Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Cantinho da Casa

Cantinho da Casa

um título que me prendeu a atenção

Maria Araújo, 29.04.19

e depois de ler este artigo, em destaque na homepage do Sapo, sinto vergonha que na minha cidade, que tem muitos, mas muitos adeptos do Benfica, aliás, as imagens que passaram nas notícias vêem-se os dois presidentes lado a lado, e contentes, que me pareceu de amigos, com o que aconteceu ontem no jogo, embora os comentários fossem que dois pénalties ao SCB não se tivessem justificado, a polícia fosse "em cima" dos adeptos do Benfica porque estavam a festejar com pirotecnia, assim como o exagero, durante a coreografia,  se ver um pano, ou painel, nem sei, vi agora no post, que tapava toda a bancada os visitantes adversários.

Haja mais respeito pelas pessoas, e de todos clubes, e façam do futebol um espectáculo digno de se ver, independentemente de quem ganha e/ou perde. 

Ando out do futebol, cada ano que passa mais me desiludem os comentadores que, em avalanche, dominam todos os canais de televisão, e sempre a bater na sua tecla clubística, que me enjoa.

Este ano nem do meu Braga me interesso. Espreito a página da Liga quando quero saber o resultado...como foi o caso de ontem.

Para finalizar este post, o Minho é Benfica, sim, e nessa zona, onde foram almoçar o bom bacalhau e outras iguarias da gastronomia minhota, toda ela é benfiquista. Já por lá andei, e, confesso, são terríveis no que ao futebol diz respeito.

 

 

 

do fim de semana # 1

Maria Araújo, 28.04.19

Sábado, pela primeira vez,  fomos à actividade "Sessões Pais & Bebé" nesta biblioteca, assistir ao conto " A Carochinha e o João Ratão",  para crianças dos 12 aos 36 meses de idade.

Além da história,  pretendia-se que as crianças tomassem  contacto  sensorial com os objectos que faziam parte da história.

A história demorou o tempo suficiente para as crianças a ouvirem, a maioria portou-se muito bem contrariamente a alguns pais que falavam muito alto e perturbavam a actividade.

No final, os miúdos brincavam com legos, pequenas garrafas de plástico com areia, brinquedos, enquanto outros sentavam-se à volta de uma pequena mesa para a sessão de pintura.

Eu e a minha sobrinha não estávamos à espera que o bebé ( meu sobrinho neto) tivesse um comportamento exemplar. Sempre atento à história, era a canção que captava a atenção dos miúdos, na interacção com os outros bebés, na brincadeira com os materiais que, pelo tacto, visam promover o desenvolvimento da criança.

IMG_20190427_164001.jpg

IMG_20190427_165418.jpg

Depois da sessão, fomosao lanche numa esplanada, e um passeio pelo centro da cidade. O bebé, que adora empurrar o carrinho, lá foi de mão dada com a mãe, a outra tia avó empurrava o carrinho e eu fotograva a cena.

IMG_20190427_180459.jpg

Combináramos passar o domingo na praia, passaríamos por Fão, almoçaríamos por lá, queríamos ver o tapete de flores feitos de pétalas de camélias, pampilos, cravos e cardos, para a festa do Bom Jesus de Fão, estando o tempo com sol, aproveitaríamos, também, para levar o bebé à praia e deixá-lo sentir a areia nos pés.

Deixámos o carro no parque do aldeamento, fomos pelo paredão junto ao rio Cávado em direcção a Fão.

IMG_5225.JPG

IMG_5228.JPG

IMG_5226.JPG

IMG_5229.JPG

IMG_5232.JPG

Chegamos à praça, não vi o tapete de flores na rua.

Aproximamo-nos da igreja, lá estava ele aos pés do altar, lindo e cheio de luz.

IMG_5236.JPG

IMG_5237.JPG

Um espelho permitia que víssemos o outro lado do tapete.

IMG_5246.JPG

Subi as escadas que me levaram atrás do altar para tirar uma fotografia de outro ângulo quando escuto um homem que, sentado junto a uma mesa, presumo que guardava o crucifixo do Senhor onde tinha a seus pés uma bandeja com dinheiro, me disse que teria uma perspectiva mais bonita de todo o tapete se subisse as escadas que  dão acesso ao coro, estas do lado direito da igreja.

Comentei que esperava ver o tapete na rua,a resposta foi que há um tapete que é feito na rua, sim, de quatro em quatro anos e quando a imagem do Senhor dos Passos vai no cortejo da procissão. 

IMG_5250 (2).JPG

E assim o fiz...

IMG_5251.JPG

IMG_5254.JPG

 

Pág. 1/8