Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

cantinho da casa

cantinho da casa

Sex | 04.05.12

Há sempre

uma novidade que faz esquecer outra.

No dia 1 de maio foi o Pingo Doce e sua polémica campanha, que agradou a muitos, para protestos e comentários de outros.

 

 

 

 

 

Agora, vem a menina Rita Pereira fazer esquecer os acontecimentos recentes.

Como se ser capa de revista, neste caso a PlayBoy, fosse uma ótima notíca para a nossa vida e viesse aliviar a situação apertada em que nos encontramos.

Mas isto sou eu que estou a divagar.Não leio revistas cor de rosa, não leio a Play Boy, não vejo novelas.

A rapariga pode ser uma bomba, ok, mas ser motivo de tanta publicidade nos jornais e TV? (nem falo dos blogues, FB,comentários, porque aqui, sim, o sexo masculino tem todo o direito a opinar).

Numa revista que , algures no tempo,  quando estava escondida nos quiosques e, sorrateiramente, abriamos uma página e espreitávamos o que nos era proibido, os nus apetitosos e provocadores, era alvo da nossa curiosidade, tinha outro sabor.

Hoje, em qualquer quiosque, supermercado, hipermercado, café, as revistas estão à disposição de qualquer um, inclusive crianças.

Não sei qual é a sensação. É uma mulher Portuguesa, pois então. E daí?

Fez o que gostou.

 

 

Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.