Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]




Diário de bordo

por Maria Araújo, em 31.01.09

Gosto de ler as lindas palavras de uma jovem com o endereço diáriodebordo aqui nos meus links.

Hoje postou uma história muito humana, sensível, que me pôs a pensar na importância damos às coisas supérfluas da vida.

Como nesta história, também tive momentos de esperança, de alegria em ver que os meus familiares que faleceram, também tinham grande força para lutar contra essa terrível doença "câncro",

Penso todos os dias que um dia vou ser eu a passar por estes momentos. Não sei se vou ter coragem,embora seja uma pessoa corajosa,  e tente suportar a dor com resignação. Mas vendo o que já vi, não sei.

Não quero com isto dizer que vivo obcecada com a doença. Não. Penso nela como algo que poderá acontecer, e que terei de ter a força que todos têm para viver os dias bons com muita energia, fazendo o que gosto: ler, passear pela praia no Inverno, postar no meu blog, e dedicar o tempo que for possível àqueles que eu amo e que fazem parte da minha vida.

Todos os dias da minha vida penso no meu trabalho, nos meus alunos, nos colegas com quem me dou melhor, nos meus amigos(as), na minha família.  Não gosto de comentários negativos, tento ver as coisas hoje,com projecção no amanhã, mas resolvê-las com serenidade.

A vida é breve. Quero amar, sentir-me amada. Quero sentir que quem gosta de mim é leal comigo como eu sou com eles.

Quero acima de tudo gostar de mim, respeitar-me e transmitir esse respeito a todos aqueles que todos os dias estão comigo e confiam em mim.

Quero ser eu.

À Diana, do diário de bordo, obrigado pela história. É  uma mulher  boa, sensível, preocupada.Força para si ,que também precisa.

Eu sei.

 

 

 

 

Início

Autoria e outros dados (tags, etc)

MSN

por Maria Araújo, em 27.01.09

Entrei no messenger. Abre uma  janela com notícias destaque que não tenho por hábito ler, visto que, frequentemente editam notícias cor-de-rosa a  que eu não dou grande importância. Mas hoje vi o nosso planeta em destaque e o título levou-se a ler o artigo.

"1 000 anos para recuperar  a temperatura normal!"

Sou defensora da preservação do ambiente e faço o que está ao meu alcance, em casa, na escola, no café, na praia, na montanha, em qualquer lado para proteger este planeta globalizante, em que os interesse falam mais alto.

Penso que está nos nossos actos e pensamentos fazer alguma coisa para que ,nem que seja serenamente, consigámos transmitir às crianças que precisamos de viver em paz com a natureza.

Pensemos  nas alterações climáticas, na floresta que arde todos os Verões em qualquer cantinho do globo, na vida selvagem que está extinguir-se, no grande crescimento de hotéis de luxo e resorts espalhados pelo "cantos" da terra.

A água é um bem a preservar.  Quando vou para a escola e vejo em exposição, ao ar livre, as grandes piscinas aptas a serem colocadas nas vivendas que assolam os arredores de Braga, penso na grande volume de água que elas comportam.

Se todos queremos que nos próximos 30 anos as nossas crianças vivam num mundo de paz  ambiental, por que a outra jamais haverá, é urgente que nós, os adultos, lhes ensinemos que  atirar uma simples embalagem de iogurte para o chão, já estão a contribuir para o aumento da poluição. Mas tenho consciência, pela experiência que tenho, que os pais são os primeiros a não "incutiram" a ideia de ar puro, natureza limpa, aos seus filhos.

São inúmeras as vezes que vejo, nas salas de aula, lenços de papel no chão, para não falar das chiclets coladas nos assentos das cadeiras, nos tectos e, óbvio, nos recreios. Chamo-os à atenção  e respondem-me "Isso não é meu. Não fui eu". E  para que aprendam e infiram o meu gesto, apanho e vou pôr no lixo.

Quero ter esperança no futuro, viva o tempo que tiver de viver.

 

 

                                                                                                                                                   

Planeta precisa de mil anos para recuperar temperaturas normais

Alterações climáticas

 

 

As alterações atmosféricas causadas pelas emissões de dióxido de carbono (CO2) são irreversíveis, de acordo com um estudo publicado na revista "Proceedings of the National Academy of Sciences".

A investigadora Susan Solomon diz que a eliminação desse gás poluente da atmosfera de forma imediata não ajudaria a remediar a actual situação.

 

 

O planeta demorará pelo menos mil anos a recuperar as temperaturas normais, pois estas se irão manter durante muito tempo nos mares, assegurou a cientista, que acrescentou ainda que são falsas as ideias de que a mudança climática apresenta riscos menores e que as mudanças poderiam ser revertidas em poucas décadas.

 

 

"As mudanças climáticas são irreversíveis, pois as emissões de dióxido de carbono já estão a acontecer", explicou Solomon, do Laboratório de Pesquisas da Terra na Administração Nacional Oceânica e Atmosférica (NOAA, sigla anglo-saxónica).

 

 

As alterações centram-se principalmente no aumento das temperaturas, mas também nas reestruturações das chuvas na zona do Mediterrâneo, no sul da África e na região sudoeste da América do Norte.

 

 

A investigadora afirma ainda que é preciso tomar medidas imediatas para impedir que os danos sejam ainda piores.

 

 

(retirado do site MSN)

 

 

 

 

                                                                                                

 

Início

Autoria e outros dados (tags, etc)

Homer Simpson e os sete pecados mortais

por Maria Araújo, em 25.01.09

Ao visitar  o blog da justmoments e encontrei este desafio dos sete pecados mortais, muito bem aqui representados pekla figura de Homer Simpson.

Não vou convidar nenhum amigo ou visitante a fazê-lo. Vou apenas dizer o que penso.

 

 

 

 

 

 

avareza - sou um pouco altruísta.

 

gula -  só por chocolates, mas controlo-me. Não sou gulosa, nem invejo quem é.

 

inveja - quem não tem inveja de ver uma gaja mal enjeitada com um gajo bom a seu lado?

 

ira - sim, quando o silêncio dele  é grande

 

luxúria - ás vezes sabe bem sentirmo-nos as mais belas, as melhor vestidas!

 

orgulho - sim, quando faço algo bom por alguém ou por mim.

 

preguiça - hummmmm! Quando o tempo está péssimo, como esteve hoje, sabe bem a cama...mas acompanhada.  Não sou preguiçosa.

 

 

 

 Mas afinal o que é o pecado 

 

 

 

 

Início

Autoria e outros dados (tags, etc)

Corações partidos

por Maria Araújo, em 23.01.09

Costumo frequentar certos blogs, cujos autores são quase "letrados" na arte de escrever. Expõem as suas opiniões, os seus conceitos sobre os assuntos mais actuais no que se refere aos sentimentos, dão sugestões, fazem critícas, provocam discussões abertas entre os comentadores.

Hoje fui visitar o blog de oarrumadinho. É um perito a escrever. Tem sentido de humor, sabe o que diz, tem conceitos próprios de um jornalista, um pouco de narcisismo, discreto,  que provoca alguma celeuma entre comentadores  - os anónimos.

Por vezes o blog é uma autêntica "arena" de insultos entre comentadores, o que não é nada positivo.

Quem vai aos blogs, aceitando ou não o que lá está escrito, deve respeitar as opiniões, as imagens, as músicas, do seu utilizador. Os outros , como eu, limitamo-nos a criticar/opinar/dar sugestões, ou simplesmente ignorar se o tema não nos interessa.

Copiei este post, informando devidamente o seu autor, para que, quem aqui vier possa , se quiser, dar uma opinião sobre o tema.

O meu comentário , transcrevo-o para aqui também.

 

 

 

 

 

Os homens sofrem menos por amor do que as mulheres, dizia ela.
Os homens sofrem tanto por amor como as mulheres, dizia eu.

Não houve consenso.

Os homens sofrem por amor. Sofrem mesmo. Sofrem ao ponto de não terem vontade de sair de casa, da cama, do pijama. Sofrem com aquela força que nos dá vontade de dar cabeçadas na parede. Sofrem e agarram num carro e vão por aí e vão depressa e vão devagar e param e arrancam, perdidos, sem rumo, sem ideias, sem vontade, sem nada. Os homens sofrem por amor.

Um homem de coração partido é um farrapo. É o Benjamim do "Namoro", do Fausto.
Só que nem todos andamos barbados, sujos e descalços quando levamos com os pés, ou quando temos o coração a bater para o lado errado. Muitos de nós, homens, encontramos forças para esconder os cacos espalhados dentro do peito. Levantamos o tapete e varremos tudo lá para baixo, para a casa parecer limpa. Mas não está. Está mais suja do que nunca.

Um homem de coração partido consegue sobreviver, mas nunca viver. Consegue sorrir, mas nunca ser feliz. Consegue foder, mas nunca amar. Consegue pensar, mas nunca brilhar. Um homem de coração partido consegue tudo, mas não consegue nada.

Há homens que com um estalar de dedos fazem puff!!! e tudo desapareceu. Foi-se o amor, foram-se os cacos, foi-se o passado, foi-se o lixo debaixo do tapete. Olham em frente e só vêem vida, cores, luz.

Há homens assim. Como há mulheres assim.

Um coração partido não tem género. Só tem dor. Seja de homem. Seja de mulher

 

 

 

Anónimo cantinhodacasa disse...

 

"Muitos de nós, homens, encontramos forças para esconder os cacos espalhados dentro do peito. Levantamos o tapete e varremos tudo lá para baixo, para a casa parecer limpa. Mas não está. Está mais suja do que nunca."

Teu post de hoje está demais!
Faço tuas as minhas palavras, com a diferença que sabes exprimir o que sentes, e tens coragem para o fazer.
Quero dizer que, sou mulher mas sei que os homens, aqueles sensíveis, com boas intenções,ternos, meigos, reagem exctamente da forma que tu aqui descreveste.
As mulheres têm sempre uma amiga com quem desabafar. Têm outras preocupações. Têm mil e uma ideias a fervilharem na mente, logo, mesmo que sofram, despejam com as tarefas, as amigas, os filhos, os colegas do trabalho.
Os homens, por vezes, fazem-no com uns copos à sua frente num bar qualquer, até caírem de bêbados.
Sinceramente, todos sofremos, mas prefiro a reacção das mulheres. E não é por que sou mulher.
É porque o silêncio dos homens magoam as mulheres.
Beijinho e parabéns pelo post.

23 de Janeiro de 2009 23:08

 

 

 

Início

Autoria e outros dados (tags, etc)

da Si, para si, aqui no cantinhodacasa

por Maria Araújo, em 23.01.09

O que encontrei no blog da Si

 

Fiquei

Início

Autoria e outros dados (tags, etc)

Condom, in hummm....I see.

por Maria Araújo, em 22.01.09

Lindo este vídeo retirado do blog,  hummm...

 

 

Início

Autoria e outros dados (tags, etc)

Tags:

Limites!

por Maria Araújo, em 21.01.09

Hoje fui à minha aula de hidroginástica. Faltei durante um mês porque as reuniões, o Natal, a fisioterapia, tudo me impediu de ir à piscina.

Tinha uma aula às  10 horas da manhã, uma aula que tem muita mulher mais "cota" que eu, outras menos, mas  divertidas e imprimem alguma risota durante a mesma.

Mas já tinha observado que, por vezes, as senhoras não conhecem os limites e exageram.

Costumo estar "quieta" no meu canto a fazer os exercícios correctamente, evitando "tropeçar"  em alguma senhora que esteja atrás de mim.

Felizmente ainda sei coordenar o meu espaço o que poucas senhoras conseguem e isso irrita-me , por que quando tal, recebo um pontapé.

Também há senhoras que têm a mania de ocupar sempre o mesmo espaço na água. Sendo as últimas a chegarem à aula, perdem o lugar, penso eu. E que saiba, não há lugares marcados!

Irrita-me profundamente. Se eu cheguei cedo, vou para um lugar da piscina que gosto, onde a água me passa acima do peito. Ninguém tem nada que me dizer que está habituada áquele espaço. Fico f..........!

Mas como sou educada, dou o dito cujo lugar e que me deixem em paz.

Pois bem, como ia contar, hoje o professor chateou-se na aula e com muita razão.

Faltariam cerca de 10 minutos para o final da aula, quando o professor pede ao mulherio que se encosta à parede da piscina, do lado em que se encontrava. Algumas senhoras , e eu também, cumprimos, mas as outras  foram para o lado oposto.

O professor disse que poderiam ficar nesse lado, e tentou explicar a coreografia.

Elas, as do lado oposto, para além de estarem na conversa, não entendiam nem deixavam entender a explicação do professor.

De repente, o professor tira as sapatilhas e o top, põe a touca e atira-se para a água.

Elas batem palmas e berram "boa professor, assim é que é!"

Este tenta explicar, dentro da água, a coreografia. Elas, em vez de tentarem ouvir e perceber, seguem os movimentos dele, não permitindo que eu percebesse também (gosto que façam primeiro para seguir o exemplo eficazmente).

Alguém bate no meu ombro e diz para eu andar para a frente. Dei uns passos, olho para o centro da piscina  e vejo o professor a tentar fazer-se ouvir. Como a falta de atenção era grande, o professor vira costas, sai da piscina e diz "desisto".

Silêncio total. Eu, caladinha como sempre estou, observava-o e falava com os meus botões "O professor está a sentir nesta aula o que tu sentes com os teus alunos quando estes não escutam o que dizes. Frustração!"

O professor continuou a aula fora da piscina sem nada comentar. Algumas das senhoras que estavam perto de mim perceberam que ele estava com frio.

Faz-se o relaxamento. Acaba a aula. O professor, que geralmente dirige alguns gracejos ás  senhoras mais chegadas, diz apenas "Até á proxima". Estava magoado.

E eu pensava : "Afinal os mais velhos não são exemplo para ninguém."

Fiquei desiludida também.

Vou começar a frequentar a aula das 9h, à Segunda-feira.

 

 

 

 

 

 

 

Início

Autoria e outros dados (tags, etc)

Reportagem RTP2

por Maria Araújo, em 21.01.09

HOMICÍDIO NA NEVE

 
 
Sobre este programa:
 
Titulo Original:«NATIONAL GEOGRAPHIC : MURDER IN THE SNOW»

 

Todos os anos milhares de jovens tibetanos arriscam as suas vidas a atravessar os Himalaias
 
 
 
+ info:

Todos os anos milhares de jovens

 

 

Passeava pelos canais para ver algumas notícias, quando parei no canal 2 da RTP.

Decorria uma reportagem sobre alpinistas que frequentemente sobem o Tibete.

Um dos alpinistas filmou um grupo de  jovens Tibetanos que tentava atravessar a fronteira dos Himalaias para chegar ao Dalai Lama.

Este grupo era  vigiado por jovens soldados Chineses, que o perseguia impedindo-o de atravessar a fronteira.

Um dos alpinistas, filmou o assassínio de uma jovem freira de 17 anos, a última do grupo.

Foram denunciadas 8 mortes, embora só a da jovem freira tivesse sido confirmada pelas autoridades Chinesas.

Um dos Tibetanos conseguiu esconder-se na casa de banho dos alpinistas, cobrindo-se com papel higiénico sujo .

Conseguiu escapar á ronda que os Chineses faziam ao acampamento alpinista.

Todos os elementos do grupo de alpinistas silenciaram o acontecimento. 

Um deles, não aguentando a atrocidade vista, consegue enviar um e-mail para os EUA, pedindo o anonimato, informando do que se passava por lá.

Os outros alpinistas silenciaram, até ao dia em que um deles regressa à Roménia e envia os filmes para a internet.

Rapidamente a notícia se espalhou pelo mundo.

O alpinista em questão sabia que seria "penalizado" pela informação,mas não quis calar a cruel atrocidade.

Belo exemplo de solidariedade para com o povo Tibetano.

 

 

 

 

 

 

Início

Autoria e outros dados (tags, etc)

Obama

por Maria Araújo, em 19.01.09

Os planos que tinha para hoje foram alterados.

Não fui à minha aula de hidroginástica, porque precisava de dormir. Contava ir no final da tarde, mas aproveitei para ir ao médico fisiatra, uma vez que acabei a fisioterapia há uma semana e não tinha tido oportunidade de marcar a consulta.

Como estive 1h25 á espera da consulta, a aula de hidro do fim da tarde, foi á vida.

Quarta-Feira vou, pelo que não não tirei a roupa do saco.

Estive a trabalhar antes da consulta. Imprimir imagens no pc para um trabalho do clube de Inglês (há que motivar os meninos para a disciplina).

Vim para casa, pintei o cabelo, fiz o jantar e colei as imagens na cartolina.

Pois, o trabalho é sobre Barak Obama.

Pus uma imagem das Montanhas Rushmore com os 4 Presidentes esculpidos na montanha.

1º,  George Washington, 3º , Thomas Jefferson, 26º, Theodore Roosevelt, 16º , Abraham Lincoln.

Pus biografia de Barak Obama, em Inglês e  2 fotos,  que copiei da Wikipédia,   com a sua assinatura. No topo do cartaz coloquei a bandeira dos Estado Unidos.

Fiz uma montagem em que diz: "The President of the XXIst century", " The 44th President of The United States of America" , " The person of the year 2008" e " Barak Obama, taking office, January  20, 2009".

Acabei de o fazer há momentos. Está simples mas apelativo.

Tudo isto porque amanhã quero que os miúdos vejam que não esquecemos este dia e tenham alguma consciência da importância da Língua Inglesa na escola, na vida e no mundo.

Já tenho blog para as minhas turmas.  Postei um exercício e um jogo.

Já lá foram os alunos que eu não esperava que fossem. Os de nível médio. Os bons , ainda não "apareceram".

Foi este o  eu dia, que apesar da chuva (apanhei uma valente molha hoje de manhã, armada em esperta), mas o dia foi produtivo, mesmo em greve à escola.

 

 

 

 

Início

Autoria e outros dados (tags, etc)

Dia de Inverno

por Maria Araújo, em 18.01.09

Estes dias não tenho andado com imaginação para escrever. Muito trabalho para fazer, o tempo está cinzento de mais para sair de casa. Sinto-me monótona.

Bem-te-vi por Ernanib

 

Já visitei vários blogs, aqueles onde as pessoas relatam o seu dia-a-dia, as suas tristezas,  sentimentos e preocupações de uma vida que parece complicar-se.

Amanhã vou á minha hidroginástica. Há mais de um mês que não sinto o movimento da água no meu corpo, o relaxamento que esta proporciona á minha mente, que precisa de descanso.

Amanhã não  vou á escola. Vou fazer greve. Mas tenho imenso trabalho para fazer. Aulas para preparar, o blog que já está a ser visitado pelos alunos, a formação que estou a frequentar, a lida da casa.

Preciso de Sol. Preciso das minhas caminhadas pela praia, da aragem fria do Inverno que me acaricia o rosto.

Quarta-Feira tenho uma consulta na Póvoa de Varzim. Oxalá o tempo melhore, mas as previsões não "apontam" para isso.

Aqui neste cantinho preciso de um carinho, de uma palavra, de ânimo.

 

Entretanto vou vendo o filme em exibição na RTP1

 

 

 

 
 
A VERDADE ESCONDIDA
 
22:57
Eles tinham um casamento perfeito até que ela descobre o que estava errado...

 

 

Início

Autoria e outros dados (tags, etc)

Pág. 1/3





Desafios de leitura

desafio

Selo 5º Encontro.PNG


Outro cantinho




https://www.instagram.com/mariaauroraaraujo/

Encontros

encontro MARCADOR



Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2014
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2013
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2012
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2011
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2010
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2009
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2008
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D