Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

cantinho da casa

cantinho da casa

"A imaginação ao sabor do prazer"

No blog da Treta, cujo debate de ontem foi sobre o tema "A imaginação ao sabor do prazer", o amigo carapaucarapau, comentou este debate com dois poemas.

 

Copiei este de Natália Correia.

 

Estas palavras são a explosão real do prazer de uma mulher.


COSMOCÓPULA

Membro a pino
dia é macho
submarino
é entre coxas
teu mergulho
vício de ostras

II

O corpo é praia a boca é a nascente
e é na vulva que a areia é mais sedenta
poro a poro vou sendo o curso de água
da tua língua demasiada e lenta
dentes e unhas rebentam como pinhas
de carnívoras plantas te é meu ventre
abro-te as coxas e deixo-te crescer
duro e cheiroso como o aloendro.
 

djani-celija2

 

 

4 comentários

Comentar post