Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]




o pneu

por Maria Araújo, em 30.06.15

Sem Título.png

 

Assumo e não me sinto mal em o dizer: "não sei mudar o pneu do carro. Aliás, a minha dificuldade é pôr o macaco e fazer subir o carro".

Pegar na chave de rodas e tirar as porcas, acho que não é por aqui o problema.

Das três vezes que tive furo, a primeira foi enquanto conduzia, nas outras o carro estava parado.

O carro está em frente à minha garagem, não perturba ninguém. Para não incomodar a família, pedi na oficina,  onde entrego de confiança o carro, que fizessem o favor de virem mudá-lo e o levassem para uma pequena revisão (costumo fazer sempre no verão), porque a revisão mais pormenorizada é feita no mês de inspeção.

Actualmente uso o carro para longos percursos, quando tenho muitas compras para fazer, quando vou à piscina e porque tenho de levar um saco cheio de tudo ou quando chove, porque o meu dia a dia faço-o a pé. 

Quarta-feira passada foi feriado cá. Na quinta de manhã cedo passei na oficina e pedi o favor de virem mudar o pneu e mais tarde deixaria o carro lá para a revisão. 

Ninguém apareceu.

Na sexta-feira, o meu cunhado prontificou-se a mudá-lo, liguei para a oficina a dizer que já tinha quem fizesse o serviço, pelo que a revisão ficaria para segunda-feira. Só que alguns imprevistos fizeram com que o meu cunhado não pudesse vir.

Ontem, às nove horas, liguei de novo, expliquei o que se passou e perguntei se era possível  alguém  levar o carro, eu passaria lá e deixaria a chave e os documentos uma vez que ia para fora, não estaria em casa.

Quando cheguei de Aveiro, à hora de jantar, o carro estava no mesmo sítio.

O meu irmão soubera do que se passava, ligou-me hoje ao final da tarde a perguntar se estava em casa, para vir cá mudar o pneu.

Mas não. Hoje  fui de autocarro para casa da minha sobrinha, estive até à hora de jantar com os meus sobrinhos netos, disse que não sabia se o funcionário da oficina tinha vindo buscar mudar o pneu, mas amanhã dizia alguma coisa. E a verdade é que, quando cheguei a casa fui ver e o carro continua junto à garagem.

Fiquei decepcionada. Se têm muito serviço e não podem dispensar um funcionário, deviam dar-me uma satisfação. No tempo em que precisava do carro diariamente para trabalhar e me perguntavam para quando o queria, sempre lhes facilitei a vida, dizendo: "logo que for possível, eu arranjo boleia". 

Eu até gosto do serviço desta oficina, caso contrário, a 500 metros cá de casa, há uma oficina de recauchutagem, depressa tinha ido lá pedir que viessem mudar o pneu (mas também só hoje me lembrei desta oficinia).

Amanhã, vou encostá-los à parede.

 

 

 

 

 

 

 

Início

Autoria e outros dados (tags, etc)

Uma escapadela

por Maria Araújo, em 29.06.15

por Aveiro, andamos de moliceiro, compramos doce de ovos (nem os provei), regressamos a casa.

Adoro as casas, os azulejos, a estação de comboios desta cidade.

(estou cansada, noite mal dormida, ficam algumas fotos)

Aveiro 005.JPG

Aveiro 009.JPG

Aveiro 010.JPG

Aveiro 011.JPG

Aveiro 020.JPG

Aveiro 035.JPG

Aveiro 050.JPG

Aveiro 070.JPG

Aveiro 073.JPG

Aveiro 082.JPG

Aveiro 102.JPG

Aveiro 103.JPG

Aveiro 105.JPG

Aveiro 106.JPG

Aveiro 112.JPG

Aveiro 117.JPG

Aveiro 120.JPG

Aveiro 127.JPG

Aveiro 125.JPG

Aveiro 129.JPG

Aveiro 133.JPG

Aveiro 137.JPG

Aveiro 140.JPG

 

 

 

 

 

Início

Autoria e outros dados (tags, etc)

pequenos nadas que me irritam

por Maria Araújo, em 28.06.15

 

mantenha_a_calma_focalizando_no_leite_spilled_cane

 

ontem à noite, sentada no sofá a tomar o leite, que me sabe tão bem, e comia umas bolachas, quando de repente, não sei como, pego na chávena e o leite espalha-se pela mesa e chão. 

hoje de manhã, depois do pequeno-almoço tirei o meu Nespresso, sentei-me à mesa, nem sequer tinha pegado na chávena para a levar à boca, um toque com o dedo ela tomba e derrama o café em cima da toalha.

com a minha sobrinha e os filhos cariocas, que estão de férias por cá, este domingo juntou-se uma parte da família em casa dela para o almoço. Estava eu na cozinha a fazer um sumo de laranja e limão e, mais uma vez sem saber como, a caneca tomba e a limonada espalha-se pelo chão.

quando guardava algo no frigorífico, encontro um espaço no meio de tanta coisa e sem que eu desse por nada, cai ao chão uma peça de loiça, que partiu, que guardava uma fatia de mamão para a papa de fruta do bebé

pequenas coisas de menor importância mas que me deixam irritada.

efeito do anti histamínico? sim!

"Estes fármacos, atuam ao nível do Sistema Nervoso Central, fazendo diminuir a atividade de um determinado recetor, classificado de "H1". Desta forma, diminuem a libertação de histamina, mas concomitantemente, diminuem também a atividade dos neurónios nesse local, provocando, muitas vezes, sonolência, diminuição do rendimento cognitivo, motor e aumento do apetite."

quando cheguei a casa por volta das seis da tarde, de tão tola de sono que estava, deitei-me no sofá e dormi uma sesta.

hoje não tomo o medicamento, amanhã tenho de estar desperta para ir passear por Aveiro...mas não vou de carro, que, por acaso, ainda está com o pneu furado.

 

 

Início

Autoria e outros dados (tags, etc)

a espetacular "junção" de Vénus com Júpiter

por Maria Araújo, em 27.06.15

 

que acontecerá no próximo dia 30 ao pôr do sol, visível em todo o mundo se as condições atmosféricas estiverem a favor.

Por cá, o tempo vai continuar cheio de sol, com certeza que vamos estar atentos e não esquecer de observar o pôr do sol e este fantástico espetáculo da conjunção de Vénus com Júpiter.

 

simulação mostra movimentação de Júpiter e Vênus em junho (Foto: astroblog | reprodução)

 

a notícia

Se você parou para curtir o pôr do sol em algum fim de tarde de junho, deve ter reparado em dois pontos bastante luminosos um pouco acima da linha do horizonte, naquela mesma direção oeste. Eram os planetas Vênus e Júpiter, os mais brilhantes do nosso céu noturno. No último fim de semana eles formaram um incrível triângulo junto da lua crescente, mas desde o começo do mês têm proporcionado um verdadeiro espetáculo aos amantes de astronomia. Enquanto ficam cada vez mais próximos um do outro, vão preparando o caminho para o gran finale que ocorre na terça da semana que vem (30).

Neste dia, os dois astros estarão em conjunção a uma impressionante distância aparente de ⅓ de grau um do outro. Eles vão estar tão grudados que podem se assemelhar a um único superplaneta e, se você estender seu dedo mindinho, conseguirá cobri-los por completo. O evento, que poderá ser contemplado de qualquer lugar do mundo, só deve se repetir em agosto de 2016. Um outro fator torna o encontro ainda mais especial: neste mês, as condições estão muito favoráveis para a observação de Vênus. Dependendo da data e do lugar, ele pode até ser visto durante o dia e tranquilamente durante o crepúsculo!

 

e o vídeo

 

Início

Autoria e outros dados (tags, etc)

a moda deste verão

por Maria Araújo, em 27.06.15

que estou farta de ver, que não fica bem a todas as mulheres, sejam elas gordas ou magras, novas ou maduras e que qualquer uma faz questão de vestir, só porque é moda.

Gosto de tecidos floridos, mas já não suporto tanta flor, tanta cor nos:

vestidos

1353064513.jpg

20150326-fotos-de-vestidos-longos-de-verao.jpg

 macacões

 

a-volta-do-macacoes.jpg

 

elas-usam.jpg

 

mas se os macacões forem básicos, sim, a coisa muda de figura. Despir a parte de cima, puxá-la para baixo e segurá-la, quando se vai à casa de banho, é o grande inconveniente desta peça.

 

MACACÃO-4.jpg

macacao-lookarrumadinho2.png

 

 

 

 

 

Início

Autoria e outros dados (tags, etc)

que pedrada!

por Maria Araújo, em 27.06.15

 

 

coeira.jpg

ando com coceira nos braços, nas costas, na barriga, fico com inchaços rosados que me incomodam.

Presumi que fosse mosquito, procurei o Fenistil, que estava fora de prazo, fui à farmácia e comprei um novo, tendo a farmacêutica dito que deveria tomar um anti histamínico, o Zirtec, por exemplo. Sempre tive estas coisas por casa, não comprei o medicamento, mas verifiquei que não tinha.

Durante uns dias, só aplicava o gel. Fez efeito, mas ficaram as marcas.

Entretanto, nova coceira, novos inchaços, pedi à minha irmã que providenciasse alguns comprimidos. Tomei durante três dias. E três dias com uma pedrada que, onde quer que me sentasse, ficava. Melhorei. E marcas nunca saíram.

Estes dias, apareceram inchaços mais pequenos, fui aplicando o Fenistil.

Se as bolhas continuarem, segunda-feira vou marcar uma consulta para a dermatologista. Nunca me aconteceu isto.

Ontem à noite, decidi tomar novamente o anti histamínico e aconteceu o que esperava. Adormeci no sofá. Ainda vi  um pouco do "5 para a meia-noite" mas depois, zero. Entretanto acordei, fui buscar as minhas bolachas e a chávena de leite, sentei-me a comer.

Depois disto, disposta a deitar-me, escovei os dentes, despertei do sono, voltei para o sofá, passava um filme na TVI que me chamou a atenção, veio a publicidade, e adormeci. Acordei às 3h e fui deitar-me, sem atinar com o que fazia.

Às 9.30h acordei com a minha gata a miar de mimo. Levantei-me abri os estores,  vi o telemóvel;uma mensagem e  duas chamadas das minhas sobrinhas a convidarem-me para ir à praia. E eu não o ouvi. À hora que me ligaram ainda eu dormia e  já estariam a caminho da praia.

Mesmo que quisesse aparecer mais tarde e estar com elas, o meu carro continua com o pneu furado. Telefonara ontem para a oficina mas fora impossível virem cá substituir o pneu e como não preciso dele, facilitaram e eu também não me importei.

Hoje era dia de piscina mas teria de levar o saco com toalhas, chinelos, roupa e tudo mais que preciso. Sem carro e andar cerca de 3km para o ginásio mais o regresso, com um saco na mão...e com este calor, não dá. Decidi caminhar.

Nunca vejo televisão à hora do almoço, mas liguei-a porque estava a dar o "Alta Definição" com o Professor Marcelo Rebelo de Sousa (gostei de o ouvir), sentei-me no sofá e os meus olhos fechavam-se...perdi alguns minutos da entrevista.

Lavei a loiça, tomei o meu Nespresso, sentei-me a ler alguns blogs, mas o  sono é tão grande que vou para o sofá deixar-me dormir.

Vou tomar o anti histamínico (à noite) por mais dois dias mas, " bolas, deixa-me pedrada!"  . E já ando nisto há três semanas.

 

 

Início

Autoria e outros dados (tags, etc)

Para quem tem dúvidas

por Maria Araújo, em 26.06.15

encontre aqui a "tendência" do curso a escolher.

 

 

11011751_755612894555605_6414106893397932627_n.png

 

Início

Autoria e outros dados (tags, etc)

A voz

por Maria Araújo, em 25.06.15

Retro-housewife-vacuuming-a-floor-2201727.jpg

 

Estava a aspirar a casa (não é a semana da empregada), quando o telefone tocou.

Pensando que era o mecânico que vinha buscar o carro, que não veio, fui atender.

Uma voz masculina perguntou se era a senhora Maria A, (estive para dizer que era uma familiar dela, como fiz hoje de manhã a uma das três operadoras do nosso mercado de telecomunicações e...despachei-a) respondi que sim (será que gostei da voz, ahahahaha!) e o senhor apresenta-se e diz que está a falar do Holmes Place, pede desculpa por não terem respondido aos e-mails e que provavelmente não receberam o primeiro mas que estava muito interessado que eu passasse lá, que tinha uma aula especial hoje, e que teria muito prazer que fosse à aula.

Sorri...

Expliquei que tinha falado com uma menina sobre o assunto, que hoje não podia ir à aula experimental porque estou sem carro, que fica para a próxima semana, e que passo lá para marcar o dia.

Muito simpático, mais um pedido de desculpa, desligou.

Mas se eu não tivesse ligado, ainda hoje não tinha resposta.

 

 

 

 

 

Início

Autoria e outros dados (tags, etc)

a experiência que não chegava

por Maria Araújo, em 25.06.15

Quase dois meses à espera de confirmação para experimentar esta aula, antigravity, e não recebendo resposta aos meus e-mails, só quando liguei para(pediram desculpa) é que consegui marcar.

Desliguei. Mais tarde, lembrei-me " oh! logo hoje que estou sem carro! Bolas, esqueci-me!"

Iria a pé, mas ainda é mais longe que o meu ginásio e como aguardo que venham buscar o carro, o que poderá ser no final do dia, está fora de questão.

Fica para a semana.

Lamento não haver em mais ginásios, em particular no meu.

femina_jan_26_pg_136_page_1_image_0001_1361168907_

 

 

 

Início

Autoria e outros dados (tags, etc)

Saldos de verão

por Maria Araújo, em 25.06.15

 

 

Sem Título.png

 

Levantei-me para ir à oficina, longe de casa, tive de ir a pé, mas preferi  falar com o responsável para mudarem o pneu e levarem o carro para uma revisão. A coisa funciona melhor pessoalmente, embora só tenha a dizer bem do trabalho deles.

Antes de sair de casa, vi o telemóvel. Tinha uma sms da Massimo Dutti (zanguei-me com eles há um ano, só lá vou nos saldos) a informar que entravam hoje em saldos.

Como no percurso para a oficina passo lá, entrei.

Fiquei admirada porque não tinha fila para a caixa, o ambiente estava calmo, só os provadores estavam ocupados.

Peguei nas peças que poderia estar interessada, vi as calças de ganga (dei as minhas calças, só tenho um par Levis que têm 4 anos)  peguei no único número 36 que encontrei e fui para o provador. Uma das peças era grande, as calças estavam bem, saí.

Entretanto, dou mais uma volta e vejo uma camisa que me captou a atenção, havia o tamanho "S", voltei aos provadores, enfiei a camisa. Não estava mal, mas se fosse o "XS" de certeza que ficaria melhor.

Saí dos provadores, encontro uma amiga, conversamos um pouco, vem a funcionária que lhe entrega uma peça de roupa e aproveito para perguntar se havia o modelo da blusa no tamanho que eu queria.

A funcionária foi ao armazém, esperei 5 minutos e vem ela com uma peça "XS". Boa! Raramente consigo tamanhos pequenos.

Fui para a fila e à minha frente estava uma pseudo senhora  rica, que conversava com o funcionário que estava na caixa.

O tom de voz que ela usava queria mostrar que seria uma mulher importante. Ok, nada que me afectasse. O que me "afectou" foi o facto de sistematicamente olhar de lado para as pessoas que estavam na fila e, um gesto característico dessas senhoras pseudo-ricas, puxava o cabelo para o lado, mexia a cabeça e voltava a olhar de lado ...para verificar se as pessoas olhavam-na.

Ora a MD é uma loja onde se vê este tipo de mulheres e isso mete-me um nojo porque os funcionários têm, também, a mania da importância.

E quando me zanguei com eles, foi pelo desprezo com que me trataram. E detesto a hipócrisia de algumas funcionárias quando vêm fumar para a porta e eu passo e dizem "olá, como está?".

 

 

 

 

 

 

Início

Autoria e outros dados (tags, etc)

Pág. 1/7





Desafios de leitura

desafio

Selo 5º Encontro.PNG


Outro cantinho




https://www.instagram.com/mariaauroraaraujo/

Encontros

encontro MARCADOR



Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2014
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2013
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2012
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2011
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2010
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2009
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2008
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D