Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Cantinho da Casa

Cantinho da Casa

31.10.10

802 - Portugal no mundo

Maria Araújo

 

 

 

Conheci esta jovem num destaque no Sapo. Desde então, tenho visitado o seu blogue. Simples,  fresco, objectivo, sobre a sua vida na China, onde está a estudar.

Hoje escreveu sobre a participação de Portugal na Expo de Xangai, e no sucesso das nossas deliciosas natas, por terras do Oriente.

Fui espreitar o pavilhão de Portugal.

 

 

 

 

 

 

Pavilhão de Portugal

O Pavilhão materializa a ideia de ‘praça’ como um território de urbanidade, espaço de memória e palco de mudanças, transmissor da ideia de espaço público de excelência que, pelo seu carácter multifuncional e pelo modo como é apropriada, confere identidade à cidade e representa quem a ocupa. Tratando-se da cidade portuguesa, ilustra a identidade do país.

O Pavilhão de Portugal está concebido tendo em conta:
  • A sua contribuição, sobretudo através dos conteúdos expositivos, para a projecção da política nacional de sustentabilidade económica e ambiental, por via do fomento e utilização de energias renováveis;
  • A divulgação da mensagem de Portugal como um país de referência mundial no âmbito
    da produção e tecnologia de energias renováveis, eficiência energética nos edifícios públicos, estímulo à utilização de energia solar em edifícios de habitação e Programa para a Mobilidade Eléctrica, nomeadamente o carro eléctrico;
  • A divulgação de avanços na área da investigação, desenvolvimento tecnológico e realizações empresariais ao nível das energias renováveis, utilizando meios tecnologicamente avançados que favoreçam a interactividade e que possibilitem a fruição e a interacção com o público;
  • O seu papel enquanto objecto construído, capaz de ser fruído na sua plenitude por indivíduos de mobilidade reduzida;
  • A incorporação de modelos/protótipos e tecnologia nos conteúdos do Pavilhão de Portugal,
    no domínio das energias alternativas e da eficiência energética, através da celebração de protocolos e parcerias com institutos públicos e universidades.

 

E as natas:

 

2 milhões de pasteis de nata vendidos em 184 dias no Pavilhão de Portugal da Expo 2010 Shanghai

 

 

 

 

Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.