Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Cantinho da Casa

Cantinho da Casa

18.06.17

ignoro, mas hoje não

Maria Araújo

Há anos que evito ver as notícias sobre os incêndios florestais.  Dói-me a alma, sinto uma tristeza indescritível quando vejo a floresta a arder. Então, prefiro ignorar.

Ontem, as notícias davam conta de vários incêndios florestais por todo o país.

Mais tarde deitada no sofá a ver o filme que passava na televisão, pego no telemóvel para ver a programação, queria saber qual o título do filme. Já na página surge-me um alerta vermelho onde se lia " 19 mortos no incêndio em Pedrógão Grande". De imediato sintonizo a SIC Notícias.

Desta vez não podia ignorar. Precisava ver e saber o que se passava nesta terrível tragédia.

Hoje, a ver as notícais, desde manhã cedo, o número de vítimas aumentou, como seria de esperar. 

Não quero julgar ninguém, mas só uma tragédia destas para, definitivamente, responsáveis governamentais, engenheiros, técnicos, bombeiros, populações,  sentarem-se à mesa a conversar, encontrarem um caminho, um meio de regular o  ordenamento do território, num país que está a ficar desertificado não só de pessoas, mas também de floresta.

Coragem para todos os homens que combatem os incêndios em todo o país.

Os meus pêsames a todas os familiares das vítimas que ficaram no incêndio em Pedrógão Grande.

 

 

Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.