Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Cantinho da Casa

Cantinho da Casa

A propósito

Maria Araújo, 19.03.12

deste post e do respeitoso comentário, os meus olhos pararam a observar a palavra «encestar».

Cometi um grave erro? Não se usa esta palavra? Terá outro significado que não o que eu atribui?!

Do jeito como comentaste, amigo, fiquei com cara de carapau.

Imediatamente fui ao dicionário online. Aqui está:

 

encestar

Significado de Encestar

v.t. Meter no cesto.
Pôr a bola na cesta (no jogo de basquetebol).

 

 

Basquete

Maria Araújo, 18.03.12

 

 

 

Hoje decidi ver o jogo de basquete dos iniciados femininos.

Fui a pé ao pavilhão de Lamaçães, cerca de 4(?) km de minha casa.

O jogo começava às 11:30h, saí de casa às 10:45h. 30 minutos a andar mais depressa que o costume nas minha caminhadas.

O jogo ainda não tinha começado.As jogadoras faziam o aquecimento.

Vi a nº 23, Lajes,  como é conhecida na equipa. Quando ela reparou que estava lá, sorriu, e saudou-me(estar a família presente dá ânimo às jogadoras).

Confesso que foi o 1º jogo que vi.

Foi duro. Jogavam com o CPN, a equipa que as jovens do Braga "temiam".

Jogadoras com táctica,tiravam a bola com extrema facilidade e marcavam pontos com a mesma facilidade também.

As jogadoras do SCB são muito unidas e amigas. Sempre com um sorriso, sabem jogar, jogam bem, mas hoje foram várias vezes punidas, sem razão.

A equipa adversária teve muitas faltas, que não foram marcadas pelo árbitro. Eram agressivas

Os pais reclamavam "estais a ver a cor, não estais a ver a equipa".

Mas as meninas do SCB não esmoreciam.

O certo é que encestavam bem, mas o diabo das bolas não entravam.

O treinador, que sabe as jogadoras que tem, reclamava com elas.

A Lajes, fez uma jogada bela, e encestou, o que fez aplaudir os presentes.

Lamentavelmente, jogo é jogo, alguém tinha de perder.

As meninas do SCB podiam ter ganho. Jogaram bem, fizeram algumas asneiras, souberam enfrentar a agressividade da outra equipa e as injustiças dos árbitros (afinal não é só no futebol), mas o facto é que as bolas nunca passavam o cesto.

O jogo acabou com a vitóra do CPN.

A Lajes e outra jogadora, aproximando-se da bancada, trocaram algumas palavras com dois pais.

Atrás de mim escutei isto: "sois grandes jogadoras. Sempre com espírito de  equipa, sabeis perder. Sempre com um sorriso nos lábios, sempre bem dispostas.Parabéns miúdas."

Filmei algumas partes do jogo e tirei fotos que serão um dia destes aqui editadas, quando comprar o cabo para o telemóvel (está esgotado, lol).

A minha irmã, mãe da Lajes, nº 23, estava indignada  por ver as bolas não entrarem nos cestos.

Vou começar a ir mais vezes aos jogos. As mães Bracarenses são fantásticas e puxam pelas suas filhas.

Regressei a casa a pé, com a ameaça de uma carga de água bem forte. Ligeira como vim, escapei.

 

 

 

 

 

 

a equipa (imagem retirada do SCB)