Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]




uma música

por Maria Araújo, em 30.11.19

80 anos de Tina Turner, recordando David Bowie.

 

Cantinho da Casa

desafio de escrita dos pássaros # 12

por Maria Araújo, em 29.11.19

# Tema doze - cantinho da casa

 

Aqueles pássaros não se calam

 

14012074_u8jEB.jpeg

(foto de 2012)

 

Marcaram uma vídeo-reunião. Combinado o dia e hora, compromiso é compromisso, todos confirmaram que sim e que seriam pontuais
Quem tomou a palavra foi um caniche de pêlo rosa choque :
" Meus amigos, gostaria de agradecer a vossa presença, convoquei esta vídeo-reunião para para vos comunicar que "Aqueles pássaros não se calam".
"Pássaros?!"
Ouviram-se chilreios, latires, ronronares, ...
"Sim! Os pássaros que são as nossas famílias!
Dizem eles que somos adoptados. Tenho pensado muito nisto. Questionei-me e questiono-vos : será que eles pensam no bem que lhes fazemos durante os dias da semana que nos deixam horas sozinhos a tomar conta da casa, ficamos ansiosos à espera que cheguem e quando entram e queremos mostrar a nossa alegria, encostamo-nos a eles para lhes dar as boas-vindas, dizem: " sai da frente", " está quieto", " agora não posso levar-te à rua", e só nos dão atenção quando após o jantar e depois de deitarem as crias, sentam-se no sofá para receberem os nossos mimos e aconchego? Sabem a que conclusão cheguei?
Fomos nós que os adoptamos! Nós damo-lhes a liberdade de falarem o que quiserem. Ouvimo-los, damos-lhe um mio, um latir, um pio, enfim, cada um na sua língua, confortamo-los. Porque queremos vê-los felizes. Porque a felicidade deles é a nossa felicidade.
Claro que eles cuidam de nós: levam-nos à rua a passear para fazermos o xi-xi e o cocó, levam-nos ao veterinário, deixam-nos cantar ao desafio, às vezes deixam-nos namorar uma canita, uma gatita, uma periquita... Vós sabeis do que estou a falar.
E porque digo que aqueles pássaros não se calam? Porque sabeis que estão a "disputar" um desafio de escrita, e a semana passada fomos nós os personagens.
Imagino o que cada um escreveu. Somos seres meigos e gratos a quem nos faz bem, tenho a certeza que falaram bem deles. Estou certo?"
Todos acenaram que sim .
"Alguns dos nossos amigos morreram há alguns anos. O que fizeram as famílas neste desafio? Prestaram-lhes homenagem fazendo-se passar por animais como nós e contaram o que fizeram durante a vida. No final da história, manifestaram as saudades que tinham dos nossos amigos.
Deixaram-me muito feliz e emocionado.
Por isso, fossemos nós adoptados pelos humanos, fossem eles adoptados por nós, eles são a nossa vida. Tratam-nos com carinho, cuidam de nós.
Estou aqui para vos mostrar o meu reconhecimento do quanto lhes fazeis bem.
Obrigado a todos."
Em uníssono ouviram-se as vozes destes animais.

Imagem relacionada

 

Cantinho da Casa

é amanhã

por Maria Araújo, em 28.11.19

2019-11-28 (2).png

e há dias que os nossos ouvidos e olhos só ouvem e lêem Black Friday,já estou cansada de ouvir a toda a hora, excepto agora, que estou no pc, sem o rádio e/ou televisão ligados.

Eu até preciso de um ferro de engomar e uma varinha mágica, mas não vou a correr para aproveitar os descontos.

Provavelmente, arranjarei melhor depois deste dia.

Mas também há a blackweek, e a black weekend.

 

 

 

Cantinho da Casa

na fila

por Maria Araújo, em 27.11.19

 

 

Fui buscar o carro de manhã cedo, vim directa para o ginásio, não fiz reserva de aulas, vim a tempo de levantar a senha para a aula de anti gravity.

A fila das "velhotas" para a aula de hidroginástica era comprida.

Pus-me atrás, eis que vem um casal, ela mete-se à minha frente e diz para ele: só falta um minuto".

Comento eu: " que é isto, passa à frente?"

Ignorou-me.

A senhora que estava atrás de mim também parecia querer ter a senha antes de mim.

Mas a minha é diferente.

Esta gente é tão egoísta com as senhas!

Será que vou ter estas atitudes quando for um pouquinho mais velhota?

Detesto estes comportamentos!

IMG_20191127_101522.jpg

 

Cantinho da Casa

é a primeira vez

por Maria Araújo, em 26.11.19

Fui levar o carro à oficina para o levarem à inspecção.

Passei pela Arcada, já se vê montar a árvore de Natal da cidade, o que me levou pensar fazer as decorações cá em casa.

Já fui buscá-las à garagem, assim não perco a vontade.

É a primeira vez que vou fazer as lides natalícias em Novembro.

Este ano não vou comprar decorações, há que poupar dinheiro, uso o que tenho.

decoracao-de-natal-2018-100.jpg

(imagem da net)

 

 

 

Cantinho da Casa

as redes sociais

por Maria Araújo, em 25.11.19

a exposição das nossas vidas nas redes sociais deixam-me preocupada.

Quando escrevo algo sobre a minha família, sobretudo dos meus sobrinhos netos, tenho cuidado de escrever o minímo.

Lendo este e este textos, faço o meu feed-back recente no que a posts diz respeito, porque não publico nada no FB, revejo o que publiquei e a maiorira das vezes apago o que escrevi.

Hoje, eliminei mais um.

 

Cantinho da Casa

que se lixe a matemática!

por Maria Araújo, em 25.11.19

comentará para si JJ.  " Fui aplaudido e tive agradecimento especial do PR".

Da minha sobrinha residente no Rio de Janeiro, recebi isto, ontem à noite.

 

Cantinho da Casa

uma foto # 47

por Maria Araújo, em 24.11.19

cantinho (2).png

Cabo da Roca (2016)

Cantinho da Casa

desafio de escrita dos pássaros # 11

por Maria Araújo, em 22.11.19

# Tema onze - cantinho da casa


Um dia na tua família… do ponto de vista do teu animal de estimação

 

18811387_651bN.jpeg

"Olá, sou a gata Kat, tenho nove anos, fui adoptada por este Pássaro que, às vezes, apetece-me dar-lhe cabo das penas. É que um dia quase caí da varanda quando vi um passarinho passar à frente do meu nariz e ela deu um grito com medo que caísse. E eu adoro a liberdade desta casa.
Então ela disse -me que o grupo dos Pássaros se lembrou de me pôr a falar como é um dia na minha família!
Família?! Que família?!
À excepção dos irmãos dela, os sobrinhos só se lembram de me visitar e cansar a minha beleza nos dias de festa e pelo Natal.
Ai, que o Natal está perto! Lá vão eles chateá-la: "Onde está a Kat?" E andam pela casa à minha procura para me provocarem. Mas eu mando-lhes um bufo. E a minha Pássaro leva-me para a sala da varanda, fecha-me lá, com a minha comida e a liteira, até eles, bem comidos e bebidos, irem para as suas casas e voltarem umas horas depois, encherem aqueles estômagos de boas comidas. "Ai, que cheiros chegam aos meus bigodes!"
Mas a minha Pássaro trata-me muito bem. Quando faz pescada cozida e me dá uns pedacinhos, lambo a minha boca até chorar por mais.
Ah! Um dos meus prazeres é acordá-la de manhã cedo para que abra a porta da varanda e eu possa ouvir outros passarinhos, ou para me dar de comer se tenho o prato vazio.
Deitada na cama , diz: "Shiu! Cala-te! Deixa-me dormir! " E eu mio, mio, até que ela se levante e venha fazer o que eu quero. Por que ela conhece-me bem e sabe o que preciso.
Escolho os cantos que mais gosto para as minhas sonecas, desapareço e: "Onde estás kat?!" e eu não lhe respondo. Se quiser que me procure.
O pior é quando ela vai passear. Se levar a mala vermelha, vai para o ginásio, volta mais logo; se for a cor-de-rosa , vai demorar três ou mais dias. Resmungo para os meus bigodes: " Pronto, lá vêm os familiares! E fico contente se vem a Sofia, a sobrinha, que me conhece bem."
E quando ouço o ruído do prato pequeno do meu patê?
Se estou na preguiça da soneca, levanto-me logo e vou roçar-me nas pernas dela por tão bom petisco, que adoro.
E pronto! Muito mais havia a contar-vos, mas só tenho 400 palavras para usar, e já as ultrapassei.
Miau!"
Kat

 

 

Cantinho da Casa

Évora

por Maria Araújo, em 21.11.19

No dia seguinte, chovia em Lisboa, pensei que iríamos ter sol em Évora, apanhamos fortes cargas de água durante a viagem . 

Mal chegamos, chovia bastante nesta cidade alentejana, estava vento e frio, esperamos que passasse a chuva para visitarmos o centro.

IMG_5604.JPG

IMG_5607.JPG

Fomos comer umas empadas ao Café ao Arcada, um café histórico que a minha sobrinha conhecia, ficou, contudo, decepcionada. O conceito mudara. 

No balcão, a caixa de pré-pagamento junto ao espaço de serviço dos funcionários, obrigava os clientes a fazerem uma fila impedindo aqueles de circular. Tudo mal organizado, serviço fraco, funcionários pouco simpáticos e eficientes, mesas por limpar: " hoje temos muita gente" , dizia a funcionária se algum cliente comentava a confusão.

Saímos dali, fomos procurar o restaurante Café Alentejo que o José da Xã me indicara.

Encontramos numa rua a escassos metros da Praça Giraldo, a porta fechada, tinha o número de telefone afixado, queríamos reservar mesa ( sugestão do José), ligamos imensas vezes, ninguém nos atendia.

A chuva deu alguma trégua, dirigimo-nos à Igreja de São Francisco, estava a decorrer uma missa, demos uma volta pelo exterior, fui ver a Capela do Ossos... E fiquei impressionada

IMG_5595.JPG

IMG_5573.JPG

IMG_5599.JPG

IMG_5587.JPG

IMG_5592.JPG

Hora de almoçar, passamos no restaurante Café Alentejo. Estava aberto!
Perguntaram se tínhamos reservado mesa, comentamos que ligáramos várias vezes mas não atenderam o telefone.

Levaram-nos para uma mesa que ficava num canto junto ao balcão, ficamos bem instaladas, escolhemos as entradas, e os pratos.

E comemos muito bem.

Gostei muito, José. 

Seguimos para a Catedral, e ficamos deslumbradas com as vistas. 

IMG_5611.JPG

IMG_5615.JPG

IMG_5618.JPG

IMG_5625.JPG

IMG_5629.JPG

IMG_5631.JPG

Visitamos o Museu ( não é permitido fotografar), passamos pelo Templo de Diana.

IMG_5635.JPG

As nuvens ameaçavam chuva, abrigamo-nos algures num café.

Meio da tarde, ficava noite para regressarmos a Lisboa, andamos a explorar as ruelas lindas e cheias de estudantes e estrangeiros, deixamos para uma próxima visita, com sol e se possível na hora de Verão, os muitos Museus que ficaram por ver.

IMG_5637.JPG

Hei-de voltar, Évora.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Cantinho da Casa

Pág. 1/4



foto do autor



1º desafio de escrita 2019 2º desafio de escrita 2020


o meu instagram


1º desafio de leitura - 2015 2º desafio de leitura - 2017 3º desafio de leitura - 2019

desafio




Arquivo

  1. 2020
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2019
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2018
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2017
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2016
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2015
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2014
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2013
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2012
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2011
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2010
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2009
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D
  157. 2008
  158. J
  159. F
  160. M
  161. A
  162. M
  163. J
  164. J
  165. A
  166. S
  167. O
  168. N
  169. D

Encontros - eu fui

IMG_2230 (2).JPG MARCADOR