Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Cantinho da Casa

Cantinho da Casa

Passeio 2

Maria Araújo, 16.07.09

passeio 030 por você.

 

passeio 015 por você.

 

 

Saímos de Braga , com um sol fantástico, por volta das 9:30 horas, em direcção a Viana do Castelo onde parámos para tomar café.

Quando lá chegamos já estava a ameaçar chuva, mas ainda deu tempo para irmos comer uns bolinhos deliciosos numa esplanada de um café sito na Praça da República.

Quando íamos em direcção a Caminha, virámos para o Parque de campismo na esperança de que a chuva passasse.

Alguém teria dito que a chuva marcaria a sua presença entre as 11  e as 15 horas.

Caía com alguma intensidade. Não era possível fazermos o nosso passeio pelo pinhal nem sequer almoçarmos por lá.

A nossa Directora resolveu o assunto. E lá fomos todos, em dois autocarros, para trás em direcção a...

O farnel estava muito bom.

De vez em quando o sol espreitava e sorria a convidar-nos para a praia.

Mas as nuvens também persistiam em encobri-lo.

Saímos em direcção à praia de Cabedelo a cerca de 5km do local onde nos encontrávamos.

Quando chegámos à praia...hummmmm, que delícia!  Sol quentinho, a maré vaza, alguns veraneantes pela praia e, como se vê nas fotos, o desporto em movimento.

Os homens foram dar uns pontapés na bola, as mulheres bronzeavam-se, outras foram dar uma caminhada pela beira-mar...até que levantou-se um vento mais forte, daqueles que fazem os grãos de areia meterem-se no corpo, nas toalhas, nos sacos.

Fomos para as dunas.

Ficamos na treta até às 17:30horas. 

No trajecto praia/pinhal vi, rodeado por vegetação pobre e selvagem, o edifício triste e abandonado da discoteca Luziamar, onde passei momentos de euforia, paixão, diversão.

Várias gerações passaram por lá.

Senti uma nostalgia daquele tempo.

O lanche esperáva-nos, lá, no pinhal. Camarão, pão-de-ló, doces, cerveja, vinho, água , sumos, fruta, queijo.

O final de tarde arrefecera. Conversa, passeio pelo pinhal, café e passou o dia. Saímos por volta das 20:30h, sem nuvens no céu, sol a pôr-se, e com a expectativa de uma Sexta-feira de praia quentinha.... Porque o Verão parece não querer nada connosco.

 

 

 

 

 

1 comentário

Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.