Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]




Conta-me como foi vs tolerância

por Maria Araújo, em 13.04.09

 

 

 

 

 

 

Ontem foi dia de Páscoa. A programação da RTP1 não sofreu alteração.

A série dos Domingos deu á mesma hora.

 Ontem jantei em casa de um familiar, mas lembrei-me da série.

A miúda queria ver o Ratatui. Como já está crescida e há certos filmes que já não lhe interessa,"deixou-me" ver o "Conta-me como foi".

Interrompida de vez em quando pela conversa dos adultos, vi com mais atenção a parte final.

O casal Lopes estava no quarto. Ela fazia uma massagem nos ombros  do marido. Conversavam sobre os  problemas do quotidiano.

Este momento fez-me recordar o espírito de luta que existia entre os casais.

Comentei com os meus familiares: " Sempre existiram conflitos entre os casais.  A maioria  seria por falta de dinheiro. Esta carência fazia com que se unissem para  que nada faltasse aos filhos.

Hoje, os casais não têm os espírito de sacríficio. Discutem. Não há conversa. Não há tolerância. Tudo se torna uma rotina. Por qualquer motivo separam-se."

 

A tolerância precisa de ser incentivada. A comunicação precisa de ser alimentada  com o respeito pela individualidade,  a diferença de ideias  e o espaço de cada um.

Talvez eu seja um pouco sonhadora.

 

 

Início

Autoria e outros dados (tags, etc)


8 comentários

Sem imagem de perfil

De S. a 14.04.2009 às 21:43

Já não passava por aqui há algum tempo...
Acho que a comunicação e a tolerância são essenciais para uma boa relação, seja de que tipo for. Sem diálogo é impossível resolverem-se os problemas... não passa duma forma de fugir deles. E sem tolerância, apenas se agrava uma situação que já esteja má. Por pequenos erros, falta de tolerância, às vezes, acaba-se com a nossa e com a felicidade dos outros.
Espero que a Páscoa tenha sido boa :-)
Beijinhos
Imagem de perfil

De Maria Araújo a 14.04.2009 às 22:34

Olá, Ana Sofia.
Tenho espreitado o teu blog, mas não tens postado há algum tempo.
Espero que estejas bem.
As notas foram boas????? De certeza que foram óptimas.
Quanto ao teu comentário, concordo com o que disseste.
A tolerância tem de existir entre todos: irmãos, pais, casais, amigos, colegas , animais e com a própria natureza (esta torna-se intolerante com as provocações/desafios do homem).
Beijinho
Sem imagem de perfil

De WAI a 14.04.2009 às 10:15

Parece-me que estamos mesmo na era do fast...em tudo! Aquele alimento que enche na hora para esvaziar rápido e que só faz mal à saúde! :(

beijinho
Imagem de perfil

De Maria Araújo a 14.04.2009 às 16:21

Olá. Obrigado pelo comentário.
Esvaziam o coração, o corpo,o carinho, a mente.
Para "fast" acho que a basta a vida.
As relações familiares devem ser tratadas com carinho, calma, suavidade, com tempo. Por que é com o tempo que a vida se constrói.
Sem imagem de perfil

De comecardenovopt.blogspot.com a 13.04.2009 às 23:56

Concordo plenamente com o que diz: hoje os relacionamentos não duram.., nem as amizades.., nem os namoros e muito menos os casamentos..Não há tolerância.., não há respeito e não há paciência. Ao 1º desentendimento.., à 1ª dúvoda..., acaba-se tudo; não há tempo para sentar, conversar, ver o que é preciso mudar. Vai-se pelo caminho mais fácil e nem importa se há filhos, se estes vão sofrer ou não. Estou casada há 33 anos..., não houve problemas? Houve muitos..., não houve divergências? Muitíssimas...; motivos para se pensar em separar? Claro que os houve...; mas lutou-se, conversou-se.., cedeu-se. Valeu a pena? Claro que valeu! Tenho uma família linda a quem tentei passar estes valores. Muito obrigada pelo tema. Adorei..; achei importantíssimo! Quando puder.., passe pelo comecardenovo..; quem sabe, trocaremos ideias sobre temas importantes. fico à espera da sua visita
Emília Pinto
Imagem de perfil

De Maria Araújo a 14.04.2009 às 16:23

Olá.
Penso que é a promeira vez que a leio. Obrigado.
Fico contente em saber que lutou pelo casamento, pelos filhos, pela felicidade.
Vou passar no seu blog.
Beijinho
Sem imagem de perfil

De comecardenovopt.blogspot.com a 14.04.2009 às 21:49

È sim a 1ª vez, mas de certeza que não vai ser a última, pois estou a gostar dos assuntos. Até breve. Gostei da comparação com o fast food. Com a família e com as pessoas temos que deixar essa palavra o mais depressa possível

emília pinto

Comentar post



foto do autor


Mundial 2018 "Bora Portugal"


o meu instagram


Desafio - Foto da Semana


2º desafio de leitura

desafio

fotogatia


Encontros - eu vou

eu 1..jpg encontro 3º Encontro.png 4ª Encontro.png Selo 5º Encontro.PNG 6º. Encontro Bloggers (selo v1).jpg

Encontros - eu fui

IMG_2230 (2).JPG MARCADOR

desafio temático de fotografia

20396075_DY5aH.jpeg




Arquivo

  1. 2018
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2017
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2016
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2015
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2014
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2013
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2012
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2011
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2010
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2009
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2008
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D