Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]



o seguro morreu de velho

por Maria Araújo, em 18.01.19

dcaa (2).jpg

Neste post, escrevi o que aconteceu quando bateram no meu carro.

Pois bem, depois de esperar até ao dia dez por uma chamada da companhia de seguros, decidi tomar a iniciativa de tratar do assunto, enviando um e-mail para o meu agente ( e amigo) de seguros a comunicar o ocorrido nesse último Domingo de 2018, pedindo esclarecimentos para o que eu poderia fazer.

Não obtendo reposta imediata da parte deste, na terça-feira passada, enviei novo e-mail.

A resposta foi-me dada no final do dia: que passasse no gabinete, no dia seguinte, com a cópia da declaração amigável.

Nunca tive de preencher uma declaração amigável, não fazia a mínima ideia qual o prazo para comunicar à companhia, lera na internet que seriam cinco dias, razão pela qual eu decidi agir, mas o meu amigo  confirmou que são sete dias.

Quando viu a cópia da declaração comentou de imediato que estava incompleta: não estavam registadas a data, a hora, feridos, testemunhas. E foi preenchido naquele momento, por mim.

O verso também não estava preenchido: descrição pormenorizada do acidente e os dados referentes , no caso, ao meu veículo.

Preenchidos estes, e assinada por mim, uma vez que, afinal, sou eu que  participo o acidente, o meu agente ia contactar a minha companiha de seguros e esta, por sua vez, contactaria a companhia de seguros do casal. Provavelmente, hoje ou segunda-feira terei alguém a ligar-me.

A simpatia e a prontidão do jovem casal fez-me acreditar que tudo se resolveria rapidamente, fico na dúvida se o casal  apresentou a declaração amigável à companhia, ou se a companhia está em falta comigo.

Se  o seguro morreu de velho,  ajo eu. Não quero ter uma surpresa desagradável.

 

Cantinho da Casa

inacreditável!

por Maria Araújo, em 19.08.15

Operação-Stop.jpg

 

eu e minha irmã (que está de férias) fomos ao ginásio.

saímos da aula de Pilates e como foi a primeira vez dela nesta aula, no final, o professor ficou a falar com ela.

eu segui para o jaccuzzi, ela demorava a vir...quinze minutos depois chegou.

seguimos para o banho turco por alguns minutos.

fomos tomar banho.

 à saída das instalações pedi-lhe para irmos por uma via mais perto para ela me deixar em casa.

cerca de 600m do ginásio perto de uma rotunda, vemos a polícia, que a manda encostar à direita.

sai da boca da minha irmã: "não acredito! que azar! não trouxe os documentos"

o agente percebeu pelo gesto que ela fez que não tinha os documentos.

aproxima-se, pede-lhe a carta e os documentos... e eu reclamava com ela.

saímos do carro, ela vai ao saco da ginástica, mostra-lhe a carta de condução e o cartão de cidadã e diz que nunca anda sem documentos mas como já estava atrasada , achou que não valia a pena trazê-los pois dificilmente encontraria a brigada.

o atraso dela fez com que não levasse roupa para sair do ginásio. vestiu o fato de banho (há uma máquina que seca o fato de banho em poucos segundos) e as calças.

 o agente sorriu, olhou-a de cima abaixo, e perguntou-lhe a profissão.

"engenheira", responde.

diz ele: "  pela expressão de rosto que fez, eu percebi que a senhora ficou preocupada quando nos viu".

e o homem olhava-nos e eu resmungava com ela.

às páginas tantas a minha irmã sai-se com esta: "burra, que burra que eu sou! é para aprender!

o agente riu-se e comenta "a senhora ainda diz que é burra?!"

"claro. sou burra porque eu peguei nos documentos e como achava que não encontraria a brigada, pousei-os no móvel. sou burra sim. toma, aprende!"

o agente comenta: "olhe que a brigada está onde menos se espera!"

eu ria-me.

pergunta o agente: " a viatura é sua?"

"não", respondeu, "é da empresa".

o senhor afasta-se, vai ter com o colega, leva a carta de condução e o cartão de cidadã, volta e diz: " eu vou perdoar-lhe, mas não volte a fazer isso. vê-se que é boa pessoa e que foi tão espontânea na sua reacção quando nos viu, que eu acredito no que diz".

"obrigada, senhor agente, mas eu posso apresentar os documentos na polícia".

"não, não é preciso, vá embora!", e ria-se.

entramos no carro e a minha irmã dizia "burra, burra que eu sou!"

às tantas, perguntou ele: " por onde vai a senhora?"

respondemos em uníssono: "vamos em frente!"

"está bem. pensei que ia virar à direita..."

seguimos e comentei: " inacreditável! tiveste sorte! e aprende. e não te esqueças que já foste multada por falares ao telemóvel enquanto conduzias. tu facilitas. "

desta forma safou-se de uma multa.

o agente acreditou e pode acreditar porque somos pessoas de bem, cumprimos com as nossas obrigações de cidadãs.

não foi teatro.

 

Cantinho da Casa


foto do autor


desafio dos pássaros



o meu instagram


1º desafio de leitura - 2015 2º desafio de leitura - 2017 3º desafio de leitura - 2019

desafio




Arquivo

  1. 2019
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2018
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2017
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2016
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2015
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2014
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2013
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2012
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2011
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2010
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2009
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2008
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D


Encontros - eu fui

IMG_2230 (2).JPG MARCADOR