá esteja enganada.

Boa sorte, CR.

 

 

Cantinho da Casa

Life

por Maria Araújo, em 26.04.10
A VIDA É COMO JOGAR UMA BOLA NA PAREDE. SE FOR JOGADA UMA BOLA AZUL, ELA VOLTARÁ AZUL; SE FOR JOGADA UMA BOLA VERDE, ELA VOLTARÁ VERDE; SE A BOLA FOR JOGADA FRACA, ELA VOLTARÁ FRACA; SE A BOLA FOR JOGADA COM FORÇA, ELA VOLTARÁ COM FORÇA. POR ISSO, NUNCA "JOGUE UMA BOLA NA VIDA”, DE FORMA QUE VOCÊ NÃO ESTEJA PRONTO A RECEBÊ-LA. A VIDA NÃO DÁ NEM EMPRESTA; NÃO SE COMOVE NEM SE APIEDA. TUDO QUANTO ELA FAZ É RETRIBUIR E TRANSFERIR AQUILO QUE NÓS LHE OFERECEMOS.
 ALBERT EISTEIN

Cantinho da Casa


foto do autor



1º desafio de escrita 2019 2º desafio de escrita 2020


o meu instagram


1º desafio de leitura - 2015 2º desafio de leitura - 2017 3º desafio de leitura - 2019

desafio




Arquivo

  1. 2020
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2019
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2018
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2017
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2016
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2015
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2014
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2013
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2012
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2011
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2010
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2009
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D
  157. 2008
  158. J
  159. F
  160. M
  161. A
  162. M
  163. J
  164. J
  165. A
  166. S
  167. O
  168. N
  169. D

Encontros - eu fui

IMG_2230 (2).JPG MARCADOR