Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

cantinho da casa

cantinho da casa

Qua | 25.03.20

# fique em casa 10

Maria Araújo
Desde que me levantei, cedo, ocupei-me das tarefas de casa: passar a ferro, arrumar as roupas,fazer o almoço. Por volta das 10:30h, recebi uma chamada de um número que não tenho nos meus contactos,lembrei-me que seria da SEUR para entregar uma encomenda que fiz  online( há quanto tempo não comprava pela internet!) a semana passada. E era. Queria sdaber se estava em casa, demoraria cerca de dez minutos(esta empresa liga sempre,contrariamente a outras que nem sequer tocam à (...)
Qua | 06.11.19

do fim de semana prolongado

Maria Araújo
Começou na 5ª feira, no comboio Alfa. Desta vez, o  meu lugar não era ao lado da minha sobrinha, que ocupa o lugar destinado a mães com bebés, e pessoas deficientes em  cadeira de rodas, Enquanto não chegava a pessoa que iria ocupar esse lugar, sentei-me com o sobrinho neto no colo. Um senhor, na casa dos 80, aproximou-se e perguntou se eram aqueles os nossos lugares,. A minha sobrinha explicou que não, que o meu era o da frente e que se o número dele era a seu lado, se quisesse (...)
Seg | 26.03.18

coisas do tempo

Maria Araújo
Prevista que está a chuva a partir de 4ª feira, e que se vai manter por cá até meio da primeira semana de Abril, fui dar um passeio pela praia. Em Ofir os praticantes de body board e surf andavam por lá, o sol era quentinho, embora o vento fosse frio, desta vez não almocei no bar do costume. A esplanada coberta desapareceu, não queria almoçar  na esplanada ao sabor do (...)
Qui | 19.10.17

fui ao Porto

Maria Araújo
Tive uma consulta de higiena dentária com uma médica da minha cidade. Gosto muito do trabalho pormenorizado que faz (pago uma nota grande menos 20). A consulta estava marcada há cerca de 4 meses para as 11h.  Para chegar a horas, tenho de sair no comboio das 7h34, para em seguida apanhar o metro até à Casa da Música. O problema é cá na cidade.  Sair de casa às 8h10 para deixar o carro estacionado numa praceta onde não se paga estacionamento, pensava eu que o tempo chegava, (...)
Qui | 19.10.17

Ateneia/Arcádia

Maria Araújo
Almocei mal.  A Sofia foi para a Faculdade, meti- me no Metro, saí na Trindade, desci Av. dos Aliados. Lembrei-me de tomar café na Ateneia, que é a Arcádia. Apetecia-me consolar as minhas papilas com algo doce de tão desconsolada fiquei com a rápida refeição. Entrei, pedi um doce de massa filó com doce de ovos e amêndoa. " Carago", além de muito doce, de cada vez que dava uma trinca, caía o (...)
Ter | 18.04.17

um almoço em Ponte de Lima

Maria Araújo
Do grupo do ano passado cinco pessoas não puderam ir ao almoço. Fomos nove, em dois carros. O restaurante fica a curta distância da saída da auto-estrada. Um restaurante modesto,  o átrio com belas flores, o interior bem arranjado. As entradas vieram para a mesa: favas estufadas, pataniscas, chouriços grelhados e broa. Vinho tinto maduro. O arroz de sarrabulho veio no tacho, os rojões em travessas regionais. Estava bom. Comemos bem. Para sobremesa pedimos, pudim à Abade de (...)
Ter | 18.04.17

o arroz

Maria Araújo
Em janeiro de 2016 fui jantar a Ponte de Lima, o tradicional arroz de sarrabulho. Soube que o dono do restaurante costumava  cortar o presunto de uma forma perigosa e que várias vezes fora alertado para esse seu jeito inadequado, e que ele respondia que sabia o que fazia, sempre cortara o presunto à sua maneira. Uns meses depois deste jantar, foi-me comunicado que o senhor morrera. A cortar presunto. A (...)
Ter | 21.03.17

13:05h

Maria Araújo
Escuto a campainha da porta do prédio. Pelo intercomunicador pergunto "sim?" ( meu jeito de perguntar quem é). Percebi que era o carteiro, abri a porta.  Fui para a cozinha, estava a fazer o almoço. Dois minutos depois, a campainha da porta cá de cima, que tem um toque diferente, levou-me a pensar que o carteiro teria alguma coisa para entregar em mãos. E abri a porta. Surge-me um homem com cerca de 30 anos. Trazia uma identificação presa ao bolso do casaco que vestia, mas não (...)
Qui | 23.02.17

pelo Porto

Maria Araújo
  O aniversário foi passear pelo Porto. Fomos de comboio, chegamos a São Bento por volta do meio-dia. Subimos os Clérigos, passamos os pasteis de bacalhau que, àquela hora, na esplanada, os estrangeiros já se deliciavam a comê-los .  Adoro pasteis de bacalhau, tenho de (com) provar se estes dois sabores, queijo da serra com bacalhau, combinam. Seguimos na direcção do jardim do Palácio de Cristal. Este precisa de obras, está degradado, mas os jardins são agradáveis. Um (...)