Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

cantinho da casa

cantinho da casa

Sex | 25.01.19

quando a criançada reage à provocação dos jovens

Maria Araújo
Intervalo de almoço na escola  do 1º ciclo aqui da rua. Junto ao pátio há uma passagem que vai dar a uma rua com acesso ao centro da cidade. Os alunos da escola secundária passam por este caminho. Estava eu nas minha tarefas, enquanto fazia o almoço, ouvi uma voz masculina, forte, proclamava qualquer coisa e as crianças gritavam de alegria. Fui à varanda. Nesse caminho, três rapazes negros e duas raparigas brancas, observavam os miúdos que jogavam à bola.  O rapaz mais alto, (...)
Ter | 29.05.18

domingo pelo Porto

Maria Araújo
Festa de aniversário no Porto, eu e minha irmã  não queríamos levar carro, não era possível irmos de boleia, as cadeiras dos meninos nos bancos dos carros grandes não havia espaço para duas pessoas, dei a ideia de viajarmos de comboio, no regresso casa havia boleia. Viajávamos as duas quando a minha irmã me pergunta se tenho batom com cor ( que não uso), esquecera-se de trazer, teria de comprar um, estavamos com tempo, passaríamos num centro comercial, chegaríamos à festa (...)
Seg | 09.04.18

já não se ouvem os pássaros

Maria Araújo
A escola básica do 1º ciclo aqui da rua, que estava fechada para obras há 19 meses, entrou em obras no dia 15 de Janeiro, as crianças estão "alojadas" em contentores num espaço do Agrupamento da Escola Básica do 2º Ciclo. Antes de virem os guindastes, tivemos uma grande surpresa e decepção. As muitas árvores que circundavam o recinto e que faziam sombra para as crianças, que nos dias quentes as procuravam, foram cortadas. Deixaram apenas uma por trás da baliza no campo de jogos. N (...)
Dom | 08.04.18

foi um dia e tanto

Maria Araújo
Quinta-feira, depois da cena do jovem  "o ruivo",  já na descida da rua 31 de Janeiro, o telemóvel tocou. Era a minha amiga M a responder-me  à SMS que enviara (em conversa, no café, no dia anterior, dissera-me  que tinha intenção de ir ao Bom Jesus do Monte, no dia seguinte, supus que iria sozinha). Estava um dia muito agradável, depois desta caminhada, e porque há muito tempo que não vou ao (...)
Sab | 16.12.17

o Natal em Braga é na rua

Maria Araújo
Ontem fui ver o maravilhoso espectáculo de balões, guarda-chuvas, cambraias com uma perfomance que consquistou a criançada e os adultos. Indiscutivelmente, um bom espectáculo de dois jovens  irmãos, em AIR PLAY. Não foi possível fotografar nem filmar, ficam os segundos finais.     Hoje, fui convidada para almoçar em casa da minha irmã. Mal (...)
Seg | 20.11.17

viver a cidade

Maria Araújo
Desde o início do verão passado que não caminhava pela via pedonal da Rodovia. Com este tempo soalheiro, temperatura agradável, o ideal para caminhar, ontem, resolvi voltar a fazer o percurso da via pedonal mas na direcção do Bom-Jesus. O rio Este tem pouco água, mas na pedra desnivelada do seu caminho ela cai e ouve-se o seu som sereno despertando-me o pensamento, talvez a chamar a atenção que há muito limpeza de vegetação a fazer. Quando cheguei à zona dos campos de jogos, (...)
Sab | 17.06.17

Vila Real

Maria Araújo
O calor que não me deixava dormir, a partir das 3h levantava-me de hora em hora. Parecia uma criança que vai fazer o primeiro passeio da sua vida de estudante. Acabei por adormecer, acordei antes de o relógio despertar, preparei as minhas coisas, despachei-me para chegar a horas ao encontro que faço por chegar primeiro ( sou british nas horas). E cheguei. À porta da escola os quatro autocarros já nos esperavam, os alunos também. Os colegas foram buscar as listas, fizeram a chamada, (...)
Qua | 12.10.16

Miró, visto pelas crianças

Maria Araújo
(recebido por e-mail)     Ao verem uma fila enorme para entrar na Casa de Serralves, dois miúdos decidem também ir ver o que se passava. Mal entram, dão de caras com um quadro de Miró. Após uns segundos em silêncio, diz um deles :  "Oh pá, vamos embora, ainda dizem que fomos nós".      
Qui | 21.07.16

já com saudades

Maria Araújo
dos meus sobrinhos netos, que já estão em viagem, regressam hoje a casa, fui despedir-me deles, ontem, um abraço forte muito cheiroso do António. O mais novo, malandro que está, atirou-me um beijo. Enquanto a minha sobrinha fazia as malas, conversávamos. A TV estava ligada na SIC Noticias, quando, de repente, somos interrompidas pela voz do jornalista que anunciava a decapitação de uma criança, de onze anos, Síria.  Olhámos o televisor, deparámos com a filmagem de um homem (...)