Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]



abortar o vôo

por Maria Araújo, em 07.05.18

captura de ecrã.png

das muitas visitas a Lisboa e que fico em casa da minha sobrinha, foi a primeira vez que vi um avião abortar a aterragem

a minha sobrinha na sala, eu na cozinha diz ela:

"escuta, um avião abortou a aterragem".

quando fui espreitar já ele subia noutra direcção.

no dia seguinte, estavamos juntas na sala, o bebé dormia, diz ela:

" mais um avião que aborta a aterragem".

e da janela, vemo-lo subir, seguir noutra direcção, dar a volta.

entretanto, passaram um, dois, três aviões... mas não vimos o abortador.

comentei com ela que apesar de nunca ter havido nada de mais no aeroporto de Lisboa, de estar a poucos quilómetros do centro e ser acessível a quem chega e/ou parte, um novo aeroporto fora da cidade seria oportuno.

 

Início

Autoria e outros dados (tags, etc)

Porquê?!

por Maria Araújo, em 26.03.15

avião.png

 

Quando esta madrugada vi as notícias de que apenas estava um piloto no cockpit do avião e o outro tentou abrir a porta e não obteve resposta, pensei "a queda foi provocada".

Pergunto: "Porquê? O que leva alguém a sucidar-se e levar 149 pessoas consigo?"

 

Início

Autoria e outros dados (tags, etc)

O cockpit

por Maria Araújo, em 07.09.14

O "inspira-me" de hoje traz a aventura de uma blogger (que descobri ser de Braga) na sua deslocação a uma das ilhas dos Açores,  toda a sua viagem  no cockpit.

Nunca viajei no cockpit, mas esta estória fez-me recordar nos meus 20 anos, na minha primeira  viagem de avião, a Londres, já no ar, foi-nos dada a oportunidade de ver o cockpit ( e não foi para todos os passageiros).

Quem não gostaria de ver este pequeno espaço cheio de coisas tão fantásticas aos nossos olhos?

Óbvio que fui, pois lembro-me que ocupava um dos lugares da frente do avião.

Fiquei extasiada.

O céu ao nosso alcance, o mapa com a cor da rota que seguíamos,uma infinidade de botões,  o manobrar do avião!

Nunca esqueci esta experiência única.

Noutras viagens que fiz, ainda pensei na hipótese de voltar a ver este pequeno espaço mas depois do 11 de setembro, as coisas ficaram mais rígidas e restritas e nunca mais perguntei.

Dou os parabéns à blogger por ter tido a excelente ideia de fazer a pergunta e ser-lhe concedida esta maravilhosa oportunidade de VIAJAR com os pilotos.

 

 

 

 (imagem de rotas, da web)

Início

Autoria e outros dados (tags, etc)

Madrid (1)

por Maria Araújo, em 04.09.14

Uma cidade belíssima, cheia de vida, diurna e nocturna, imponente nos seus edifícios, uma cidade que quase não pára, foi a ideia com que fiquei de Madrid.

Quatros dias que lá estivemos, acomodadas num hotel que reservamos dois dias antes de viajarmos, no centro de tudo, Porta do Sol, foi certeiro. Tínhamos tudo ali tão perto.

O primeiro dia foi o pior: saímos de casa às 3:30h, viajamos para o Porto no Getbus das 4h e embarcamos pontualmente às 6:30h para Madrid.

Do metro do aeroporto até à Porta do Sol, foi rápido, fomos de imediato tomar um pequeno almoço e a seguir dirigimo-nos para o hotel que guardariam as malas até ao check in.
Para nossa surpresa e contentamento, o recepcionista disse que talvez tivesse quarto disponível e poderíamos fazer o check in naquele momento.

E assim foi. Por volta das 11horas estavamos no quarto.

Deitamo-nos um pouco e pela hora do almoço saímos e fomos à descoberta da zona Gran Via e Palácio dos Reis (este quase ao fundo da rua, como dizia a minha amiga).

Segurança em todo o lado; dois carros de polícia, no mínimo com 3 agentes (dizia a minha amiga que sentia-se segura), muito sol, calor demais, limpeza das ruas, muitos turistas e o vestuário que era o mais prático e confortável possível, sem idade.

Estátuas pessoais eram muitas, "espectáculos" de rua entretinham as pessoas, as moedas caíam nos chapéus ou qualquer coisa que servisse para uns trocos.

O único senão, na minha opinão, foi a comida. Não sabia o que escolher, não aprecio a maior parte da gastronomia espanhola, embora em Baiona tivesse comido muito bem.

Reparei que  os madrilenhos, à hora do almoço, frequentam os restaurantes e, ao balcão, convivem com os amigos e/ou companheiros de trabalho, bebem um copo de vinho, petiscam umas tapas e FALAM MUITO ALTO.

Com uma gastronomia variada, à excepção da tortilla de batatas,  em Madrid não encontrei as suas receitas típicas, como a sopa de alho,o cozido madrileno, dobradinha à la madrilena (como eu sou fã da nossa comida tão variada e boa!).

A simpatia dos empregados dos restaurantes não é das melhores. Se o cliente quer dar um jeito à mesa porque está quase em cima da mesa do lado, não mexem um dedo para satisfazer o cliente, o serviço chega a ser muito demorado para coisas tão simples como uma sande, há pratos que só são servidos dentro do restaurante e...não entendem os portugueses, confundem-nos com os italianos, só nos percebem se falarmos em Inglês.

Mas tudo isto passa ao lado.

Na verdade, adorei Madrid.

Há mais para contar...

 

 

do Porto para Madrid

 

 

 

Madrid

 

  

 saída do metro

 

 

os toldos que davam sombra às calles

 

 

depois de acomodadas e de um descanso bem merecido, "bora" lá conhecer as calles

 

 

 

 

 

 

 

 

Início

Autoria e outros dados (tags, etc)

Momentos de Outono

por Maria Araújo, em 15.11.08

Gosto da praia no Outono. Como estava um dia de Sol muito agradável, decidi, depois da minha aula de body balance, tomar café numa esplanada na praia.

Gosto de Esposende nesta época do ano. A praia é extensa, dá mais prazer passear naquele areal. Pena é que esteja cheia de pedras, que nestes últimos 5 anos o mar se encarregou de as mandar para terra.

Estive cerca de meia hora perdida nos pensamentos que de vez em quando eram interrompidos pela conversa das senhoras que, atrás de mim, falavam do trabalho. Educadoras de infância, pelo tema.

Levei um livro, que nem abri. Por um motivo. Anoitece mais cedo, logo se queria passear pela beira-mar e sentir o cheiro a maresia e o vento que me levasse os pensamentos menos bons, não poderia esquecer-me do tempo (O que estou a ler, li-o por inteiro numa viagem que fiz a Lisboa. A história é verídica, erótico e sadomasoquista).

Decidi então dar o meu passeio.  Tirei umas fotos que para mim são interessantes.Não tenho arte fotográfica, mas é o que sei fazer. Também a minha máquina não é das melhores, mas para mim é suficiente. Só não sei o que aconteceu ao vídeo que fiz de um avião que "voava..."

No regresso, cerca das 17h, escuto o ruído de um motor. Ergo meus olhos para o céu e vejo um avião que fazia umas  acrobacias muito arriscadas...Quase me pareceu que estava com problemas e ia cair. Apercebi-me que o piloto estava a desfrutar do seu avião, pois no lugar onde me encontrava estavam muitos veraneantes que, como eu, gozavam aquele final de dia livre de preocupações.

Tentei gravar aquele momento. De repende, quando o avião tinha acabado a sua bonita exibição, passa por cima de mim um lindo bando de gaivotas...que, sossegadamente descansavam numa parcela de areia junto ao mar e que  o avião fez o favor de incomodar o repouso, obrigando-as a afastarem-se no sentido oposto...já em direcção ao mar.

Adorei este meu dia sossegado... A ser repetido.   

Fotos

 

PB150022 por você.

 

PB150028 por você.

 

PB150068 por você.

 

PB150078 por você.

 

PB150093 por você.

 

PB150084 por você.

 

PB150102 por você.

 

PB150124 por você.

 

 

Início

Autoria e outros dados (tags, etc)

11 de Setembro de 2001

por Maria Araújo, em 11.09.08

11set 3

 

11 set. 1

 

NO COMMENTS

 

 

Início

Autoria e outros dados (tags, etc)


foto do autor


desafio dos pássaros



o meu instagram


1º desafio de leitura - 2015 2º desafio de leitura - 2017 3º desafio de leitura - 2019

desafio




Arquivo

  1. 2019
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2018
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2017
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2016
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2015
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2014
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2013
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2012
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2011
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2010
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2009
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2008
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D


Encontros - eu fui

IMG_2230 (2).JPG MARCADOR