Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]




"Em parte incerta"

Cantinhodacasa, em 30.10.14

Na sala de espera da fisioterapia, entra um amigo meu com a revista Visão na mão. Dá uma olhada e diz-me: "Fui ver este filme. Muito interessante. Fala de um casal... Gostei muito."

Gosto de ouvir opiniões porque me levam à sala de cinema. E fiquei curiosa...Está por cá e tenciono vê-lo.
Mais aqui.

 

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)


So busy...

Cantinhodacasa, em 30.10.14

hvmaio 2013 264.JPG

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

Tags:


The World Needs Nata

Cantinhodacasa, em 29.10.14

Anda aqui uma mulher a evitar passar pelas casas da especialidade das tentadoras natas cá do burgo (como aconteceu hoje quando regressava a casa) entra no Sapo e dá de caras com esta provocação.

Vão queridas natas! Viajai por esse mundo, tentai as gulas de fora, como deliciais as gulas, cá dentro.

Hummmm, comia-vos agora mesmo, suas tentadoras!

 

Natas.png

 

Autoria e outros dados (tags, etc)


O respeito

Cantinhodacasa, em 29.10.14
 

Fui ao cemitério limpar a urna dos meus familiares (não é só em vésperas de finados que o faço) fui comprar círios e flores, pedi um balde emprestado (consegui fazer tudo com a mão esquerda) e no momento que estava a fazer o pagamento, a florista (cerca de 62 anos) levanta a voz "porque a senhora quer estes fetos, mas estes não lhos dou porque são caros, dou-lhe dos outros".

Viro-me para trás e vejo uma senhora idosa, forte, vestida de preto que,com ar arrogante, reclamava o quê?

Segundo a florista me contou, a filha da idosa andara por todas as bancadas à procura de umas flores (não conheço, nem sei o nome) de cor verde, lindas, por sinal, mas muitos caras. Como nesta bancada encontrou as mais bonitas e arranjadas, comprou-as.

A idosa achava que a florista devia oferecer-lhe os fetos "x" e que ela era cliente, e que a florista tinha obrigação de lhe oferecer o que ela queria. 

A florista dizia-lhe que não lhe dava esses, mas outros mais baratos, porque também  tinha de pagar ao fornecedor e a vida dela não é fácil, por isso, dava-lhe os outros.

A senhora não tem mais nada: tira o dinheiro, paga as flores ao mesmo tempo que diz para a florista: "A senhora é uma ladra!"

Palavra que esta disse, e espanto meu que nem queria acreditar no que ouvira: "Ladra, eu? A filha da senhora andou aqui e acolá a ver as flores, veio à minha banca porque disse que as minhas eram as mais bonitos e chama-me ladra só porque não lhe ofereço os fetos mais caros? Se a senhora quer os fetos leva os que lhe ofereço, ou então não lhe dou nada!"

E a idosa continuava a reclamar e volta à carga: "a senhora é sim, uma ladra".

A filha da idosa aproxima-se, conversa com a mãe, baixinho, vira-se para a florista e diz "então a senhora não dá os fetos à minha mãe?"

A florista contou o que acontecera e que a mãe a insultara de ladra. E a filha em defesa da mãe, responde: "a senhora é uma ladra, sim!"

E foi então que a filha da florista, que fazia os ramos e mantivera-se calada, reagiu também. Vai em defesa da mãe e atiram-se às outras duas...

E eu nem queria acreditar no que ouvia e via.

Tentei acalmar os ânimos, disse à florista para não lhe responder, não se sabe o que estas pessoas podem fazer, "deixe lá", dizia eu, ao mesmo tempo que a filha desta dizia aos berros,e para arrumar com a discussão: "Mãe, esquece. Acaba com a conversa. Deixa-as ir. Cliente destas não queremos aqui. Mãe, pára de barafustar"

E a florista reclamava "Olhe que isto é um caso de políca. Chamar-me ladra! A senhora não entende que não posso dar-lhe o que quer? Ladra, eu?"

E a idosa, de bengala, e ajudada pela filha, vão para o carro. Entretanto, dois homens também de idade avançada,sentados num banco em frente à bancada, levantam-se, acompanham a senhora e a filha, entram no carro e vão embora.

Os dois homens assistiram a tudo e não intervieram. Provavelmente, já conhecem as peças (coisas minhas).

No final, comentei com a florista: "Há idosos que pensam que porque são mais velhos têm direito a benesses e abusam dos mais novos. Neste caso, não teve respeito por si. Não se incomode, está um dia bonito, esqueça o assunto".

E fui à minha vida. Quando regressei para lhes entregar o balde, elas estavam mais calmas.

É um facto que constato: os idosos merecem todo o respeito, mas muitos não têm o direito de fazerem o que lhes apetece, só porque são idosos.

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

 

 dr.png

Não podia deixar passar esta lindíssima frase e imagem em homenagem  do 100º aniversário do nascimento do grande homem que foi Jonas Salk e o seu trabalho na pesquisa desta vacina que seria a cura de milhares de crianças

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)


Um look chique

Cantinhodacasa, em 27.10.14

dbf756871b726a1b1cf3824d6d7ce59e.jpg

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)


Finalmente

Cantinhodacasa, em 26.10.14

o Braga ganhou em casa ao Benfica, yeah!

Ouvindo os "gooooooooolo" dos miúdos do andar de cima,só podiam ser do Braga.

braga.png

 

Ó Jesus, oh, lamento!

 

braga 2.png

 

Autoria e outros dados (tags, etc)


Caminhar no outono com sabor a verão

Cantinhodacasa, em 26.10.14

À excepção de sexta-feira, que fui ao Porto, a semana foi  muito bem aproveitada para caminhar todas as manhãs, cerca de 6/7 km.

Como ainda não posso ir ao ginásio, comecei a fisioterapia à mão há quatro dias, tenho tido algumas dores no pulso, o médico acha muito cedo, ainda, para regressar ao ginásio.

Quase dois meses sem actividade física é muito e sinto que o meu corpo pede exercício.

Então hoje, fui caminhando, caminhando, a temperatura era a ideal para caminhar, dei por mim na direcção do Bom Jesus.

Muitos casais, famílias, mulheres, homens subiam e/ou desciam a rodovia.

Cheguei aos escadórios e pensei em voltar para trás. Desisti. E subi com ideia de descer de elevador.

A fachada da igreja está de rosto lavado, entrei no santuário, como sempre faço.

Desci no elevador.Um autocarro estava a chegar ao parque junto à entrada dos escadórios mas fiz o regresso a casa, a pé.

Antes, fui tomar um óptimo café Buondi num quiosque que fica junto ao célebre restaurante "Pórtico" (que bem se come por lá).

A meio da descida, antes de atravessar para o outro lado da via, com mais sombra, um restaurante chamou-me a atenção para um pequeno placard com a ementa, fechado por uma portita em vidro, que de tanto se refastelar ao prazer do sol, mal se distiguiam os muitos e variados pratos e os preços. Mas vi um que me fez uma fome e uma saudade imensa de comer: "pica-no-chão", 42,50 euros.  

E se tivesse levado um bom dinheiro, entrava e trazia uma dose de qualquer um dos pratos que não consegui ler. É que o restaurante serve almoços para fora, tem um aspecto tão caseiro e com uma gastronomia à  moda do Minho que me leva, por um dia,  a mandar os cuidados que tenho com a alimentação à merda.

E prometi a mim mesma que hei-de lá ir uma noite destas.  

Adiante, que já sinto o pica-no-chão nas papilas gustativas. Não sei quantos quilómetros são de minha casa ao escadórios, mas presumo que serão  6 km, teria caminhado cerca de 12 km.

Com sabor a Minho, a continuar este outono com temperaturas de verão, tenho caminhada para toda a semana.

 

bom jesus 002.JPG

bom jesus 003.JPG

 (um grupo de cavaleiros subia o Bom Jesus)

bom jesus 009.JPG

 ( a casa mais bonita )

bom jesus 019.JPG

 (na subida)

bom jesus 023.JPG

bom jesus 028.JPG

bom jesus 029.JPG

bom jesus 032.JPG

bom jesus 033.JPG

bom jesus 038.JPG

bom jesus 042.JPG

bom jesus 046.JPG

bom jesus 053.JPG

(o elevador) 

 

 

restaurante-adega-regional-de-tenoes-1.jpg

(o restaurante, imagem da internet) 

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)


Decoração

Cantinhodacasa, em 25.10.14

Tenho planos para uma  parede do escritório repleta de fotografias da família, agora que já tenho dois sobrinhos netos, o António Pedro, com 2 anos, a Anna Sofia que nasceu há 15 dias, e o terceiro que nasce pelo natal, esta e uma boa sugestão para não furar as paredes.

 

Jennifer Schoenberger Design.jpg

daqui

 

Autoria e outros dados (tags, etc)


Não é o dinheiro que me enche a alma

Cantinhodacasa, em 25.10.14

são as pequenas coisas que me fazem estar bem com a vida. E eu gosto delas.

 Obrigada, Sapo, por isto.

 

blog-d.png

(faço questão de ter aqui ao meu lado a minha querida MAC, a blogger que alegra a nossa vida...em azul) 

 

 

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)



Calendário

Outubro 2014

D S T Q Q S S
1234
567891011
12131415161718
19202122232425
262728293031





destaques Sapo

destaque blog d DSC03325 destaque Sapo Nova imagem 001 recorte Sapo destaque 2 destaque destqaue 6 destaque 5 destaque 3 destaque 1 novo blog 5 novo blog 2


Arquivo

  1. 2014
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2013
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2012
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2011
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2010
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2009
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2008
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D

destaque