Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]




Ainda as ruínas

por Maria Araújo, em 12.11.08

Hoje tive que ir ao centro da cidade. Passo junto às obra, pois vivo a 5 minutos da Praça central de Braga.

No regresso, a minha sobrinha, 10 anos, linda e inteligente, puxa-me pelo braço e leva-me a ver as ruínas que falei no post de ontem. Explicou-me que tem lá uma gruta por onde corre água e que os "homens" vão destrui-las para reconstruir a avenida.

Todos os transeuntes que por lá passam espreitam para ver o que de certeza não esperavam ver, em pleno centro.

Em conversa com um amigo soube que os arqueólogos dizem que as ruínas são da Idade Média e não da época  Romana.

O que sei é que são ruínas e que deveriam ser preservadas . Já chega de se destruir um património tão importante e antigo, como já fizeram há anos, com azulejos, fontes em pedra e muito mais que eu não sei, e que foram levados e/ou vendidos a grandes senhores que ousaram colocá-las nos jardins das suas quintas, longe dos olhares sábios, e em prol de uma sociedade ávida de dinheiro e construção desmedida.

Sendo uma avenida importante de ligação a várias ruas, penso que seria de bom senso dos autarcas e dos arqueólogos preservarem aquilo que pode chamar o turismo à terra dos Arcebispos e encontrarem uma solução que leve o trânsito a ser desviado por e para outras vias de acesso... Mas o túnel tem que existir, não tem?????!!!!!!

 

 

 

PB100013 por você.

 

 

 

 

Início

Autoria e outros dados (tags, etc)


2 comentários

Imagem de perfil

De Tretoso_Mor a 12.11.2008 às 09:46

Cantinho da Casa,

Sabes que a descoberta de ruínas com valor histórico, é sempre complicado para quem é o proprietário do terreno, pois fica tudo parado, e o estado demora anos a indemnizar os proprietários.
Percei que neste caso é diferente, pois o proprietário deve ser o próprio Estado. Nesses casos, como a indemnização fica em casa, é mesmo para destruir.

Uma pena!

tretices solidárias para ti
Imagem de perfil

De Maria Araújo a 12.11.2008 às 16:28

Sim, neste caso é da própria autarquia.
Passei lá há pouco. Já tiraram os plásticos que tapavam grande parte delas.
Quem passa por perto pára para as ver.
Ouvi que a obra, do lado das ruínas, está parada.
Será que as entidades responsáveis, IPPAR e a autarquia estão a tentar chegar a alguma solução?
Mas de certeza que vai tudo "por água abaixo", neste caso, "terra abaixo".
Abraço

Comentar post



foto do autor


instagram@mariaaraujo



Desafio - Foto da Semana


2º desafio de leitura

desafio



desafio temático de fotografia

20396075_DY5aH.jpeg


Encontros - eu vou

eu 1..jpg encontro 3º Encontro.png 4ª Encontro.png Selo 5º Encontro.PNG 6º. Encontro Bloggers (selo v1).jpg

Encontros - eu fui

IMG_2230 (2).JPG MARCADOR


Arquivo

  1. 2018
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2017
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2016
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2015
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2014
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2013
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2012
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2011
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2010
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2009
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2008
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D