Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Cantinho da Casa

Cantinho da Casa

02.02.16

as suas lembranças foram, também, as minhas

Maria Araújo

fotos-lembrancas-35491.jpg

 

um texto publicado na página do FB, escrito pelo meu irmão mais novo a propósito do artigo do Público 3, Braga a cidade mais feliz de Portugal, lembranças suas que foram, também, lembranças minhas.

 

Um dos textos mais bem escritos sobre Braga. Resmungo, reclamo, irrito-me com o nosso edil. Adorei Vila Real, foi provavelmente o meu melhor ano da minha vida. Mas adoro Braga, adoro cada vez mais, desde que deixei de usar o automóvel e passei a andar de bicicleta e a pé. Adoro Guimarães, é linda, lindíssima, ainda que os chame espanhóis, porque os chamo realmente😊, a sua nacionalidade portuguesa está sempre presente. Costumo dizer aos meus colegas estrangeiros que quando estão cá em Braga estão no centro da história de Portugal e no centro geográfico do paraíso. Parque Nacional e praia a 30km, Porto a 50 km, Vigo a 90km. Caminha e Cerveira a 80 km. Somos uns privilegiados, até os romanos o perceberam. Mais, Guimarães a 15km e o extraordinário Trás - os - Montes, a 80km. Sou do tempo em que o Adolfo ensaiava na garagem do meu vizinho de baixo e que reduziam o volume quando eu levava a mensagem da minha mãe cancerosa, para que a incomodassem um pouco menos. Sou do tempo que fiz de Engenheiro de Som com os Espírito Ressacado e fomos ao Memorável Rock Rendezvous, ultrapassando as ordens do saudoso António Sérgio, e colocando os microfones nos bidões que levávamos. Isto tudo é Braga, tudo isto somos nós. Ricardo Rio, sendo quase da minha geração, aproveite, o Mesquita fez muito por Braga, fez m.. da a mais, mas de si esperamos o salto que merecemos. De si só espero que proporcione aos bracarenses o primeiro lugar da Europa. Begueiros são persona non grata 😂

 

Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.