Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]




Gata esfomeada

por Maria Araújo, em 31.01.14

A Kat, a minha gata, gasta muitas energias a correr pela casa, é uma louca, sempre que vou à cozinha vai atrás de mim porque "pensa" que lhe vou dar comida.

Costumava deixar o prato com ração seca, embora tivesse o cuidado de não o encher, para comer durante todo o dia.

No verão passado, verifiquei que ela comia de uma só vez a ração que seria para todo o dia, o que me levava a reforçar a dose. E engordou.

Mudei de marca e reduzi a quantidade, mas não resultou.

Quando em dezembro fui à veterinária (sem a gata, porque esta porta-se muito mal quando tem de ir à consulta), perguntou-me se costumava dar-lhe alimento húmido.

Expliquei que sim experimentara vários sabores e ela não comeu(ela só come ração de frango). Deu-me uma amostra,  recomendou que pelo menos duas vezes por semana convém dar-lhe este tipo de alimento..

A partir desta altura, voltei a comprar comida húmida, de frango, e vou alternando com comida seca. Também distibuo as horas da refeição  e comecei a dar-lhe 3 refeições de 8 em 8 horas, mas doses mínimas.

Só que a gata come tudo de uma só vez. E, sempre que vou à cozinha, vem atrás de mim, pára, olha-me  e roça-se nas minhas pernas e/ou no estendal da roupa e via para junto do prato (sem comida). Olho-a e digo, "Não!" E viro costas.

Ela vinga-se. Atira-se às minhas pernas, numa de me provocar, também. E eu rio-me e repito: "Não há comida!"

Antes da hora de jantar, fartei-me de ouvir a gata a brincar com o que me parecia ser ruído de papel.

Fui espreitá-la mas não dei fé de nada anormal.

Há pouco, voltei a ouvir ruído. Convicta que o som vinha do escritório, espreitei, mas ela não estava lá. Nada estava fora do sítio.

Fui à cozinha. Estava ela em cima de um saco de ração que comprei no final do verão, mas que ela não aprecia.

Tinha-o na prateleira para o gato da minha irmã.

Quando reparei na embalagem, ela tinha-o aberto com os dentes. Fiquei estupefacta porque, na verdade, ela nunca deu importância ao saco.

Arrumei-o no armário e fechei-o.

Uns minutos depois, ouço novamente o som de papel a arrastar no chão.

Voltei à cozinha.

Ora, na prateleira  junto à embalagem da comida, costumo ter um saco de papel com as cápsulas nespresso para reciclagem.

Que fez ela? Puxou do saco, caíram as cápsulas ao chão e a asa do saco estava enfiada no pescoço, arrastando-o pela cozinha.

Lá fui dar-lhe um restinho de comida da latinha.

Está agora, aqui ao meu lado, no sofá, a dormir uma tranqulla soneca.

 

 

 

 

 

 

 

 

Início

Autoria e outros dados (tags, etc)


4 comentários

Imagem de perfil

De Rita a 31.01.2014 às 18:34

Ah, ah, ah, gatinha marota! Comilona. É bonita! Qual a idade?
Imagem de perfil

De Maria Araújo a 31.01.2014 às 20:24

Quando a adotei, tinha um mês.
Tem agora, 3 anos e meio.
Mas é uma terapiapara mim, esta doida de gata.

Beijinho
Imagem de perfil

De Pedro Silva a 31.01.2014 às 17:48

Os Gatinhos(as) são do melhor que existe

Também tenho uma gata. Chama-se Xana. E quando tem de ir cortar as unhas ou à Veterinária porta-se muito mal... Agarra-se a mim, mia, ataca a Médica e quem ela não conhece... Eu pensava que isto era um exclusivo da Xana, mas pelos vistos

Quanto a comida confesso que não tenho problema nenhum. Desde muito pequena que a Xana foi habituada a ter sempre dois pratos cheios de ração seca (com sabores distintos) e ao Sábado tem sempre direito a uma das "latinhas" que a minha amiga aqui fala. Uma vez comeu a comida de lata toda de uma vez, vomitou e aprendeu a lição. Agora come-a sempre devagar.

Não sei se é do metabolismo da Xana ou do regime de alimentação a que a habituamos desde pequena, mas ela nunca teve problemas de peso.

Naturalmente que a Xana é também uma "malandreca" como a sua. Veja lá que ontem (quinta) tentou "roubar" o bife que o meu irmão tinha no prato. E quase que o conseguia sem que ninguém a visse cometer tamanha proeza
Imagem de perfil

De Maria Araújo a 31.01.2014 às 20:22

Ontem, li, na web, umas coisas muito interessantes sobre os gatos e principalmente como distribuir as doses da ração.
A minha gata é um doce, mas também é uma aventureira e louca por brincadeira e adora provocar-me.
Em tempos, eu enchia o prato dela e ela ia comendo, até ao momento que percebi que ela estava muito gorda e decidi cortar à ração.
Penso que vou conseguir que ela emagreça um pouco, pois tenho receio da diabetes.
Obrigada pelo seu comentário.
Bom fim de semana.


Comentar post



foto do autor



o meu instagram


1º desafio de leitura - 2015 2º desafio de leitura - 2017 3º desafio de leitura - 2019

desafio


10 anos




Arquivo

  1. 2019
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2018
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2017
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2016
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2015
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2014
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2013
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2012
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2011
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2010
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2009
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2008
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D


Encontros - eu fui

IMG_2230 (2).JPG MARCADOR