Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

cantinho da casa

cantinho da casa

levaram o meu relógio

festina-f16377-3-1756268.jpg

 

Um Festina igual ao da imagem.

Nunca levo acessórios para o ginásio.

Ontem, com duas consultas, pus o relógio.

Tinha aula às 17:30h, estava atrasada, desci aos balneários.

Mudei de roupa, tirei o relógio. 

Tenho muito cuidado com as minhas coisas. Lembro-me que o guardei, mas onde? Na carteira? Na mala que uso para o ginásio?

Sei, aliás, tenho a certeza que o guardei.

Depois da aula, fui tomar banho. Fecho sempre o cacifo.

Vesti-me, regressei a casa.

Hoje de manhã, voltei ao ginásio.

À hora do almoço, pronta para almoçar fora com as minha sobrinhas e os meninos, lembrei-me do relógio. Fui ao quarto, não estava.

Lembrei-me que o pusera ontem, quando fui ao hospital.

Tirei tudo da carteira, revirei-a, nada caiu.

Fui ver a mala.Remexi-a, sacudi-a. Nada!

Saí para almoçar, com a ideia de voltar a procurar, inclusive na roupa que usei na aula, e no cesto para lavar.

Quando cheguei a casa, procurei de novo, em todo o lado.

Liguei para o ginásio. Não tinham nada.

Fui lá.

No registo de artigos esquecidos, não estava o meu relógio.

Segundo o funcionário da recepção, só tinham um telemóvel.

Desci ao balneário. Abri cinco portas dos possíveis cacifos onde eu costumo deixar as minhas coisas. Espreitei um a um. Nada!

Penso que teria guardado na mala e com a confusão da roupa, teria caído dentro do cacifo.

O ginásio enche no final da tarde, qualquer pessoa que ocupasse o cacifo veria o relógio.

Passei na recepção e disse à funcionária que não encontrei mas, enquanto for ao ginásio, e durante uns dias, vou perguntar se alguém o entregou.

Sei que quem o levou não o entrega. A fazê-lo, teria sido ontem à noite.

Que levassem dinheiro, não me interessava, mas o relógio, não.

Não tinha coragem de levar um objecto que não me pertencia. Não dormia em paz.

 

 

7 comentários

Comentar post