Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Cantinho da Casa

Cantinho da Casa

o mês de Janeiro frio

Maria Araújo, 26.01.17

 

IMG_20170124_173942.jpg

( pôr-do-sol, terça-feira)

 

o sol que aquecia o corpo, o pôr-do-sol maravilhoso que podia ver da casa das minhas sobrinhas, estava bom demais para as festas de aniversário que vou ter a partir de amanhã, apesar do frio.

Os meus almoços eram ao sol. Não vou ter esse bocadinho de prazer. 

Com a esperança que na próxima semana melhorasse, a meteorologia desencantou-me.

A chuva veio para ficar, o frio continua.

Estou gelada, mais gelada que nos dias frios que passaram.

Sem Título.png

 

 

 

voltamos ao inverno?!

Maria Araújo, 09.04.16

Sem Título.png

 

Comprei um vestido em finais de setembro do ano passado. Vesti-o duas vezes, o tecido é fino e o frio impedia-me de o vestir. Também tem um defeito: tem fibra, pareço uma totó quando ele se cola à meia calça. 

Vou jantar fora, decidi vesti-lo pela terceira vez, mas com meia fina. O resultado é o mesmo.

Entretanto, saí de casa para fazer uma compra, passei tanto, tanto  frio, que cheguei a casa e substituí-o por calças.

E apetece-me levar o casaco de pêlo.

Estamos em abril e a primavera quentinha não quer vir.

 

vento do norte

Maria Araújo, 15.02.16

contrariamente às previsões meteorológicas para hoje, por cá não caiu uma gota de chuva, mas o vento do norte é forte e frio.

Com casacos de pêlo vestidos, as pessoas saíram à rua, passeavam pelo sol, que a sombra é gelada.

Finalmente, aproveitei o dia de sol para deixar o carro na oficina para consertar a porta do lado direito (o meu carro é de 3 portas) que ora está húmido e não abre, ora está seco e não abre; quer o sistema elétrico funcione, quer a minha mão que vá ao puxador, ela abre ou não abre. 

Espero que não me faça abrir de mais a carteira.

E amanhã a temperatura vai descer mais, o frio vai continuar. Mas agasalhada, sabe bem andar na rua.

Sem Título.png

 

 

Está frio e a minha gata

Maria Araújo, 22.11.15

 

images.jpg

 

acordou-me manhã cedo, queria comer. 

Se encher o prato com ração, ela come tudo, de uma vez só.Não sabe gerir a comida, dou-lhe ração duas vezes por dia.

Então resmungo com ela: "Não, Kat. Ainda é cedo. Espera!", ela mandava uns miaus de mimo... "Já vou, Kat!"

A porta do quarto estava fechada, senão empurrava-a e entrava e eu não quero que ela se habitue a dormir no quarto. Miava baixinho, até que por volta das 8:15h fui dar-lhe de comer.

Voltei para a cama, desta vez encostei a porta, ela costuma dormitar no cesto (forrado com uma mante Ikea) .

Enganei-me. Uns dez minutos depois, sinto a porta ser empurrada. Ela salta para a cama, senta-se em cima das minhas pernas. Nunca faz isto quando estou a dormir. Se estiver sentada no sofá, aí sim, gosta e eu não me importo.

Convicta de que ela iria sair de cima das minhas pernas e deitar-se aos pés da cama, não. Continuou.  Não me mexi até que fui movendo as pernas devagar para ela sair de cima. Nada!

Fui dormitando.Por volta das 10 horas, saiu do quarto. E eu fiquei a dormir até às 11h.

Arrefeceu muito, os animais procuram o quentinho do corpo dos donos e ficam consolados a dormitar.

Sabe-me bem pegar nela e aconchegá-la a mim, mas ela detesta que eu faça isso.Não é quando eu quero, é quando ela quer.