Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]




coisas do meu dia

por Maria Araújo, em 04.08.17

 

 

Estou farta de ouvir falar francês.

Hoje, fui levantar dinheiro.

Aproximei-me da caixa multibanco, quando um senhor passou à frente. Este era mesmo francês, deixei-o ir.

De repente, verifico que atrás de mim está uma família.

O "chefe" aproxima-se da caixa multibanco e fala em francês com o senhor que tenta levantar dinheiro. 

Percebi que a família portuguesa trouxe a família francesa.

Demorou algum tempo a fazer operação.

Quando o francês acabou a operação, eis que o chico esperto do tuga, que se deixou ficar ao lado daquele, rapa do seu cartão e trata de levantar dinheiro. As filhas adolescentes olhavam  para mim.

Não disse nada. Mas fiquei zangada.

Três vezes meteu o cartão, três vezes ele fez  operação, presumo para levantar dinheiro suficiente, a terceira para ver o saldo.

Contrariamente ao que costumo fazer, e porque detesto vê-los parados e resmungo comigo mesma, parei meu carro em segunda fila convicta que não demoraria mais de dois minutos.

Esperei muito mais.

Não tenho nada de nada contra os emigrantes, mas estou farta de os ouvir em todo o lado que vou.

 

 

 

Início

Autoria e outros dados (tags, etc)

o verão está como eu gosto

por Maria Araújo, em 03.08.17

 

19863088_AjsGI.jpeg

 

O calor que este ano dava a entender ficar pelo verão fora, parece que decidiu  ir para outras bandas.

Apesar de os incêndios que assola(r)am este país ( há um ano foi assim) e com as temperaturas de primavera do mês de Julho, mas porque as terras estavam secas, a chuva das estações passadas não foi abundante, e porque o homem teima em queimar uma das preciosidades do nosso país, o verão está como eu gosto.

E o primeiro dia de Agosto, mostrou, subtilmente, que é o primeiro dia de inverno. Na verdade, as noites já não são as quentes de Junho passado. Sabe bem da colcha da cama porque se sente frio de  noite, ou mudar os calções e o top de dormir  para um pijama completo de calça e t-shirt. As blusas com manga sabem bem nestas manhãs frescas deste Agosto primaveril. O regresso à minha varanda, porque o calor não aperta, e ficar sentada debaixo do guarda-sol a desfrutar dos livros que leio neste verão.

Agosto, o mês dos emigrantes, o mês das férias para a maioria dos portugueses, o mês das marés vivas e das nortadas, é o mês que raramente saio para ir à praia. E há três semanas que lá não vou, sinto que está a fazer-me falta e ficar até ao pôr-do-sol

Estivesse na praia, e porque as do norte são mais frescas, há humidade, há ventos, há nevoeiro, iria lamentar-me.
Como estou na cidade, uma cidade quente e seca, que no mês de Julho, e a continuar no mês de Agosto, com temperaturas agradáveis, está o verão como eu gosto.

As temperaturas vão subir entre 9 e 15 de Agosto,  ( mapa para  as praias do norte) há que aproveitar estes dias porque descem a seguir, e o mês será todo de primavera. 

Setembro vem com a primeira quinzena com temperaturas de verão, mas não demasiado altas, e a segunda quinzena vai ser de verdadeiro outono.

«Primeiro dia de Agosto, primeiro dia de inverno», já se vêm as lojas com peças da colecção de Outono-Inverno 2018, já se pensa que o Natal chega breve. Eu já pensei.

 

Início

Autoria e outros dados (tags, etc)

as três cores do meu outono

por Maria Araújo, em 02.08.17

pre-fall-chanel-sem-cor (1).jpg

 

Sempre tive tendência para o vermelho, que gosto de usar sobretudo na roupa de inverno com os casacos compridos pretos, quer seja nos vestidos, quer seja nas camisolas com calças e/ou saias pretas.

Ora, há algum tempo que tenho andado a ver o que se passa nas passerelles, e embora já se vejam as colecções de Primavera-Verão 2018, mas isso é lá para os países do hemisfério sul que caminham para a primavera, verifiquei que o vermelho está em alta para a próxima estação. 

O comprimento das saias desceram. Se nos tempos áureos da juventude vestia as célebres maxi-saias e vestidos, e não ligava nada à altura, agora não, e embora com algumas reticências, só com botas sou capaz de as usar.

Então, fui  até ao Pinterest e trouxe algumas cores e peças que gosto e que visto, com certeza, se encontrar os modelos certos.

Sendo fã de casacos compridos pretos, e tenho-os, são estas as cores ideiais para o meu outono 

Começo pela minha cor preferida.

 

 vermelho

vermelho.png

 

 azul

azul..png

 

cinza

cinza +.png

 

Início

Autoria e outros dados (tags, etc)

ainda o artista de rua

por Maria Araújo, em 01.08.17

A propósito deste post, e porque estou sem carro por dois dias ( emprestei-o à minha irmã para se deslocar para o trabalho, a cerca de 35km cá do burgo) fui a pé resolver um pedido que ela me fez.

Saí por volta das 11h, o percurso era precisamente pelas ruas em que tinha de passar os cruzamentos que faço de carro.

Aproximando-me do primeiro (1), com cerca de seis carros parados à espera que o sinal verde abrisse, o jovem acabara de fazer a sua exibição.

Quando passava mais perto, ouvi ele dizer:

- Obrigada. Bom-dia, bom-dia. Hoje é terça-feira. Sorriam. O dia já começou, haja boa disposição.

E agradecia a moeda a cada um dos condutores que, entretanto, a deixavam no chapéu e arrancavam porque o sinal passara a verde.

Garanto que, desses seis condutores, todos deram a moeda. 

A próxima que o apanhe, vou tirar uma fotografia.

Sem Título.png

 

Descia eu a rua em direcção ao segundo cruzamento (2), vislumbrei ao longe o pedinte do costume.

Agasalhado até à cabeça, hoje com duas muletas, em vez de uma, as calças dobradas acima do tornozelo, deixavam ver as habituais ligaduras brancas.

Nenhum carro parado nos semáforos.

A meio da rua, dois carros pararam. O homem preparava-se para descer o passeio para o peditório. Mas viu-me.

Quando passei, sorriu e disse: " dê-me uma moeda".

Sinto uma imensa falsidade no homem. Anda há anos neste teatro da vida, e eu não gosto disto.

Segui o meu caminho sem lhe responder.

 

Início

Autoria e outros dados (tags, etc)

Pág. 5/5



foto do autor


desafio dos pássaros



o meu instagram


1º desafio de leitura - 2015 2º desafio de leitura - 2017 3º desafio de leitura - 2019

desafio




Arquivo

  1. 2019
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2018
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2017
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2016
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2015
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2014
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2013
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2012
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2011
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2010
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2009
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2008
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D


Encontros - eu fui

IMG_2230 (2).JPG MARCADOR